‘Pânico 3’ denunciou os estupros dos executivos em Hollywood… Ninguém percebeu?

‘Pânico 3’ denunciou os estupros dos executivos em Hollywood… Ninguém percebeu?

COMPARTILHE!

Eu me lembro perfeitamente do dia que assisti ‘Pânico 3‘ nos cinemas, em Junho de 2000, após o filme ter sido adiado por quase um ano.

Com toda a polêmica envolvendo as diversas acusações de assédio sexual e estupro envolvendo Harvey Weinstein, logo lembrei de cenas do filme que tentavam expor o produtor.

A franquia foi bastante prejudicada por uma grande briga entre o roteirista Kevin Williamson e os produtores, os irmãos Weinsteins.

Após a briga, Williamson foi dispensado de ‘Pânico 3‘ e Ehren Kruger (‘A Chave Mestra’, ‘Pânico 3’) foi contratado para reescrever algumas cenas.

Participe do nosso GRUPO ESPECIAL do Facebook » https://goo.gl/kg8NYU

     

Porém, é notório uma cena de Williamson que permaneceu no filme… ou melhor, duas. O filme trazia elementos de terror e comédia, mas também era uma grande crítica à indústria hollywoodiana.

Na cena em questão, Sidney Prescott (Neve Campbell) descobre que sua mãe tentou ser uma atriz em Los Angeles e foi estuprada por vários executivos do estúdio.

Maureen mudou-se para Hollywood e apareceu em três filmes para a Sunrise Studios (seria a The Weinstein Company?), sob o nome artístico “Rina Reynolds“. Os filmes foram produzidos pelo ícone de terror John Milton (Harvey Weinstein?). Durante uma de suas festas, ela foi estuprada por Milton e seus amigos. O estupro afetou Maureen pelo resto de sua vida, e ela abandonou Hollywood.

Chega a ser interessante um filme produzido pelos Weinsteins ter uma premissa tão ligada à vida real, agora que descobrimos que essas “festas” realmente aconteceram nos bastidores de Hollywood. Será esse o motivo da briga com o roteirista? Ou o estopim?

Além dessa cena, o filme traz uma deliciosa participação de Carrie Fisher como uma sósia da atriz, revelando que ela só não conseguiu o papel de Princesa Leia em ‘Star Wars’ porque não quis “fazer sexo” com George Lucas. Ouch!

A atriz que interpreta Sidney em ‘Stab‘ também revela que só conseguiu o papel no filme porque dormiu com o produtor, John Milton.

Assista as cenas:

 

 

 

O que sabemos sobre Pânico 5?

Pânico 5‘ chegou a ser anunciado em 2010 – mas acabou sendo cancelado quando ‘Pânico 4‘ estreou nos cinemas e arrecadou apenas US$ 97,1 milhões mundialmente.  Não é um valor baixo, mas nem se compara aos US$ 173 milhões arrecadado pelo primeiro filme lá em 1996.

Pode não parecer, mas ‘Pânico‘ completou 20 anos em 20 de Dezembro de 2016, e continua sendo uma das franquias mais icônicas e importantes do cinema.

Existe a possibilidade de um quinto filme? Sim, mas ele é muito baixa.

A atriz Neve Campbell e o roteirista Kevin Williamson falaram sobre a possibilidade de voltarem ao projeto, logo após a morte do diretor Wes Craven.

“Seria difícil fazer a sequência sem Wes”, afirmou Campbell. “Sua visão era tão clara e ele era tão bom. Acho que seria doloroso. Acredito que esse filme ainda pode acontecer, mas seria um desafio.”

O roteirista Kevin Williamson afirmou que ele e o diretor planejavam uma trilogia em 2011.

“Wes e eu, quando estávamos começando Pânico 4, tínhamos planos para Pânico 5 e 6”, diz Williamson. “Agora, sem Wes, sinto que você tem que responder às perguntas de como e por quê, e não sei como fazê-lo sem Wes e não sei por que fazê-lo”, concluiu

Recentemente, o MoviePilot afirmou que os irmãos Weinsteins estão empolgados em realizar um último filme, que seria dividido em duas partes.

Em termos modernos, a maior possibilidade é que a franquia ganhe um reboot nos cinemas. Você gostaria?

Inicialmente previsto como uma nova trilogia, Pânico 4‘ trouxe seus protagonistas principais: Sydney Prescott (Neve Campbell), Dewey Riley (David Arquette) e Gale Weathers (Courteney Cox). Caso a sequência seja feita, especula-se que Hayden Pannetierre deve voltar como Kirby.

 

panico5_1


Crítica Liga da Justiça


» Siga o CinePOP no Facebook e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema! «

[AVISO] Os comentários passam por uma aprovação e podem demorar até 24 horas para serem disponibilizados no site. Comentários com conteúdo ofensivo serão deletados, e o usuário pode ser banido. Respeita a opinião alheia e comporte-se.