sexta-feira, junho 21, 2024

10 Filmes de Terror IMPERDÍVEIS dos Últimos 10 Anos! Você já viu Todos?

Quem não gosta de um bom filme de terror para assistir debaixo das cobertas em uma noite chuvosa? Bem, se você for fã do gênero essa matéria é para você. Aqui iremos listar 10 filmes de terror que julgamos essenciais para você completar a sua cartilha cinéfila do gênero – filme que foram lançados nos últimos 10 anos e que muitos podem ter deixado escapar. Afinal, é impossível conferir tudo com tamanha oferta, até mesmo para nós que trabalhamos com isso. Confira abaixo e já anote os que você não viu, não conhecia e se for o caso assista novamente.

01) Corrente do Mal

Começamos a lista com um dos longas mais antigos da matéria. ‘Corrente do Mal’ é um dos melhores exemplares do gênero dos últimos dez anos e recentemente foi divulgado que ganhará uma continuação. Era esperada? Não. Mas será muito bem-vinda, ainda mais levando em conta que na direção teremos o mesmo David Robert Mitchell e a mesma atriz Maika Monroe. O longa fez sua estreia no prestigiado Festival de Cannes em maio de 2014, mas estreou em circuito nos cinemas em março do ano seguinte, chegando ao Brasil em agosto do mesmo ano.

02) Fale Comigo

Esse é uma sensação do ano passado. A premissa conta sobre uma mão embalsamada, que permite quem a toque conversar com os mortos. É claro que os que se aventuram são adolescentes e a consequência disso é o famoso “vai dar m$rda”. Da produtora A24, o longa fez um enorme sucesso no circuito independente e se tornou queridinho do público, igualmente ganhando sinal verde para uma continuação.

03) Noites Brutais

Sucesso absoluto em 2022, ‘Noites Brutais’ fez sua estreia no FrightFest, festival especializado no gênero no Reino Unido, em agosto, e estreou em circuito nos EUA em setembro. No Brasil chegou direto em streaming em outubro, a tempo para fazer o dia das bruxas feliz dos fãs. ‘Noites Brutais’ na verdade se divide em dois filmes. O primeiro mais interessante e misterioso, mostra uma jovem chegando a uma casa alugada através do Airbnb e percebendo que o local já tem um locatário. Um sujeito que se mostra tão intrigado quanto ela. Sem ter para onde ir, ela aceita passar a noite com um total estranho. Você teria coragem? Na segunda metade, o filme se transforma em algo completamente diferente. Vale dizer que remete a ‘Um Drink no Inferno’ – no sentido da troca de gêneros, apelando para um filme de monstros.

04) X – A Marca da Morte / Pearl

Aqui trapaceamos um pouco, acontece que se tratam praticamente de filmes complementares, embora esta não tenha sido a intenção inicial. Acontece que enquanto filmavam ‘X’, a pandemia atingiu e a equipe precisou parar o trabalho. Nesse tempo, o diretor Ti West e a estrela Mia Goth começaram a construir um backstory para a idosa Peal, ou seja, como teria sido sua vida na juventude. Quando voltaram a filmar, perceberam que o que tinham escrito para ‘Pearl’ dava um filme e assim ele foi gravado quase de forma simultânea. Em ‘X’ uma equipe vai fazer um filme pornô na década de 70 em uma fazenda de propriedade de um casal de idosos. E em ‘Pearl’ conhecemos uma jovem obcecada em se tornar uma estrela de cinema. Esse ano receberemos a terceira parte da história com ‘Maxxxine’.

05) Fresh

Não deixe de assistir:

Sucesso no Festival de Sundance em 2022, esse filme une em tela os talentos de Sebastian Stan e Daisy Edgar-Jones. Ela interpreta uma jovem cansada do mundo do namoro e dos joguinhos de primeiros encontros. Essa primeira parte mostra um insight interessante do que é ser jovem e solteiro nos dias e hoje, e o que precisa ser feito em um mundo onde as pessoas são cada vez mais individualistas e pensam apenas em si. Tudo muda quando ela conhece um médico, papel de Stan, que parece ser o homem perfeito. Dizer mais é estragar a surpresa, mas prepare-se para cenas intensas e também para momentos inusitados, como o da dança entre os dois.

