Matthew Weiner, criador de ‘Mad Men’, é acusado de assédio por roteirista da série

Matthew Weiner, criador de ‘Mad Men’, é acusado de assédio por roteirista da série

COMPARTILHE!

O mais novo membro da polêmica em Hollywood é Matthew Weiner, o criador do seriado Mad Men, que foi acusado de assédio sexual pela ex-roteirista Kater Gordon. A notícia foi dada pelo The Information.

A roteirista entrou no seriado da AMC como assistente pessoal de Weiner, sendo depois promovida para assistente de roteiro e então roteirista. Com seu trabalho em “Meditation in an Emergency”, episódio 13 da 2ª temporada, a roteirista e a produção conquistaram o Emmy de “Melhor Roteiro de Série Dramática”, em 2009.

Ela relata que estava trabalhando no escritório até tarde com Weiner quando o criador afirmou que a roteirista devia sua carreira à ele, portanto tinha a obrigação de tirar sua roupa. Ela afirma que “congelou e tentou repelir os comentários”, mas que a partir daquele ponto não era mais possível continuar na produção pois confronta-lo seria “o fim da sua carreira” e deixar a acusação de lado “tornaria impossível trabalhar com ele”.

“Soube imediatamente quando ele cruzou esse limite que era errado, mas eu não sabia quais eram minhas opções. Se tivesse anotado falas ou tópicos para um arsenal (defesa pessoal contra assédio) eu poderia ter usado na hora, e isso me pouparia anos de arrependimento por não ter lidado com a situação de forma diferente”

Participe do nosso GRUPO ESPECIAL do Facebook » https://goo.gl/kg8NYU

     

Um representante de Matthew Weiner respondeu à acusação, confirmando que a prática de roteiristas fazendo hora extra no escritório é comum, mas que o criador de Mad Men não se recorda do ocorrido:

“O Sr. Weiner passava de oito a dez horas por dia escrevendo diálogos com a Sra. Gordon, que começou em Mad Men como sua assistente. Ele não se recorda de fazer esse comentário, e nem reflete algo que ele diria a qualquer colega.”

Após o ocorrido, ela deixou a produção no final de 2009. O comunicado de sua saída dizia: “Pensamos que Kater fez um ótimo trabalho, particularmente para alguém cujo a carreira cresceu tão rápido. De qualquer forma, agora Matt decidiu relutantemente que sua relação chegou ao potencial máximo. Ela deixa Mad Men com nosso amor, respeito e um merecido Emmy.”

Atualmente, Gordon está formou uma ONG para ajudar vítimas de assédio sexual, chamada Modern Alliance. Já Weiner trabalha em The RoMenoffs, seriado da Amazon.


Cenas Pós-Créditos de Liga da Justiça


» Siga o CinePOP no Facebook e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema! «

[AVISO] Os comentários passam por uma aprovação e podem demorar até 24 horas para serem disponibilizados no site. Comentários com conteúdo ofensivo serão deletados, e o usuário pode ser banido. Respeita a opinião alheia e comporte-se.