‘Paixões Unidas’: Filme sobre a FIFA se torna o maior fracasso da história do cinema

‘Paixões Unidas’: Filme sobre a FIFA se torna o maior fracasso da história do cinema

COMPARTILHE!

O primeiro fim de semana de exibição do filme ‘Paixões Unidas‘ (United Passions), que aborda os 111 anos de história da Fifa, foi um estrondoso fracasso. Exibido em dez salas de cinema dos EUA na última semana, o longa passou por vexame sem precedentes: em um dos cinemas em que está sendo exibido, no Arizona, teve apenas um espectador durante o fim de semana, totalizando US$ 9 (R$ 28,5) de arrecadação.

O filme se tornou o maior fracasso da história do cinema, e foi recolhido dos 10 cinemas estadunidenses em que estava sendo exibido. Com orçamento de 24 milhões de euros (R$ 84 milhões) bancado pela FIFA, o longa encerrou sua arrecadação com apenas US$ 670 em duas semanas de exibição.

“Com o fracasso, me tornei tão mal visto quanto o cara que levou a Aids para a África, ou o responsável pela crise financeira mundial. Nunca imaginei que iria me tornar um propagandista de filmes para pessoas corruptas”, afirmou o diretor Frédéric Auburtin.




O diretor afirmou que os problemas da produção começaram em 2012, quando a Fifa exigiu que o filme estivesse pronto a tempo da Copa do Mundo de 2014, fazendo com que diversas cenas tivessem que ser filmadas sem roteiro.

Paixões Unidas‘ (United Passions) mostra a entidade como algo bom para o futebol. O ex-presidente Joseph Blatter, recentemente acusado de corrupção, é representado pelo ator britânico Tim Roth.

Durante a coletiva, Roth se recusou a falar sobre o filme.




paixoesunidas_1

Curta nossa ENTREVISTA com a Nina Dobrev:


» Siga o CinePOP no Facebook e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema! «