14 Filmes de Terror que Chegam Em Breve

14 Filmes de Terror que Chegam Em Breve

COMPARTILHE!
Dê a sua Nota

Se você é fã de terror, uma boa notícia. Que tal uma lista com as principais obras de terror prometidas para esta segunda metade do ano, ou que foram lançadas em outros países e ainda não aportaram no Brasil. Veja abaixo a lista e prepare-se para tremer de medo.

Terror nos Bastidores

The-Final-Girls

Com o título e ideia bem parecidos com os do filme citado acima, The Final Girls soa bem mais como uma sátira de tais filmes. Taissa Farmiga (Bling Ring), irmã da atriz Vera Farmiga, interpreta uma jovem estudante colegial, lidando com a morte da mãe atriz de filmes de terror. Incrivelmente, ela é transportada ao lado das amigas para dentro do filme de terror mais conhecido de sua mãe (papel de Malin Akerman) e assim a reencontrando.




A reunião familiar promete não ser tão doce quanto esperada, afinal um maníaco mascarado é o centro da obra e tentará as eliminar. The Final Girls foi exibido em diversos festivais de cinema especializados no gênero e comprado pela Sony para o lançamento em outubro. No Brasil, chega direto em Home Video em novembro.

Garota Sombria Caminha pela Noite

A-Girl-Walks-Home-Alone-at-Night

Intitulado Garota Sombria Caminha pela Noite e A Garota que Anda à Noite (no Imdb) em português, este é provavelmente o filme de vampiro mais diferente dos últimos anos. Trata-se de uma produção de arte, toda criada em preto e branco, e passada no Irã – embora seja uma produção norte-americana (falada em persa).

Na trama, uma vampira solitária persegue suas presas na cidade fantasma iraniana Bad City, um local melancólico. A Imovision adquiriu os diretos do filme, que aparentemente teve seu lançamento adiado, e prometido agora para 12 de Novembro.




A Visita (The Visit)

A-Visita

Night Shyamalan já foi um nome chamativo da sétima arte, acredite. De uns tempos para cá, no entanto, o cineasta parece não acertar muito. Depois de uma temporada produzindo a eficiente Wayward Pines, o diretor volta ao cinema (seu último filme foi Depois da Terra, em 2013) e ao gênero que tanta ama. O problema é que os filmes de terror totalmente declarados do cineasta não costumam ser, digamos, aproveitáveis, vide Fim dos Tempos (2008) e Demônio (2010) – o qual escreveu o roteiro.

Seja como for, desta vez, em estilo found footage, Shyamalan oferece a visita mais assustadora da história aos queridos avós. Ou ao menos esta era a intenção, já que o filme é descrito também como uma comédia. Estreia: 12 de novembro.

Maggie – A Transformação (Maggie)

Maggie-a-Transformação

Arnold Schwarzenegger passou pelo Brasil e acaba de lançar O Exterminador do Futuro: Gênesis. Antes, o ex-Governator havia aparecido no terror dramático Maggie, muito anunciado pelo alto conceito de seu roteiro. O filme fez sua estreia em alguns países, mas não alcançou o resultado planejado, e agora chega ao Brasil.

Maggie talvez queira aproveitar o filão do Terminator. No entanto, a estreia que era prometida para este mês, já foi adiada para agosto – um sinal não muito bom. Na trama, Arnold vive um homem indo até as últimas consequências para proteger a integridade da filha (papel de Abigail “Pequena Miss Sunshine” Breslin), infectada com o tipo de vírus que transforma pessoas normais em zumbis, nesta devastadora nova realidade. Estreia: Dezembro  de 2015.

Frankenstein (Victor Frankenstein)

Victor-Frankenstein

Por falar em terror clássico e gótico, que tal uma nova roupagem para um dos mais antigos contos do gênero. Esta é a história que todos conhecemos, com uma certa reviravolta. Tudo é contado através do ponto de vista de Igor, o assistente do Dr. Frankenstein, que terá sua sombria origem descortinada pela primeira vez. O jovem Daniel “Harry Potter” Radcliffe vive o ajudante, e James “Professor X” McAvoy é o personagem título. O roteiro é de Max Landis (Poder Sem Limites e American Ultra), e a direção de Paul McGuigan (Heróis). A Fox traz o filme para o Brasil no dia 26 de outubro.

