Amy Pascal deixa o cargo de co-presidente da Sony

Amy Pascal deixa o cargo de co-presidente da Sony

COMPARTILHE!

Após os ataques hackers sofridos pela Sony Pictures no final do ano passado, Amy Pascal deve deixar o cargo de co-presidente do estúdio.

Segundo a Variety, a executiva está perto de anunciar sua renúncia. Ela, porém, continuará no estúdio exercendo outra função.

A saída de Pascal acontece após uma série de e-mails vazados, que revelaram comunicações dela com outros executivos da Sony e vários projetos em andamento, comprometerem seus relacionamentos com astros de Hollywood.




Logo após os ataques, ela chegou a ser forçada a pedir desculpas aos artistas e também à produtores de alto escalão.

A crise da Sony começou com a invasão de seus computadores por hackers a mando da Coreia do Norte. Denominado “Guardiões da Paz”, o grupo vazou emails, documentos e filmes do estúdio. Por conta da ação, a Sony também foi alvo de processos judiciais de ex-funcionários, que alegaram negligência na proteção de dados pessoais.

Recentemente, a companhia iniciou o processo de demissões de 1.500 funcionários no Japão – leia mais.




Curta nossa ENTREVISTA com a Nina Dobrev:


» Siga o CinePOP no Facebook e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema! «