‘Jogador Nº 1’: Steven Spielberg quer tirar Gene Wilder da aposentadoria

‘Jogador Nº 1’: Steven Spielberg quer tirar Gene Wilder da aposentadoria

COMPARTILHE!

A adaptação ao cinema de ‘Jogador Nº 1’ (Ready Player One), obra futurista de Ernie Cline, pode ter um dos maiores astros de Hollywood em seu elenco.

Segundo o Collider, o diretor Steven Spielberg quer tirar Gene Wilder (‘A Fantástica Fábrica de Chocolate’) da aposentadoria. Seu último papel foi em 2003, quando ele fez uma participação especial na série ‘Will and Grace‘.

Se assinar contrato, ele viverá James Halliday, criador do jogo OASIS  que escondeu um Easter Egg e montou um concurso para os jogadores.




 

Na trama, o ano é 2044 e, como o resto da humanidade, o protagonista Wade Watts prefere mil vezes o jogo do OASIS do que o mundo real. Ele garante que esconde as peças de um diabólico quebra-cabeça cuja resolução leva à riqueza incalculável. A chave para o quebra-cabeça são baseadas na cultura do final do século XX e, por anos, milhões de seres humanos têm tentado encontrá-los, sem sucesso.

De repente, Wade consegue resolver o quebra-cabeça e ganha o prêmio, e, posteriormente, deve competir contra milhares de jogadores para conseguir o troféu. A única maneira de sobreviver é ganhar, mas para isso terá que abandonar sua existência virtual e lidar com a vida e o amor no mundo real, que sempre tentou fugir.

A Warner Bros. agendou o lançamento da nova ficção científica de Steven Spielberg para o dia 15 de dezembro de 2017. Este será o próximo trabalho do cineasta, que venceu a disputa ao cargo com Christopher Nolan (‘Interestelar’). O filme também marcará a volta de Spielberg à Warner Bros após 14 anos.




O roteiro foi adaptado por Zak Penn (‘X-Men 2’, ‘O Incrivel Hulk’).

jogador-numero-1-capa

Curta nossa ENTREVISTA com a Milla Jovovich:



» Siga o CinePOP no Facebook e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema! «