Diretor de ‘O Exorcista’ diz que as sequências são “estúpidas e ridículas”

Diretor de ‘O Exorcista’ diz que as sequências são “estúpidas e ridículas”

COMPARTILHE!

William Friedkin, diretor do clássico ‘O Exorcista‘, abriu o jogo e revelou em entrevista ao Indiewire o que pensa das sequências do filme original, e ainda contou que se recusou à assistir, até mesmo, o seriado da Fox.

“Nunca vi nenhuma das sequências deO Exorcista. Ok, eu assisti uns cinco minutos de O Exorcista II’, mas só porque eu estava no laboratório de technicolor de um filme que dirigi e lá estava uma cópia do filme. Entrei, e depois de cinco minutos, desisti. Não conseguia entender. Achei que era simplesmente ridículo e estúpido. Mas isso foi apenas os cinco primeiros minutos, então, não posso fazer um julgamento final sobre isso. Senti como se não tivesse nada a ver comO Exorcista“, revelou.

Ao ser perguntado sobre o seriado, ele comentou que foi uma das últimas conversas que teve com o autor do livro, William Peter Blatty.

“Eu também não vi a série. Eles compraram os direitos do Blatty. O que eu sei, é que ele nunca assistiu nenhum episódio antes de morrer. Ele morreu durante a primeira temporada. Ele me ligou e foi a última chamada que me fez, pouco antes de morrer: ‘Billy, você viu?’ E eu disse: ‘Não, Bill.’ Ele disse: ‘Eu também não.’ E foi o máximo que falamos sobre isso.”, concluiu.

Atualmente,  Friedking divulga o documentário ‘The Devil and Father Amorth‘ – em que ele revela ter filmado um exorcismo na vida real. A produção foi rodada em 2016, com a premissa de que William gravou um momento verídico de possessão.



Publicidade

Assista ao trailer:


Publicidade

Inscreva-se em nosso canal e receba conteúdo exclusivo » https://goo.gl/mPcJ5c