Will Smith chama ‘Depois da Terra’ de “fracasso mais doloroso” de sua carreira

Will Smith chama ‘Depois da Terra’ de “fracasso mais doloroso” de sua carreira

COMPARTILHE!

Durante entrevista à Esquire, Will Smith confessou que considera ‘Depois da Terra’, ficção científica estrelada por ele e o filho Jaden Smith em 2013, o fracasso mais doloroso de sua carreira.

O comentário veio após o repórter ter citado um dos conselhos do tio do ator na série ‘Um Maluco no Pedaço’: “Não deixe o sucesso subir à cabeça e falhar com o seu coração”.

“Essa foi uma lição valiosa para mim a alguns anos atrás com ‘Depois da Terra’. Esse foi o fracasso mais doloroso da minha carreira”, falou Smith.




Dirigido por M. Night Shyamalan, ‘Depois da Terra’ arrecadou US$ 243 milhões pelo mundo para um orçamento de US$ 130 milhões. No entanto, não foi o maior fracasso da carreira de Smith. O título pertence ao faroeste cômico ‘As Loucas Aventuras de James West’, que faturou US$ 222 milhões em 1999 para seu orçamento de US$ 170 milhões.

Apesar disso, o astro considera o faroeste cômico uma experiência menos ruim, e explica por que:

“‘As Loucas Aventuras de James West’ foi menos doloroso porque meu filho estava envolvido em ‘Depois da Terra’, e eu o coloquei nele. Foi excruciante”, desabafou.

Smith disse que recebeu os números de bilheteria do sci-fi numa segunda-feira e ficou “devastado por cerca de 24 minutos”. Pouco tempo depois, ele ainda recebeu uma ligação avisando que seu pai tinha câncer. “Isso coloca as coisas em perspectiva – violentamente”, falou.




Após as notícias ruins, Smith revelou ter tido uma epifania:

“Aquela segunda-feira começou uma nova fase na minha vida, um novo conceito: apenas amor vai preencher esse vazio. Você não pode ganhar o suficiente, você não pode ter dinheiro suficiente, você não pode ter sucesso suficiente. Tudo isso não é o bastante. A única coisa que saciará essa sede existencial é o amor. E me lembro que aquele dia eu fiz a mudança de querer ser um vencedor para querer as relações mais poderosas, profundas e lindas que eu posso ter”, filosofou.

Curta nossa ENTREVISTA com a Milla Jovovich:



» Siga o CinePOP no Facebook e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema! «