domingo, fevereiro 25, 2024

Assistir a filmes de terror pode ajudar a aliviar o ESTRESSE e a DOR, aponta novo estudo

É quase um consenso dizer que filmes de terror costumam ser favoritos do público – principalmente pela sensação de angústia e medo que, em boa parte das vezes, causam nos espectadores. Entretanto, segundo uma recente pesquisa, produções do gênero não apenas servem como um ótimo entretenimento, como também são benéficos à saúde e podem ajudar a diminuir o estresse.

Segundo alguns psicólogos, há evidência de que, para certas pessoas, filmes de terror podem promover um alívio no estresse e da dor em virtude da liberação de dopamina e endorfina – neurotransmissores que são caracterizados como a “cannabis natural” do corpo em virtude de suas propriedades relaxativas.

De acordo com a Dra. Kristen Knowles, da Universidade Queen Margaret em Edimburgo, “pesquisadores descobriram que assistir a filmes de terror podem aumentar a tolerância a dor por causa da produção de endorfina” (via The Herald).

“A distração da dor também é uma explicação provável, uma vez que a atenção e os recursos energéticos são desviados para a avaliação de ameaças e para longe de outras funções corporais”, ela continua.

Knowles acrescenta que o estudo aponta que fãs de terror se mostraram “mais psicologicamente resilientes ao COVID-19”, por exemplo, sugerindo que o resultado está relacionado com a exposição frequente a “exercícios emocionais” ou ameaças artificiais:

“Assistir a filmes de terror nos dá uma abertura saudável para explorar uma experiência emocional intensa. A resposta do corpo ao medo ou ao suspense é construção dos hormônios de estresse, como a adrenalina, que mobiliza os recursos energéticos do corpo. Isso está aliado ao aumento dos batimentos cardíacos e à atenção hiperfocada; isso é aliviante quando a tensão é liberada com o final do filme”.

Ela continua: “[nesses filmes], os objetos de medo são discretos e mais simplistas que a vida real. Através dessa interação, aprendemos a lidar com emoções negativas e desenvolver resiliência ao medo e ao estresse. Eventualmente, isso significa que podemos nos tornar mais fortes quando o estresse aparece na vida real”.

Anteriormente, um estudo realizado pela Universidade de Westminster apontou que assistir a filmes de terror também ajuda a queimar calorias e a levantar os ânimos dos espectadores.

O medo libera adrenalina e isso faz com que nosso metabolismo trabalhe mais rapidamente. A adrenalina também tem a característica de diminuir o apetite.

Não deixe de assistir:

No estudo, 10 pessoas foram colocadas para assistir filmes de terror enquanto seus batimentos cardíacos, taxas de oxigênio e dióxido de carbono eram observados – comprovando que a tensão durante a experiência ajudava acelerar o metabolismo.

Avaliaram amostras de sangues dos voluntários antes, durante e depois de assistirem alguns filmes tenebrosos e relataram que os níveis de glóbulos brancos cresceram.

Confira a lista de filmes que foram usados no experimento e veja quantas calorias foram queimadas ao assistir cada um deles:

  1. “O Iluminado” – 184 calorias
  2. “Tubarão” – 161 calorias
  3. “O exorcista” – 158 calorias
  4. “Alien” – 152 calorias
  5. “Jogos mortais” – 133 calorias
  6. “A hora do pesadelo” – 118 calorias
  7. “Atividade paranormal” – 111 calorias
  8. “Bruxa de Blair” – 105 calorias
  9. “O massacre da serra elétrica” – 107 calorias
  10. “[Rec]” – 101 calorias

Mais notícias...

Thiago Nollahttps://www.editoraviseu.com.br/a-pedra-negra-prod.html
Em contato com as artes em geral desde muito cedo, Thiago Nolla é jornalista, escritor e drag queen nas horas vagas. Trabalha com cultura pop desde 2015 e é uma enciclopédia ambulante sobre divas pop (principalmente sobre suas musas, Lady Gaga e Beyoncé). Ele também é apaixonado por vinho, literatura e jogar conversa fora.

Siga-nos!

2,000,000FãsCurtir
370,000SeguidoresSeguir
1,500,000SeguidoresSeguir
183,000SeguidoresSeguir
158,000InscritosInscrever

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MATÉRIAS

CRÍTICAS