Fracasso nos EUA, ‘O Bebê de Bridget Jones’ é a 2ª maior bilheteria da história no Reino Unido

Fracasso nos EUA, ‘O Bebê de Bridget Jones’ é a 2ª maior bilheteria da história no Reino Unido

COMPARTILHE!

O Bebê de Bridget Jones‘ (Bridget Jones’s Baby) conseguiu capturar o espírito da franquia e entregou uma sequência divertida e moderna.

O filme fracassou nos Estados Unidos, que têm demonstrado uma certa repulsa por sequências de franquias antigas (vide Inferno‘), mas está quebrando recordes na Europa.

A comédia estrelada por Renée Zellweger se tornou o filme mais visto do ano no Reino Unido, com arrecadação de US$ 56,8 milhões.




Para se ter uma ideia, é a segunda maior bilheteria da história do Reino Unido, atrás apenas de ‘Ou Tudo Ou Nada‘ (que arrecadou US$ 85 milhões em 1997).

O Bebê de Bridget Jones‘ arrecadou apenas US$ 24 milhões nos EUA, e US$ 150 milhões no resto do mundo. O filme custou US$ 35 milhões.

Fracasso nos EUA, ‘O Bebê de Bridget Jones’ faz sucesso no resto do mundo 




Renée Zellweger, Colin Firth e Patrick Dempsey estampam. Hugh Grant não retorna.

O Bebê de Bridget Jones‘ (Bridget Jones’ Baby) apresenta uma nova fase da conturbada jornalista. Cercada de amigos e pronta para ser feliz para sempre, Bridget Jones segue confiante já que sua vida está dando sinais de melhora: agora ela é produtora do noticiário em que trabalhava e se orgulha por ter uma boa relação com seu ex-namorado, o advogado Mark Darcy (Colin Firth). Quando tudo parece estar as mil maravilhas, ela descobre que, aos 40 anos de idade, está esperando seu primeiro filho.

 

Curta nossa ENTREVISTA com a Milla Jovovich:



» Siga o CinePOP no Facebook e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema! «