Drama sobre mulher inocente que passou 30 anos na prisão vence o Festival de Veneza

Drama sobre mulher inocente que passou 30 anos na prisão vence o Festival de Veneza

COMPARTILHE!

O filipino ‘The Woman Who Left‘, de Lav Diaz (Filipinas), foi o vencedor do Leão de Ouro na 73ª edição do Festival de Veneza.

A história acompanha a professora Horacia, que passou 30 anos na prisão por um crime que ela não cometeu. Quando ela é liberada, ela parte por uma jornada de vingança e perdão.

O júri do festival foi presidido pelo cineasta Sam Mendes, e contou com a cantora Laurie Anderson, as atrizes Gemma Arterton, Nina Hoss, Chiara Mastroianni e Zhao Wei e os diretores Joshua Oppenheimer e Lorenzo Vigas.

Conheça todos os vencedores da 73ª edição do Festival de Veneza:

     

Leão de Ouro: The Woman who Left, de Lav Diaz

Leão de Prata do Júri: Nocturnal Animals, de Tom Ford

Leão de Prata para Melhor Diretor: Amat Escalante, por La Region Salvaje; e Andrei Konchalovsky, por Paradise

Volpi Cup de Melhor Ator: Oscar Martinez, por Il Ciudadano Ilustre

Volpi Cup de Melhor: Emma Stone, por La La Land – Cantando Estações

Prêmio Especial do Júri: The Bad Batch, de Lily Armirpoor

Prêmio de Melhor Roteiro: Frank Oppenheimer, por Jackie

Prêmio Marcello Mastroianni: Paula Beer, em Frantz


Crítica:


» Siga o CinePOP no Facebook e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema! «

[AVISO] Os comentários passam por uma aprovação e podem demorar até 24 horas para serem disponibilizados no site. Comentários com conteúdo ofensivo serão deletados, e o usuário pode ser banido. Respeita a opinião alheia e comporte-se.