Mel Gibson é acusado de agredir fotógrafa

Mel Gibson é acusado de agredir fotógrafa

COMPARTILHE!

Mel Gibson voltou a se envolver em uma polêmica. Segundo o jornal The Guardian, após sair de uma sessão de cinema com sua namorada em Sydney, na Austrália, neste domingo, 23, o ator agrediu uma fotógrafa.

Ela tirava fotos do casal, quando o ator veio em sua direção e começou a xingá-la. Depois, a agrediu fisicamente.

“Estava tirando fotos de Mel e sua namorada, quando ele me empurrou pelas costas muito forte… Fiquei chocada porque eu não estava esperando isso. Não sei se foi sua mão ou seu cotovelo”, afirmou Kristi Miller.




Mel Gibson aceita dirigir ‘Homem de Ferro 4’ 

Gibson, através de sua assessoria, negou a agressão. Porém, a vitima rebateu.

“Ele cuspiu em meu rosto e começou a gritar comigo. Disse que eu era uma vadia e que eu não era um ser humano. Disse que eu vou para o inferno”, concluiu.

Em 2006, o ator foi detido pela polícia americana por dirigir embriagado, e acabou gritando ofensas anti-semitas.




Recentemente, o protagonista da trilogia original de ‘Mad Max’ afirmou que não gostou da escolha do novo intérprete do personagem, Tom Hardy. Em entrevista à revista Details, o astro de ‘Mad Max: Estrada da Fúria’ definiu seu encontro com Gibson como “constrangedor e entediante”.

“Ele não quis muito papo e depois ligou para o meu agente dizendo que ele tinha encontrado alguém mais maluco que ele”, revelou Hardy.

Trailer de ‘Mad Max 4′ revisita a trilogia original

Com ou sem a aprovação de Gibson, Hardy tem contrato assinado para mais três filmes da franquia.

 

 

Curta nossa ENTREVISTA com a Nina Dobrev:


» Siga o CinePOP no Facebook e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema! «