5 filmes que refletem sobre a mais sangrenta guerra civil norte-americana

A sangrenta batalha entre milícias do sul e norte dos estados unidos, com vitória da segunda região mencionada, conhecida como guerra civil norte-americana ou mesmo Guerra de Secessão, é uma página importante da história mundial tendo como palco a maior potência do mundo. Alguns filmes ao longo do tempo buscaram refletir sobre esse período de incertezas em solo norte-americano. Pensando nisso, separamos abaixo alguns filmes que de alguma forma nos fazem refletir sobre esse período:

 

Anjos Assassinos

Com mais de quatro horas de duração e dirigido por Ron Maxwell, o filme mostra uma das mais sangrentas batalhas durante a guerra civil norte-americana, a Batalha de Gettysburg. Baseado no livro homônimo escrito por Michael Shaara em 1974.

 

Tempo de Glória

Lançado nos cinemas no final da década de 80, e dirigido pelo excelente cineasta Edward Zwick, em Tempo de Glória acompanhamos a história de um regimento militar de soldados negros que liderados por um oficial branco, lutam contra os confederados e o preconceito.

Não deixe de assistir:

 

Rastros de Ódio

Na trama, conhecemos Ethan (John Wayne) um ex-soldado confederado (da parte que lutou pelos estados do Sul na Guerra Civil norte-americana) que visita a casa de seu irmão, no Texas, após alguns anos do término da guerra. Pouco tempo depois, a casa de seu irmão é atacada por um grupo da tribo indígena dos comanches que sequestra Debbie (Natalie Wood) a sobrinha de Ethan e mata o restante da família. Assim, ao lado do filho adotivo do irmão, Martin (Jeffrey Hunter), de quem o protagonista não conhece como sendo família por sua ascendência indígena, Ethan enfrentará diversos conflitos e obstáculos embarcando em uma jornada de longos anos atrás da sobrinha raptada.

 

Lincoln

Retratar a vida do mais famoso de todos os presidentes americanos não era uma missão fácil. Mas Steven Spielberg topou o desafio e reuniu um elenco deveras competente, liderado por um ator fora de série, construindo uma espécie de thriller político e apresentando com pouco mais de 2:30 de duração sua visão sobre os quatro últimos meses de vida do 16° presidente dos Estados Unidos, Abraham Lincoln.

 

12 Anos de Escravidão

O filme conta a incrível história real da luta de um homem para sobreviver e enfim encontrar sua liberdade. O longa é ambientado antes da Guerra Civil dos Estados Unidos, e assim conhecemos o protagonista Salomão Northup (Chiwetel Ejiofor), um homem negro e livre do norte de Nova York. Certo dia, após aceitar trabalhar em Washington, é raptado e vendido como escravo. Assim, o protagonista procura a sobrevivência diária em busca de sua liberdade tirada.

 

 

Mais notícias...

Siga-nos!

2,000,000FãsCurtir
370,000SeguidoresSeguir
1,500,000SeguidoresSeguir
183,000SeguidoresSeguir
158,000InscritosInscrever

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MATÉRIAS

CRÍTICAS