‘Perdido em Marte’ estreia na China com US$ 50 milhões e se consagra

‘Perdido em Marte’ estreia na China com US$ 50 milhões e se consagra

COMPARTILHE!

E que consagração!

Perdido em Marte‘ estreou no segundo maior mercado de cinema do mundo na quarta-feira, 25 de novembro, e em pouco menos de uma semana já faturou US$ 50 milhões.

Faço das palavras de Jeff Bock, analista da Exhibitor Relations (empresa especializada na elaboração de relatórios sobre as bilheterias mundiais), as minhas:




“Se você incluir a China no seu longa, pode ter certeza que ele fará um longo caminho nas bilheterias”

Vale lembrar que o sci-fi de Ridley Scott teve, na narrativa, uma parceria entre as agências espaciais americana e chinesa para trazer o astronauta vivido por Matt Damon de volta à Terra.

‘Perdido em Marte’ será relançado nos cinemas mundiais, desta vez em IMAX 3D

Matt Damon passa por intenso treinamento em clipe de ‘Perdido em Marte’




A imprensa americana e europeia relatam que tanto a direção de Scott quanto a atuação de Matt Damon merecem ser levadas ao Oscar 2016 com louvor. Os efeitos visuais, o 3D e o roteiro adaptado também foram extremamente elogiados. O Hollywood Reporter, por exemplo, chega a citar que o uso da tecnologia 3D realmente funciona como parte fundamental da narrativa e passa a integrar o seleto grupo de produções que fizeram história junto a esse elemento.

Vale lembrar que o cinema mundial tem como principais exemplos de melhor uso do 3D os longas: ‘Avatar, de James Cameron; ‘Gravidade‘, de Alfonso Cuarón; ‘As Aventuras de Pi‘, de Ang Lee; ‘A Invenção de Hugo Cabret‘, de Martin Scorsese e, agora, ‘Perdido em Marte‘, de Ridley Scott.

Curta nossa ENTREVISTA com a Nina Dobrev:


» Siga o CinePOP no Facebook e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema! «