quarta-feira, abril 24, 2024

“Bloody Mary”, “Murder on the Dancefloor” e outras músicas que foram REPOPULARIZADAS por filmes ou séries

Há muitas décadas, existe um fenômeno no cenário audiovisual e fonográfico que caminha lado a lado: a repopularização de músicas.

À medida que um longa-metragem ou uma série encontra popularidade, é apenas natural que outros elementos de determinada produção também encontrem fama em meio a seus fãs. E esse foi o caso de diversas canções que, outrora subestimadas ou apagadas de um conhecimento maior, ressurgem das cinzas e ganham uma nova perspectiva para o público.

Pensando nisso, preparamos uma breve lista com cinco músicas que ganharam reconhecimento tardio por conta de filmes ou séries, desde “Bloody Mary”, de Lady Gaga (que encontrou um sucesso meteórico ao ser associada à série ‘Wandinha’), até “Murder on the Dancefloor”, de Sophie Ellis-Bextor, que foi integrada à trilha sonora do longa ‘Saltburn’.

Confira nossas escolhas abaixo:

“I WILL ALWAYS LOVE YOU”, Dolly Parton

Filme: O Guarda-Costas

Nos anos 1970, Dolly Parton dava vida a uma de suas canções mais conhecidas, “I Will Always Love You”. A balada country fez um grande sucesso nos Estados Unidos – mas não seria até os anos 1990 que a faixa ganharia o mundo com uma rendição feita por ninguém menos que Whitney Houston, no filme ‘O Guarda-Costas’ (que marcou a estreia na atuação da lendária performer), que transformou o country em pop e eternizou a canção de forma inimaginável – além de levar diversas pessoas a acreditarem que a track era sua.

“ALL STAR”, Smash Mouth

Filme: Shrek

Não deixe de assistir:

“All Star”, da banda de rock Smash Mouth, fez um sucesso considerável quando lançada em 1999, tornando-se uma das músicas mais conhecidas do grupo e, inclusive, conquistando uma indicação ao Grammy de Melhor Performance Pop em Duo/Grupo. Considerada uma das melhores músicas do ano, a faixa ganhou uma popularização ainda maior ao integrar a trilha sonora da aclamada animação ‘Shrek’, combinando perfeitamente com o teor satírico da trama e com a personalidade do personagem titular – motivo pelo qual é conhecida por várias gerações e é guardada com carinho gigantesco por inúmeros ouvintes.

“RUNNING UP THAT HILL (A DEAL WITH GOD)”, Kate Bush

Série: Stranger Things

“Running Up That Hill (A Deal With God)” integrou o aclamado e revolucionário álbum ‘Hounds of Love’, de Kate Bush. À época de seu lançamento, a faixa ficou restrita ao apreço dos fãs da cantora e compositora, bem como da crítica, que a escolheu como um dos destaques do compilado. Todavia, com a estreia da quarte temporada de ‘Stranger Things’, a canção encontrou um sucesso extraordinário, sendo redescoberta pela nova geração e alcançado o primeiro lugar das paradas do Reino Unido – seu primeiro #1 desde 1978 -, além de estourar até o terceiro lugar da Billboard Hot 100.

“BLOODY MARY”, Lady Gaga

Série: Wandinha

‘Wandinha’ chegou ao catálogo da Netflix em 2022 e trouxe uma variedade de ótimas canções que casaram com o tema sombrio e cômico da série estrelada por Jenna Ortega. Mas nada poderia nos preparar para a viralização de “Bloody Mary”, faixa do álbum ‘Born This Way’, de Lady Gaga, quando um fã resolveu misturar a cena em que Wandinha dança com a track da icônica artista. Antes tendo aparecido apenas nas paradas do Líbano, “Bloody Mary” deu as caras ao redor do mundo, alcançando o #41 da Hot 100 onze anos depois de seu lançamento.

“MURDER ON THE DANCEFLOOR”, Sophie Ellis-Bextor

Filme: Saltburn

Em 2001, Sophie Ellis-Bextor ganhava enorme reconhecimento na Europa com o lançamento de ‘Read My Lips’, seu primeiro álbum de estúdio – principalmente com o single “Murder on the Dancefloor”. Apesar de ter feito sucesso enorme nas paradas do Reino Unido, não seria até janeiro de 2024 que a canção dominaria o mundo ao entrar para a trilha sonora de ‘Saltburn’, dirigido por Emerald Fennell – garantindo até mesmo uma apresentação de Ellis-Bextor na mais recente cerimônia do BAFTA.

Mais notícias...

Thiago Nollahttps://www.editoraviseu.com.br/a-pedra-negra-prod.html
Em contato com as artes em geral desde muito cedo, Thiago Nolla é jornalista, escritor e drag queen nas horas vagas. Trabalha com cultura pop desde 2015 e é uma enciclopédia ambulante sobre divas pop (principalmente sobre suas musas, Lady Gaga e Beyoncé). Ele também é apaixonado por vinho, literatura e jogar conversa fora.

Siga-nos!

2,000,000FãsCurtir
370,000SeguidoresSeguir
1,500,000SeguidoresSeguir
183,000SeguidoresSeguir
158,000InscritosInscrever

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MATÉRIAS

CRÍTICAS