'A Guerra das Correntes', com Benedict Cumberbatch, é prejudicado por Harvey Weinstein

'A Guerra das Correntes', com Benedict Cumberbatch, é prejudicado por Harvey Weinstein

COMPARTILHE!

O mais novo projeto estrelado por Benedict Cumberbatch e produzido por Harvey Weinstein, 'A Guerra das Correntes', pode perder sua data de estreia.

A produção, que aparentemente tinha grandes chances de render algumas indicações ao Oscar e outras premiações, pode ser tirada do calendário de estreias da empresa. A informação foi revelada pelo portal The Playlist.

Segundo a publicação, Weinstein já havia revelado que o filme passaria por uma revisão, após não ter sido tão bem recebido pelas primeiras audiências durante o Toronto Film Festival. No entanto, o recente drama com as bombásticas revelações de assédio sexual por parte de Harvey teria comprometido ainda mais a estreia da obra, que inicialmente chegaria a algumas salas de cinema em 24 de novembro.

Esta iniciativa seria mais uma tentativa de distanciar a empresa das controvérsias envolvendo um dos principais sócios e pode postergar o lançamento do filme, deixando-o de fora da corrida pelo Oscar em 2018.




A trama é ambientada no século XIX e relata a Guerra das Correntes, uma disputa entre Thomas Edison (Benedict Cumberbatch) e George Westinghouse (Michael Shannon), sobre como deveria ser aplicada a distribuição de eletricidade. Para defender seus ideais, cada inventor iniciou uma campanha para promover suas propostas. Enquanto Edison "vendia" a premissa da corrente contínua, Westinghouse promovia a corrente alternada.

Dirigido por Alfonso Gomez-Rejon conta também com Michael Shannon, Tom Holland, Nicholas Hoult e Katherine Waterston no elenco.

Confira o trailer legendado:

 



Inscreva-se em nosso canal e receba conteúdo exclusivo » https://goo.gl/mPcJ5c