06) Noite Passada em Soho

O que dizer de um filme de Edgar Wright, um dos diretores mais interessantes trabalhando na atualidade. Dono de um currículo de obras como a trilogia do Cornetto – filmes que misturam terror e muito humor, a expectativa era grande em relação a este seu primeiro filme completamente mergulhado no gênero do horror. E vindo do diretor não poderíamos esperar um resultado melhor, já que o longa não é um terror explícito e dá mais importância ao desenvolvimento de personagens e até ao drama. Em sua essência, ‘Noite Passada em Soho’ fala sobre duas jovens mulheres de épocas distintas chegando a Londres com o sonho de grandes feitos – uma quer ser cantora e a outra estilista. Uma carta de amor a Londres e mais um show das ótimas Anya Taylor-Joy e Thomasin McKenzie.

07) Maligno

O mundo do terror possui muitos bons diretores, mas um dos melhores da atualidade atende pelo nome James Wan. É claro que o cineasta não é só um diretor de terror (como se fosse pouca coisa) e já se mostrou bem à vontade no comando de grandes blockbusters como ‘Velozes e Furiosos 7’ e os dois ‘Aquaman’. Mas Wan é mais conhecido mesmo como um dos reis do terror, tendo no cinturão obras como ‘Jogos Mortais’, ‘Sobrenatural’ e ‘Invocação do Mal’. E ‘Maligno’, seu penúltimo filme, bem que poderia estar nessa seleta lista, apesar de ser o menos conhecido deles. Um longa que faz grande homenagem aos giallo italianos, mistura filme B e trash em grande estilo.

08) A Lenda de Candyman

Por falar em filmes cult, ‘O Mistério de Candyman’ foi um dos grandes exemplares do terror nos anos 90 – uma década não muito conhecida por grandes filmes do gênero (tirando os slashers da segunda metade). ‘Candyman’ é um terror poético, político e social, e isso o diferencia de todos os demais. E Jordan Peele, um dos maiores representantes do subgênero na atualidade, não deixa por menos e pega para si a tarefa de reformular o conceito nos dias de hoje. A diretora Nia DaCosta realiza um grande trabalho de trazer a lenda para os dias de hoje, enraizando os terrores modernos na sua obra, realizando uma das transições mais satisfatórias de passado e presente de anos recentes.

09) Feriado Sangrento

Eli Roth sempre foi conhecido como um carniceiro, um diretor gore que adora inserir litros e litros de sangue em suas obras de terror, vide ‘O Albergue’ e ‘Canibais’. Com ‘Feriado Sangrento’ ele adiciona bastante humor (que sempre esteve pelas beiradas de seus filmes). Aliás, o filme já nasce de uma brincadeira – um trailer falso no projeto ‘Grindhouse’ dos amigos Quentin Tarantino e Robert Rodriguez. Aqui, Roth desenvolve seus poucos minutos em um filme de quase duas horas de duração. E ainda faz uma sátira ao consumismo desenfreado na black Friday, que é o que desencadeia esse slasher passado no dia de ação de graças.

10) Dezesseis Facadas

Fechando a matéria temos mais um slasher, este podendo ser considerado bem mais uma comédia do que um terror. Seguindo a veia de filmes como ‘A Morte te dá Parabéns’ e ‘Freaky – No Corpo de um Assassino’, temos uma volta divertidíssima para a década de 80, em uma comédia que ares do clássico ‘De Volta para o Futuro’. Um assassino mascarado volta a atormentar uma cidadezinha décadas depois de um ataque de deixou algumas adolescentes mortas. Assim, a protagonista Jamie (Kiernan Shipka) consegue voltar no tempo e impedir o primeiro ataque do matador. Além de se preocupar com a ameaça do vilão, ela ainda terá que encarar os costumes de uma época que não conhece e lidar com sua mãe adolescentes e as amigas dela.

Mais notícias...

Siga-nos!

2,000,000FãsCurtir
370,000SeguidoresSeguir
1,500,000SeguidoresSeguir
183,000SeguidoresSeguir
158,000InscritosInscrever

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MATÉRIAS

CRÍTICAS