‘Vingadores – Guerra Infinita’ focará nos heróis coadjuvantes, confirma diretor

‘Vingadores – Guerra Infinita’ focará nos heróis coadjuvantes, confirma diretor

COMPARTILHE!

O que é uma ótima sacada para os longas ‘Vingadores – Guerra Infinita‘ – Parte I e Parte II. Afinal, só se deve trabalhar com um elenco grandes quem, de fato, tem responsabilidade para saber lidar com ele.

Caso contrário, já sabemos o resultado (vide ‘Vingadores – Era de Ultron‘).

Durante uma rodada de perguntas e respostas no Wizard World, em Nova Orleans, Joe Russo comentou sobre a participação dos heróis secundários:




Tudo é finito, certo? Nada pode durar para sempre. Tudo é cíclico. Alguns novos Vingadores da Fase 4 vão se tornar proeminentes e, em seguida, talvez alguns Vingadores podem não ser mais vistos por perto. Então, vamos ver como tudo isso ainda se desenrola, mas você tem que tratar cada personagem com respeito.

É interessante que se você viu quatro ou cinco produções com o personagem principal tendo um arco, eu quero ver alguma história contada a partir de alguns dos personagens secundários.

Nós estamos focando nisso agora com Guerra Infinita, enquanto nós estamos invadindo as películas, podemo puxar para frente aqueles personagens que não tiveram o seu próprio arco da história até esse ponto. Eu acho que você verá os Vingadores coadjuvantes dando uma grande ajuda aos principais Vingadores.

O filme terá 67 personagens.




‘Vingadores: Guerra Infinita’ trará o fim da equipe dos primeiros filmes

Segundo o Bleeding Cool, as duas partes devem custar em torno de US$ 1 bilhão para a Marvel e a Disney.

O site afirma que US$ 400 milhões serão destinados para pagar os roteiristas, diretores, produtores e principais membros do elenco. Robert Downey Jr., aparentemente, fica “com metade do orçamento destinado a todos os atores do filme”.

Vingadores estampam artes inéditas de ‘Capitão América: Guerra Civil’ 

Segundo a Forbes, o ator recebeu um cheque de US$ 80 milhões participar de ‘Vingadores: Era de Ultron‘ e ‘Capitão América: Guerra Civil‘. Em ‘Vingadores: Guerra Infinita‘, seu salário pode chegar na casa dos US$ 100 milhões.

Mesmo para um blockbuster deste tamanho, é um custo caríssimo. Se dividirmos o orçamento pelos dois filmes, cada um custará US$ 500 milhões. Para comparação, ‘Vingadores: Era de Ultron‘ custou US$ 250 milhões.

O filme mais caro da história do cinema foi ‘Piratas do Caribe – No Fim do Mundo‘ (2007), que custou US$332 milhõesSaiba Mais!

Vale lembrar que ‘Vingadores: Guerra Infinita‘ será o primeiro filme a ser rodado inteiramente com as caras câmeras IMAX.

‘Vingadores: Guerra Infinita’ trará o fim da equipe dos primeiros filmes

A ‘Parte I‘ estreia em 4 de maio de 2018. A ‘Parte II‘ chega aos cinemas um ano depois, dia 3 de maio de 2019.

Thanos será o principal vilão, e conseguirá colocar as mãos em uma das duas Manoplas do Infinito – Saiba mais!

Das seis Gemas, quatro já foram encontradas: A Pedra da Mente (do cetro de Loki, vista em ‘Os Vingadores‘ e ‘Vingadores: Era de Ultron‘), a Pedra do Espaço (‘Os Vingadores‘  e ‘Capitão América: O Primeiro Vingador‘), a Pedra do Poder (‘Guardiões da Galáxia‘) e Pedra da Realidade (o éter de ‘Thor: O Mundo Sombrio‘).

Veja como seria o visual do Visão em ‘Vingadores: Era de Ultron’ 

‘Os Vingadores’ recebeu classificação etária alta e cena teve que ser cortada; Saiba qual! 

‘Os Vingadores 3 e 4′ serão rodados em 9 meses 

Crítica | Vingadores: Era de Ultron

Aproveitando a divulgação do terceiro ‘Os Vingadores‘, que será dividido em duas partes, um suposto cartaz do filme tem rodado a internet e feito bastante sucesso. Apesar da arte ser extremamente bem produzida, o CinePOP pesquisou e descobriu que não se passa de um cartaz criado por um fã. Parabéns!

Confira:

vingadores3_1

Curta nossa ENTREVISTA com a Nina Dobrev:


» Siga o CinePOP no Facebook e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema! «