Patty Jenkins rebate críticas contra o visual sexy da Mulher-Maravilha e fala em machismo

Patty Jenkins rebate críticas contra o visual sexy da Mulher-Maravilha e fala em machismo

COMPARTILHE!

Mulher-Maravilha’ estreia só nesta quinta-feira (01), mas já conseguiu render algumas polêmicas. Depois das axilas depiladas da heroína, outro aspecto criticado foi o uniforme “sexy” que Diana Prince usa para combater o mal.

Para encerrar a polêmica, a diretora Patty Jenkins falou sobre o assunto de forma decisiva, durante uma entrevista ao programa CBS This Morning’s Alex Wagner.

Durante o bate papo com o repórter, ela foi questionada sobre a circunstância e se seria possível a amazona ser um ícone do feminismo trajando roupas “pequenas e sexies” – algo que muitos discordam ser possível.

De forma direta, ela disse:

Participe do nosso GRUPO ESPECIAL do Facebook » https://goo.gl/kg8NYU

     

“Eu acho que isso é machista. Acho machista pensar que você não pode ser os dois. Eu devo me perguntar o que eu atribuiria para qualquer outro super herói. Isso é uma fantasia e não é para nenhuma outra pessoa que não seja aquela que está criando essa fantasia. Eu, quando era uma garotinha, me alegrava muito com a ideia de que o meu poder e minhas habilidades poderiam parar o valentão no parquinho e eu também poderia me parecer com a Lynda Carter enquanto fazia isso”.

Críticos dizem que ‘Mulher-Maravilha’ é “o melhor filme do Universo da DC”

Após polêmica, axilas da ‘Mulher-Maravilha’ são “corrigidas” em novo trailer 

Warner gastou mais em publicidade com ‘Mulher-Maravilha’ do que com ‘Esquadrão Suicida’ 

Ares é confirmado como vilão em ‘Mulher-Maravilha’!

A estreia do novo filme da personagem acontece em 1º de junho de 2017.

Gal Gadot elogia o Batman de Ben Affleck em entrevista

Gal Gadot fala sobre a bissexualidade da ‘Mulher-Maravilha’ 

Chris Pine (franquia ‘Star Trek‘) será Steve TrevorRobin Wright vive Antíope e Connie Nielsen será a Rainha Hipólita, mãe de Diana, também estão no elenco.

A direção ficará a cargo de Patty Jenkins, que dirigiu ‘Monster: Desejo Assassino’ e episódios das séries ‘The Killing’ e ‘Entourage’. Ela substitui Michele MacLaren (‘Game of Thrones’, ‘Breaking Bad’), que deixou o cargo por diferenças criativas com o estúdio.

Antes de tornar-se Mulher-Maravilha, ela era Diana, princesa das Amazonas, treinada para ser uma guerreira invencível. Criada numa isolada ilha paradisíaca, Diana descobre que um grande conflito assola o mundo para além de suas fronteiras quando um piloto americano cai com seu avião nas areias da costa. Convencida de que é capaz de vencer a ameaça de destruição, Diana parte da ilha. Lutando lado a lado com homens numa guerra que pretende acabar de vez com todas as guerras, ela vai descobrir todos os seus poderes… e seu verdadeiro destino.


Crítica | Extraordinário é extraordinário... e vai te fazer chorar litros!


» Siga o CinePOP no Facebook e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema! «

[AVISO] Os comentários passam por uma aprovação e podem demorar até 24 horas para serem disponibilizados no site. Comentários com conteúdo ofensivo serão deletados, e o usuário pode ser banido. Respeita a opinião alheia e comporte-se.