Filmes de Terror que chegaram no Brasil direto em Home Vídeo

Filmes de Terror que chegaram no Brasil direto em Home Vídeo

COMPARTILHE!

Nos anos 1980 foram os slasher. Na década de 1990 o humor foi acrescentado. Nos anos 2000 vieram os desagradáveis torture porn. Agora, a tendência parece ser filmes de espíritos e ameaças sobrenaturais, vide o sucesso de Atividade Paranormal, Invocação do Mal e A Entidade. Mas qual será o futuro do gênero de terror? A melhor solução é sempre um bom roteiro ligado a bons personagens. Pensando neste gênero marginalizado, resolvemos criar uma lista com algumas produções de terror cujo destino foram as prateleiras (quase extintas) e não as salas de cinema. Veja abaixo a lista feita para os fãs, aficionados e entusiastas:

Papai Noel das Cavernas (Rare Exports, 2010)

Terror CinePOp 2




Este, ao contrário da maioria dos filmes cujo pano de fundo é a famosa data natalina, é um filme absolutamente não recomendado para aqueles que quiserem entrar no clima acolhedor do feriado de fim de ano. Como o título em português infelizmente entrega, esta é uma obra muito visceral que usa como tema a lenda do bom (neste caso, mau) velhinho. Mesmo sem a surpresa, é garantido que você nunca viu um filme como este. O filme norueguês do cineasta Jalmari Helander (baseado em um curta seu), que marca sua estreia em longas, mostra um pequeno vilarejo nas montanhas geladas atormentado por uma escavação que descobre o “verdadeiro Papai Noel”.

A Maldição de Chukcy (Curse of Chucky, 2013)

Terror CinePOp 3

Esta é para os fãs do boneco mais infame do cinema. Muitos dos quais tenho certeza não tinham conhecimento desta nova obra do personagem. O motivo é que este sexto filme da franquia foi o primeiro diretamente lançado no mercado de home vídeo ao invés dos cinemas, mesmo fora do Brasil. Uma espécie de remake ou reboot, o filme traz de volta o criador original da série Don Mancini e uma pegada mais voltada para o terror esquecendo a comédia que dominou os últimos exemplares. Até mesmo o visual do boneco se mantém fiel ao original. Esse é um filme mais minimalista e se passa todo dentro de uma mansão.




As Senhoras de Salem (Lords of Salem, 2012)

Terror CinePOp 4

Talvez o filme mais barra-pesada da lista, cortesia do assustador cineasta (e músico) Rob Zombie. Aqui, o diretor esquece sua mal sucedida incursão na refilmagem do clássico Halloween (2007) e sua continuação (2009), para nos apresentar uma delirante e macabra história de bruxas. Este é o filme no qual o cineasta pode também usar e abusar das habilidades artísticas de sua esposa, a protagonista Sheri Moon Zombie. Na Idade Média, uma seita de bruxas deixa um legado para a posteridade a fim de completarem sua profecia satânica. Nos dias atuais, uma radialista numa rádio de rock (Sheri Moon) descobre um disco com uma música que não te deixará tão cedo e que faz parte do início da ruína da protagonista.

Você é o Próximo (You´re Next, 2013)

5

O maior sucesso financeiro da lista, este filme iniciou sua carreira no Festival de Toronto, um dos mais importantes para a sétima arte. Com ecos de Os Estranhos (2008) e do recente Uma Noite de Crimes (2013), Você é o Próximo conta a história de uma reunião familiar que sai muito errado. Um casal de patriarcas resolve reunir em sua casa de veraneio todos os seus filhos e suas companhias para um agradável fim de semana. Ninguém contava com que um grupo de sujeitos desequilibrados também estaria presente. Assim, o massacre tem início. Esse é em seu núcleo um slasher, com cenas gráficas e bem boladas de armadilhas mortais. Os vilões fazem uso de máscaras de animais, o que remete ao clássico de infância A Fortaleza (1985). Você é o Próximo conta ainda com algumas reviravoltas interessantes em seu roteiro.

Terror na Ilha (Black Rock, 2013)

Terror CinePOp 6

Esta produção pode ser vista mais como um thriller de sobrevivência. O indie cult da lista, é escrito, dirigido e protagonizado por Katie Aselton. Na história, três amigas, Aselton, Lake Bell (A Voz de uma Geração) e Kate Bosworth (Superman – O Retorno) viajam até uma ilha para passar o fim de semana desconectadas e tentar estreitar seus laços de amizade, após uma situação que as distanciou. Lá, elas encontram três rapazes da época de colégio, agora militares. O filme apresenta a paranoia do pós guerra, de combatentes ao voltarem para casa. Terror na Ilha mostra como seria Rambo (1982) se fosse um filme de terror.

Aftershock (2012)

Terror CinePOp 7

O mais promissor da lista é uma divertida incursão que mistura filmes catástrofe, de sobrevivência e slasher. Passado no Chile, Aftershock é em seu primeiro terço um divertido filme sobre um grupo de turistas se conhecendo e explorando vinícolas, boates e outros pontos icônicos para visitantes. Nessa parte, a obra se comporta quase como uma propaganda positiva do país. É quando um terremoto atinge a cidade, que as coisas começam a sair do controle. O filme é protagonizado por Eli Roth, diretor de O Albergue (2006) e amigo pessoal de Quentin Tarantino. Roth também produz o longa.

Would You Rather (2012)

Terror CinePOp 8

Sem título em português, ou talvez nunca o receba, este talvez seja o maior representante do cinema B e de entretenimento culposo da lista. Veja esta premissa: Um excêntrico milionário resolve dar um jantar e convidar um grupo de estranhos, que precisam desesperadamente de dinheiro. No jantar, o misterioso sujeito resolve oferecer uma proposta, uma espécie de jogo mortal, no qual o ganhador saíra com uma bolada. O filme seria apenas mais um, se não contasse com algumas personalidades envolvidas. O filme é protagonizado e produzido pela jovem Brittany Snow (A Escolha Perfeita). A veterana indicada ao Oscar June Squibb (Nebraska) também faz parte do elenco, e atua ao lado da ex-estrela pornô Sasha Grey (Confissões de uma Garota de Programa). O veterano Jeffrey Combs (Re-Animator) interpreta o excêntrico ricaço.

Viagem Sem Volta (Magic Magic, 2013)

Terror CinePOp 9

Terminando a lista, outra produção passada no Chile. Muito mais um suspense psicológico do que um filme de terror, Viagem Sem Volta foi comparado aos filmes iniciais do mestre Roman Polanski, como Repulsa ao Sexo (1965) e O Inquilino (1976). Na trama, um grupo de amigos viaja para passar uma temporada na casa de um deles, no Chile. A protagonista é vivida pela inglesinha Juno Temple (Killer Joe – Matador de Aluguel) e sua única ligação com o grupo é a melhor amiga, vivida por Emily Browning (Pompeia). Quando Browning sai de cena momentaneamente, a personagem de Temple começa a entrar (empurrada pelas situações e interferência dos outros personagens) numa espiral de declínio rumo à insanidade. Completando o elenco, Michael Cera (Scott Pilgrim Contra o Mundo) e a indicada ao Oscar Catalina Sandino Moreno (Maria Cheia de Graça).

Curta nossa ENTREVISTA com a Nina Dobrev:


» Siga o CinePOP no Facebook e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema! «