A Entrevista

A Entrevista

COMPARTILHE!
A Entrevista
Avaliação: 3 - 1 votos

(The Interview)

 

Elenco:




Seth Rogen, James Franco, Lizzy Caplan, Randall Park, Diana Bang, Timothy Simons, Reese Alexander, James Yi, Paul Bae.

Direção: Evan Goldberg e Seth Rogen

Gênero: Comédia

Duração: 112 min.




Distribuidora: Sony Pictures

Orçamento: US$ 45 milhões

Estreia: 29 de Janeiro de 2015

Sinopse:

Na comédia de ação, Dave Skylark (James Franco) e seu produtor Aaron Rapoport (Seth Rogen) conduzem o popular programa de TV sobre celebridades “Skylark Tonight”. Quando descobrem que o ditador norte-coreano Kim Jong-Un é fã do show, eles marcam uma entrevista com ele na tentativa de conseguirem sua aprovação como jornalistas sérios. Mas quando Dave e Aaron se preparam para viajar à Pyongyang, seus planos mudam no momento em que a CIA os recruta, mesmo sendo os homens mais desqualificados possíveis, para assassinar Kim Jong-Un.
Crítica em Vídeo:

Crítica:

A Entrevista, por Wilker Medeiros (Nota: 6,0)

 

Curiosidades:

» Quinta parceria no cinema dos atores Seth Rogen e James Franco, após ‘É o Fim‘, ‘O Besouro Verde‘, ‘Segurando as Pontas‘ e ‘Ligeiramente Grávidos‘.

» Lançado em poucos cinemas e em streaming nos EUA, o filme arrecadou US$ 40 milhões nas vendas das plataformas digitais em que foi disponibilizada, como YouTube, Google Play e Xbox Video,  alcançando a fantástica marca de 5,8 milhões de downloads. Mesmo assim, o estúdio terá prejuízo. Uma análise da Associação Nacional de Proprietários de Cinemas, o prejuízo ficará na casa dos US$ 30 milhões. Isso sem levar em conta os US$ 200 milhões de prejuízo que a Sony terá com o ataque hacker.

» O filme continua provocando troca de farpas entre EUA e Coreia do Norte. Após o presidente Barack Obama ter criticado a Sony pela suspensão do longa, que depoisvoltou atrás e liberou a estreia nos cinemas, um porta-voz não identificado da Coreia agora acusa o líder norte-americano de ser “imprudente nas palavras e gestos” e agir como “um macaco numa floresta tropical”.

» O porta-voz da Comissão de Defesa Nacional norte-coreana chamou ainda o filme de “desonesto e reacionário, que fere a dignidade da liderança suprema da Coreia do Norte e provoca terrorismo”.

» Apontada pelo FBI como responsável pelos ataques hackers à Sony, a Coreia do Norte aproveitou para se defender no comunicado, dizendo que as acusações são “sem fundamentos”.

» Em comunicado oficial, o presidente de distribuição da Sony Pictures, Rory Bruer, comemorou o sucesso de bilheteria. “A reação do público foi fantástica”, disse o executivo.

 

Trailer:

Cartazes:

entrevista_5

aentrevista-poster1212

A-Entrevista-poster

Fotos:

Curta nossa ENTREVISTA com a Nina Dobrev:


» Siga o CinePOP no Facebook e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema! «