‘Aquarius’ e ‘Boi Neon’ entram na lista dos Melhores Filmes de 2016 do New York Times

‘Aquarius’ e ‘Boi Neon’ entram na lista dos Melhores Filmes de 2016 do New York Times

COMPARTILHE!

O elogiadíssimo ‘Aquarius‘ não foi o escolhido pela comissão do Ministério da Cultura (MinC) para representar nosso país na premiação da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood.

Mas isso não o impediu de entrar na matéria com os melhores filmes do ano pelo New York Times.

Aquarius‘ e ‘Boi Neon‘ foram citados nas listas dos três críticos das publicações.

Confira as três listas de melhores de ano do New York Times:

     

Manohla Dargis

1. Não é Um Filme Caseiro
2. Toni Erdmann
3. Moonlight
4. O.J.: Made In America
5. Três Lembranças da Minha Juventude
6. I Am Not Your Negro
7. A Chegada
8. A Criada
9. A 13ª Emenda
10. From the Notebook of…

A.J. Scott

1. Moonlight
2. O.J.: Made in America
3. Toni Erdmann
4. Cameraperson
5. Aferim!
6. Docinho da América
7. Aquarius
8. Festa da Salsicha
9. A Bigger Splash
10. Elle e O Que Está Por Vir

Stephen Holden

1. Moonlight
2. O.J.: Made in America
3. Docinho da América
4. O Abraço da Serpente
5. Manchester à Beira-Mar
6. Boi Neon
7. Fogo no Mar
8. Elle
9. Aquarius
10. Empate: Fireworks Wednesday, Krisha, A Canção do Pôr do Sol, Wiener-Dog, The Beatles: Eight Days a Week, Chronic, Best Worst Thing That Ever Could Have Happened, 20th Century Women, A 13ª Emenda, Paterson e O Que Está Por Vir.

O filme dirigido por Kleber Mendonça Filho ainda tem chances no Oscar: a Vitagraph Films, que distribuirá a produção nos Estados Unidos, irá lançar uma campanha para tentar uma indicação de melhor atriz para a protagonista Sonia Braga.

A distribuidora lançará o filme nos EUA em 14 de outubro, logo após sua exibição na 54ª edição do Festival de Cinema de Nova York, um dos mais festivais importantes dos EUA.

Dedos cruzados!

‘Aquarius’ é destaque no trailer do Festival de Cinema de Nova York 

Recentemente, Mendonça Filho falou sobre a decisão do MinC em não indicar o filme:

“É bem possível que a decisão da comissão esteja em total sintonia com a realidade política do Brasil, ou seja, é coerente e já esperada. Para além de decisões institucionais via Governo Brasileiro, AQUARIUS tem conquistado internacionalmente um tipo raro de prestígio, e isso inclui distribuição comercial em mais de 60 países enquanto já se aproxima dos 200 mil espectadores nos cinemas brasileiros, com um tipo de impacto popular também raro. Mais ainda, é um filme que já faz parte da cultura e desse tempo, num ano difícil no nosso país. No final das contas, AQUARIUS é um filme sobre o Brasil, que está no filme da maneira mais honesta possível. Talvez seja exatamente esta honestidade que tenha feito de AQUARIUS um filme forte como agente cultural, social e produto da nossa indústria do entretenimento. Sonia está aqui do lado, poderosa como Clara. Ela manda beijos!”, afirmou.

Em ‘Aquarius‘, Clara (Sonia Braga) mora em um apartamento localizado na Av. Boa Viagem, no Recife, onde criou seus filhos e viveu boa parte de sua vida. Interessada em construir um novo prédio no espaço, os responsáveis por uma construtora conseguiram adquirir quase todos os apartamentos do prédio, menos o dela. Por mais que tenha deixado bem claro que não pretende vendê-lo, Clara sofre todo tipo de assédio e ameaça para que mude de ideia.


Crítica | Annabelle 2 - A Criação do Mal - Vale a pena?



» Siga o CinePOP no Facebook e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema! «

[AVISO] Os comentários passam por uma aprovação e podem demorar até 24 horas para serem disponibilizados no site. Comentários com conteúdo ofensivo serão deletados, e o usuário pode ser banido. Respeita a opinião alheia e comporte-se.