Série ‘Minority Report’ estreia com péssima audiência nos EUA

Série ‘Minority Report’ estreia com péssima audiência nos EUA

COMPARTILHE!

A série ‘Minority Report’ estreou na FOX norte-americana nesta segunda-feira, 21 de Setembro, e fracassou ao conquistar o público.

A audiência americana registrou 3,1 milhões de espectadores e 1,1 na demo, números péssimos para uma estreia de série. Para se ter uma ideia, a série ‘Gotham‘ foi lançada no mesmo canal no último ano, com 8 milhões e 3,2 na demo.

Ou seja: esperem por um cancelamento em um futuro bem próximo!

A adaptação do longa futurista de 2002, dirigido por Steven Spielberg, estreia no Brasil dia 24 de Setembro, no Canal Fox.

Participe do nosso GRUPO ESPECIAL do Facebook » https://goo.gl/kg8NYU

     

Meagan Good (‘Tudo Por Um Furo’, ‘Como Não Perder Essa Mulher’) interpreta a protagonista Lara Vega, detetive assombrada pelo passado e que não tem medo de quebrar regras. Ela auxiliará o precog Dash (Stark Sands), um dos paranormais que antecipam homicídios, a tentar manter uma vida normal enquanto, juntos, tentam deter crimes antes de acontecerem. A trama se passará em 2064, dez anos depois dos eventos do filme original.

Também estão no elenco: Daniel London, que reprisa Wally, o cuidador de precogs que viveu no longa original, Li Jun Li, Laura Regan (‘Mad Men’, ‘O Olho que Tudo Vê’) e Wilmer Valderrama (‘Um Drink no Inferno, That ’70s Show’).

Max Borenstein, roteirista do remake de ‘Godzilla‘, escreverá os episódios. Steven Spielberg, diretor do longa original, está produzindo a série por meio de sua companhia, a Amplin Television.

minorityreport_1

minority-report-foto

 

 


Crítica | Extraordinário é extraordinário... e vai te fazer chorar litros!


» Siga o CinePOP no Facebook e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema! «

[AVISO] Os comentários passam por uma aprovação e podem demorar até 24 horas para serem disponibilizados no site. Comentários com conteúdo ofensivo serão deletados, e o usuário pode ser banido. Respeita a opinião alheia e comporte-se.