Ingrid Guimarães fala sobre ‘Um Namorado Para Minha Mulher’ e machismo no cinema

Ingrid Guimarães fala sobre ‘Um Namorado Para Minha Mulher’ e machismo no cinema

COMPARTILHE!

Era uma terça-feira quando recebemos um telefonema convidando o CinePOP para visitar o set da comédia nacional ‘Um Namorado Para Minha Mulher‘, adaptação do maior sucesso de bilheteria argentino de 2009, ‘Un Novio Para Mi Mujer‘, de Juan Taratuto.

A animação não poderia ser maior. Apesar de já ter entrevistado a diretora Julia Rezende (‘Meu Passado Me Condena’ e ‘Ponte Aérea’) e as atrizes Miá Mello (‘Meu Passado Me Condena’) e Letícia Colin (‘Ponte Aérea’), nunca tive a oportunidade de entrevistar Ingrid Guimarães. E confesso: acho ‘De Pernas pro Ar‘ e ‘Loucas para Casar‘ divertidíssimos.

O set visit teve início em uma entrevista coletiva com o grandioso elenco (que também conta com Caco Ciocler, Domingos Montagner, Paulo Vilhena e Marcos Veras), e terminou com um grupo de apenas dez jornalistas assistindo a gravação de uma divertida cena.




No filme, Ingrid Guimarães interpreta a jornalista Nena. Casada há 15 anos, ela é uma mulher infeliz com um humor ácido e olhar super crítico para tudo. Seu marido Chico (Caco Ciocler) já não aguenta mais seu mau humor, e é convencido a tomar uma decisão inusitada: contratar o exótico sedutor Corvo (Domingos Montagner) para conquistá-la e levantar sua auto-estima.

Segundo Ingrid, “a Nena é a personagem mais antipática de toda minha carreira”.

“Ela é uma mulher muito diferente das mulheres que já interpretei. Ela não trabalha, não quer trabalhar e tem uma visão crítica de tudo… O que todo mundo acha legal, ela acha horrível. Sabe aquilo que queremos dizer mas achamos politicamente incorreto? Ela não tem vergonha de dizer e parecer mau humorada e sincera. Ela é ácida e original”.

Perguntei a Ingrid como ela se sente em relação ao machismo na indústria cinematográfica, atualmente em pauta em Hollywood. Várias atrizes, como Jennifer Lawrence, se revoltaram por ganharem menos que seus colegas do sexo masculino.




“Ainda existe [machismo]. Eu não acho que seja apenas no cinema, mas na própria televisão também tem essa diferença [de salários]. Um ator é muito mais valorizado na TV do que uma atriz. Mas eu acho que o cinema está ajudando nisso e está abrindo espaço para as mulheres. Logo serão lançados filmes da Samantha Schmutz, da Tatá Werneck… Os comediantes do passado eram todos homens, a primeira comediante mulher foi ‘I Love Lucy'”, afirmou.

Vale lembrar que ‘De Pernas Pro Ar‘ 1 e 2 e ‘Loucas Pra Casar‘ levaram 11,9 milhões de espectadores aos cinemas.

 

Filmando a Cena

Na cena em que os jornalistas assistiram, Nena recebe a visita de uma amiga super alto astral de seu marido (a talentosa Letícia Colin), mas acaba surtando com seu bom humor e alegria.

O mais interessante foi a maneira como a diretora Julia Rezende lidou com seu elenco durante as filmagens, permitindo que os atores se soltassem, improvisassem e alterassem algumas falas do roteiro para que a situação ficasse mais natural e espontânea.

Rezende, que assina o roteiro junto com Lusa Silvestre (de ‘E Aí, Comeu?’) e com colaboração de Ingrid Guimarães, comentou sobre a história.

“O filme mostra situações cômicas típicas de um casamento em crise dos pontos de vista do homem e da mulher, com um humor inteligente, ácido e nada histriônico. Mas muito engraçado. A Nena tem um olhar perspicaz e crítico sobre todos os assuntos, e seu mau humor se revela extremamente sagaz”, conta.

Um Namorado Para Minha Mulher‘ estreia nos cinemas nacionais dia 14 de Abril de 2016.

Confira trechos da coletiva, uma cena inédita e fotos:

Estava eu no set de Um Namorado para Minha Mulher e olha quem eu encontro… Ingrid Guimarães!!!Obs: ela também fala sobre De Pernas pro Ar 3 e Loucas para Casar 2

Posted by CinePOP on Quarta, 4 de novembro de 2015

 

 

 

Curta nossa ENTREVISTA com a Nina Dobrev:


» Siga o CinePOP no Facebook e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema! «