Amizade Desfeita (Unfriended)

Cybernatural-Unfriended

Este é um terror que foi muito elogiado pela imprensa especializada nos EUA, surpreendida com a qualidade (inesperada) do filme mirado ao público jovem e todo criado através de webcams, visto somente por telas de computador. A premissa em si não é tão criativa e aborda uma trama envolvendo bullying e vingança. O que chamou atenção foi mesmo a estrutura narrativa criada pelo cineasta Levan Gabriadze, que de forma criativa confeccionou um filme dinâmico.

O título original do filme seria Cybernatural, mas terminou trocado nos EUA pelo mais propício Unfriended, referência moderninha. No Brasil, inicialmente o filme iria adotar o título original e ser lançado no final de maio, coisa que obviamente não ocorreu. Com o título Amizade Desfeita, o filme é previsto para 12 de novembro.

Burying the Ex

Burying-the-Ex

Exibido no Festival do Rio no ano passado, e lançado nos EUA em junho, este filme recai mais no subgênero “terrir” e tem como mote o cinema de zumbis, em voga atualmente. Outro elemento que chama bastante atenção é a presença do diretor Joe Dante (Gremlins), ícone do cinema de 1980, no comando. Anton Yelchin e Ashley Greene protagonizam como um jovem casal indo morar juntos. O sujeito ainda tem dúvidas sobre os sentimentos pela moça, e tudo muda após a morte dela.

Quando parece se recuperar do luto e abrir espaço para um novo relacionamento, vindo na forma da estonteante Alexandra Daddario (Terremoto), o sujeito precisa lidar com a volta da ex, agora uma zumbi. Ao que tudo indica, a produção terá um lançamento direto em vídeo em breve.

Life After Beth

Life-After-Beth

Outro “terrir” de zumbis, esta é uma produção da eficiente distribuidora e produtora A24, especializada em cinema independente de qualidade nos EUA. A história é muito semelhante à de Burying de Ex, e desta vez a namorada zumbi é interpretada pela musa indie Aubrey Plaza (Sem Segurança Nenhuma e Diário de uma Virgem). O namorado atormentado pela incrível situação é vivido pelo jovem Dane DeHaan (O Espetacular Homem-Aranha 2).

Aqui, porém, o desejo do namorado não é o de se livrar da companheira zumbi, mas sim tentar entendê-la e superar os “problemas” ao seu lado. John C. Reilly e Molly Shannon interpretam os pais da menina zumbi. Life After Beth tem quase 100% de chance de um lançamento em vídeo.

Before I Wake

Before-I-Wake

Filmes com crianças problemáticas também podem ser considerados um subgênero dentro do terror, desde A Profecia (1976). Aqui, Kate Bosworth (Para Sempre Alice) e Thomas Jane (Pássaro Branco na Nevasca) adotam um menino após a morte de seu filho biológico. E, você acertou, o filho adotivo não é exatamente normal. A criança parece manifestar seus sonhos na realidade enquanto dorme, o que pode ser bem perigoso para o casal protagonista.

A ideia é criativa, no entanto, este poderia ser apenas mais um filme de terror não fosse por um fato bem chamativo em sua ficha. Acontece que Before I Wake é o filme seguinte do diretor Mike Flanagan, que ano passado lançou (como roteirista e diretor) o elogiado O Espelho, um dos filmes de terror mais criativos e eficientes de 2014. Before I Wake ainda não possui data de estreia no Brasil.

Cooties

Cooties

A figura de autoridade dos professores sempre foi opressora para os alunos. Que tal se este quadro fosse revertido. O pesadelo do corpo docente de um colégio se torna realidade, quando as crianças do primário são contaminadas por uma infecção e transformadas numa espécie de zumbis raivosos (daqueles bem acelerados). Elijah Wood (Maníaco), Rainn Wilson (O Roqueiro), Alison Pill (Para Roma, Com Amor) e Jack McBrayer (da série 30 Rock) estão entre os professores.

