quarta-feira, fevereiro 21, 2024

Crítica | Desejo Proibido – Ator de ‘365 Dias’ em novo romance com cenas MUITO calientes

A essa altura do campeonato você provavelmente já ao menos ouviu falar do filme ‘365 Dias’, o longa da Polônia que fez a temperatura subir nas noites da Netflix ficou entre os mais vistos durante meses, projetando o rosto e a carreira dos atores protagonistas a um nível internacional imediato. O que significa também que qualquer filme que eles participem a partir de agora eles sempre trarão consigo uma expectativa de noites calientes. E um dos protagonistas dessa produção volta a estrelar um longa-metragem sob o título ‘Desejo Proibido’, já na Netflix.

Olga (Magdalena Boczarska) é uma juíza bastante competente na Polônia, embora no âmbito familiar mantenha uma relação distante e conturbada com sua própria filha, Maja (Katarzyna Sawczuk) e com sua mãe (Elzbieta Jarosik), cujos valores conservadores ela não compartilha. Quando, durante um julgamento, ela conhece o misterioso Max (Simone Susinna), ela tenta resistir aos encantos do bonitão, porém, é em vão, e logo os dois acabam se rendendo a uma intensa relação amorosa. Entretanto, essa relação não irá agradar a todo mundo, e poderá colocar a carreira de Olga em risco. Agora ela tem uma importante decisão a tomar: salvar a carreira ou se entregar de corpo e alma ao seu amor por Max.

O que provavelmente vai acontecer é que o público que vibrou com ‘365 Dias’ vai querer ir ver ‘Desejo Proibido’ nos cinemas, e esta é uma boa estratégia da Paris Filmes. Mas, se este é o seu caso, vale ressaltar que ‘Desejo Proibido’ tem muito mais história do que ‘365 Dias’. Além disso as cenas de pegação são consideravelmente em menor quantidade do que o outro filme polonês. O diretor Tomasz Mandes faz uso de uma estratégia curiosa para filmar as cenas: toda vez que os protagonistas estão se pegando o diretor enquadra a câmera de maneira escondida, sempre colocando algo entre a câmera e os protagonistas, de modo a deixar um pouco embaçado a visão, um pouco oculto como quem deixa uma gota de água embaçar a lente da câmera e, consequentemente, nada fica exatamente explícito nas cenas, embora claramente dê para ver não só os corpos dos atores como também dá para entender perfeitamente o que está acontecendo na cena.

Esse é um estratagema interessante do roteiro de Tomasz Mandes e Mojca Tirs, de modo a conseguir passar veracidade ao romance erótico, mas sem ser explícito demais, de modo a conseguir fazer a distribuição do filme em salas de cinema sem ser rotulado. Como já mencionamos, embora ‘Desejo Proibido’ tenha mais história, não significa que ela necessariamente seja boa: o enredo tem argumentos bem fracos para justificar as ações de seus personagens, seja para correr atrás de seus objetivos, seja para tornarem-se antagonistas do objetivo do casal protagonista, especialmente Maja, filha da juíza, uma jovem mimada ao extremo cujas atitudes são totalmente gratuitas e cansativas

Desejo Proibido’ cumpre aquilo que o espectador espera dele: uma história levemente interessante que conduz dois personagens ao longo de um romance erótico soft com pimenta ao longo de duas horas de duração.

Mais notícias...

Siga-nos!

2,000,000FãsCurtir
370,000SeguidoresSeguir
1,500,000SeguidoresSeguir
183,000SeguidoresSeguir
158,000InscritosInscrever

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MATÉRIAS

CRÍTICAS

A essa altura do campeonato você provavelmente já ao menos ouviu falar do filme ‘365 Dias’, o longa da Polônia que fez a temperatura subir nas noites da Netflix ficou entre os mais vistos durante meses, projetando o rosto e a carreira dos atores...Crítica | Desejo Proibido - Ator de ‘365 Dias’ em novo romance com cenas MUITO calientes