‘Nêmesis’: Fox perde direitos da adaptação da HQ de Mark Millar

‘Nêmesis’: Fox perde direitos da adaptação da HQ de Mark Millar

COMPARTILHE!

Com o fiasco de ‘Quarteto Fantástico‘, a 20th Century Fox não está sendo bem vista pelos produtores e executivos em Hollywood.

Prova disso é que a o estúdio não cuidará mais da produção de Nêmesis, adaptação para os cinemas da HQ de Mark Millar (Kick-Ass). O projeto mudou de casa e será produzido e distribuído pela Warner Bros.

Mark Millar se mostrou muito empolgado com a adaptação de sua minissérie de quadrinhos, cujo roteiro foi escrito pelos irmãos Joe (‘A Perseguição’) e Matthew Michael Carnahan (‘Guerra Mundial Z’).




“Como eu posso dizer isso? Nêmesis é um dos roteiros mais implacáveis e poderosos que eu já li'”, declarou Millar. “Como um filme, os Carnahan confeccionaram algo que nós nunca vimos antes, e eu me sinto como os funcionários [da produtora] Julia Phillips devem ter se sentido quando receberam em sua mesa o roteiro de ‘Taxi Driver’, de [Paul] Schrader. Este será um dos melhores filmes da década. O fato de que este filme é um filme de super-herói é incrivelmente empolgante para mim. Este é o próximo passo para onde as adaptações de quadrinhos podem ir, e, apenas como um espectador, eu estou agora contando os dias para sentar em uma sala de exibição e assistir à primeira versão.”

Segundo Millar, ele recebeu o roteiro sem saber nada, pois os Carnahan queriam que ele sentisse o impacto completo da história. Aparentemente, a ideia valeu a pena.

“Nada me preparou para isso”, continuou o autor dos quadrinhos. “Este [filme] é gigantesco, operático, trágico, monumental. É sobre os EUA atual e o mundo ao qual os espectadores voltarão assim que saírem dos cinemas.”

O autor chegou a dar a entender que o roteiro superou sua própria obra.




“O que Joe e Matthew fizeram com isso é praticamente alquimia”, disse. “Eu brinquei com Joe ao telefone, na noite passada, que ele é basicamente um cirurgião plástico brilhante que pegou um indivíduo mais ou menos atraente e o transformou em um ícone sexual.”

Millar também fez uma descrição da história original, mais uma vez botando altas expectativas na adaptação:

Nêmesis é sobre o pior pesadelo dos EUA, na forma de um bilionário fantasiado que ataca uma cidade e faz de tudo para despedaçá-la. A ideia, já foi dito, é colocar o Batman no papel do Coringa, e é um modo muito divertido de olhar. O policial que o enfrenta, o personagem Blake Morrow nos quadrinhos, será um ícone do cinema após este filme. Neste estágio, eu não sei quem vai interpretá-lo, mas eu sei que depois de lerem o roteiro, todos vão querer.”

Sobre o processo de criação de seus quadrinhos, ele explicou:

“Soava estranho para mim, nessa crise econômica, que todos nós torceríamos por um bilionário fantasiado que luta contra os pobres de Gotham City toda noite. Foi isto que tive em mente quando me sentei para escrever os quadrinhos, essa noção de que os caras mais ricos do planeta podiam na verdade ser os mais aterrorizantes.”

Apesar de terminar dizendo que Nêmesis é o seu “mais novo filme favorito”, Millar afirmou que o longa só poderá ser visto dentro de um ou dois anos. Mesmo assim, ele garante que “será o maior e mais inteligente filme de ação que todos nós teremos visto em muito, muito tempo.”

O anti-herói protagonizou a minissérie de HQs com 4 volumes, lançados em 2010. O conceito foi criado por Millar e Steve McNiven, que ilustrou.

O filme será dirigido por Joe Carnahan, que substitui o falecido Tony Scott (‘Incontrolável’).

Curta nossa ENTREVISTA com a Milla Jovovich:



» Siga o CinePOP no Facebook e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema! «