Quem assina o roteiro é Leigh Whannell, a mente por trás da franquia Sobrenatural e o primeiro Jogos Mortais, que, como de costume, também participa como ator. Este é um “terrir” e seu lançamento deverá ficar restrito ao vídeo.

Final Girl

Final-Girl-movie

Outro clichê de filmes de terror vira mote dos próximos filmes na lista. A “última garota” é o termo usado para a sobrevivente nos filmes slasher (de assassinos com armas cortantes) – nos filmes do subgênero sempre resta apenas uma jovem para derrotar o vilão e contar a história. Mas o que aconteceria se a Hit-Girl de Kick-Ass fosse esta última garota?

Abigail “Pequena Miss Sunshine” Breslin (sim, ela de novo) interpreta a protagonista, uma menina treinada desde a infância para sobreviver a qualquer tipo de ameaça. Ela poderá finalmente pôr em prática seus ensinamentos quando um grupo de quatro jovens psicopatas (no melhor estilo Laranja Mecânica encontra Psicopata Americano) deseja fazer dela sua próxima vítima. Final Girl estreia em agosto nos EUA.

Canibais (The Green Inferno)

Canibais-The-Green-Inferno

Esta é a homenagem máxima do cineasta Eli Roth (O Albergue), amigo de Quentin Tarantino, ao cult italiano Holocausto Canibal (1980). Como no filme homenageado, um grupo de estudantes universitários viaja até a Amazônia, somente para se deparar com uma tribo canibal e viver seu pior pesadelo. A diferença está apenas nas propostas dos grupos de jovens. Enquanto no clássico de 1980 tratava-se de uma equipe documentarista, a homenagem traz um grupo de ativistas tentando salvar as florestas.

O título original “Green Inferno” é bem criativo e possui uma boa dualidade. Holocausto Canibal chocou pela violência e o realismo das cenas, se comportando como O Massacre da Serra Elétrica (1974) do seu tempo. Canibais, em se tratando de um filme de Eli Roth, promete não ficar muito atrás. Então, esperem cenas bem gráficas. Estreia: Sem previsão.

Paciente Zero

pacientezero_1

Uma pandemia global sem precedentes resultou na evolução de uma nova espécie. Uma forma agressiva da raiva transforma o infectado em predador, viciado em violência. Um sobrevivente humano inexplicavelmente dotado com a capacidade de falar a sua língua nova lidera uma caçada ao Paciente Zero, a fim de encontrar uma cura para salvar sua mulher infectada e da humanidade.

O filme promete inovar o subgênero de filmes de Zumbi, com cenas de terror fortes. O elenco é de primeira: Natalie Dormer, da série ‘Game of Thrones‘, e Matt Smith, de ‘Doctor Who‘. A estreia, inicialmente prevista pra setembro, foi adiada para 2016.

Yoga Hosers

Yoga-Hosers-movie

Desde que molhou os pés no cinema de terror, o outrora promissor Kevin Smith não deixou mais o gênero. Seus dois últimos trabalhos, Seita Mortal (Red State, 2011) e Tusk – A Transformação (2014), receberam avaliações mistas. Agora, Smith volta ao terreno de Tusk nesta espécie de derivado, para contar outra aventura de Guy Lapointe (Johnny Deep), o detetive particular com pitadas de Inspetor Clouseau.

Aqui, o foco são as balconistas de uma única cena do filme citado, interpretadas respectivamente pela filha de Depp (Lily-Rose Melody Depp) e pela do diretor Smith (Harley Quinn Smith, sim o diretor fez isso com a própria filha – o que mais esperar do rei dos nerds). As jovens se unem a Lapointe (Depp) para combater um mal antigo que ameaça atrapalha a grande noite das duas. Justin Long, Kevin Smith, Haley Joel Osment, Natasha Lyonne, Genesis Rodriguez, Stan Lee e Adam Brody completam o elenco. Levando em conta que as duas obras anteriores citadas do diretor chegaram ao Brasil direto no mercado de vídeo, Yoga Hosers deve seguir pelo mesmo caminho.

Curta nossa ENTREVISTA com a Milla Jovovich:



» Siga o CinePOP no Facebook e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema! «