quarta-feira, maio 29, 2024

Diretores sentiram “responsabilidade” pela memória de Angus Cloud na edição de ‘Abigail’

Em entrevista ao ComicBook, os diretores Matt Bettinelli-Olpin e Tyler Gillett (‘Casamento Sangrento’) afirmaram terem sentido uma reponsabilidade pela memória do ator Angus Cloud (‘Euphoria’) durante o processo de edição do terror cômico ‘Abigail‘.

O ator faleceu tragicamente em julho do ano passado, e este projeto marca sua aparição final nas telonas.

“Emocionalmente, foi um processo muito difícil, mas nós realmente sentimos que precisávamos honrá-lo no filme. [No processo de edição], é muito comum cortar algumas cenas ou diálogos entre os personagens, mas, sendo este o último filme do Angus Cloud, nós não queríamos encurtar a participação dele. Nós sentimos que era uma responsabilidade.”

Eles completam, “Nós realmente tentamos explorar suas cenas, e nos certificamos de entregar o melhor de seu personagem. Queríamos preservar todos os momentos especiais. […] Ele sempre estava fazendo todos rirem nos bastidores do filme. Ele era muito divertido. Fizemos o máximo neste filme para manter sua memória viva.”

Assista nossa entrevista com Melissa Barrera e Alisha Weir:

Em exibição nos cinemas nacionais, ‘Abigail‘ conquistou 86% de aprovação dos críticos no Rotten Tomatoes. Os críticos elogiam o filme por ser divertido, violento e sangrento, com destaque para as cenas de gore.

Confira alguns trechos das avaliações:

“Abigail tem humor, ação e muito, MUITO sangue. É difícil se destacar em um mar vermelho de filmes de vampiros, mas este consegue.”, Kelly McClure – Salon.com

“Com um compromisso insano com a pulverização arterial e um conjunto entusiasmado, Abigail acaba sendo outro prazer para todos os fãs de Bettinelli-Olpin e Gillett. É uma explosão sangrenta.”, Bloody-Disgusting.

Não deixe de assistir:

“O filme não é de todo ruim, mas Abigail, a pequena vilã pirueta, poderia usar alguns sérios… ensaios”, disse Alison Foreman do IndieWire.

“Há pontos de Abigail que parecem muito com o horror pintado por números, cheio de despejos de exposição que efetivamente me tiraram da narrativa sangrenta em sua necessidade de cortar a tensão”, disse Maggie Boccella do Collider.

“No que pode se tornar um dos maiores filmes de vampiros de todos os tempos, Abigail oferece uma visão extremamente sangrenta, divertida e bem-humorada do subgênero”, disse Jordan Williams do Screen Rant.

“‘Abigail’ define a fasquia como a mais divertida que se pode ter com um filme de terror do ano. Em outras palavras, “Abigail” é horror na ponta”, disse BJ Colangelo do Slashfilm.

“Não é mal feito, apenas desinspirado e jogado”, disse Simon Abrams do Roger Ebert.

“Um longa ensanguentado faz um bom momento. Um giro inteligente no gênero vampiro cheio de cenários selvagens e gore, alimentado ainda mais por um conjunto elétrico perfeitamente fundido”, disse Perri Nemiroff do canal Perri Nemiroff no YouTube.

“Abigail é um bom momento divertido, sinuoso e sangrento. Encontra o equilíbrio perfeito entre humor e horror. E o conjunto de personagens se equilibra bem”, disse Sean Chandler do Sean Chandler Talks About.

“Radio Silence provou ser uma das vozes mais emocionantes, e crucialmente, divertidas do gênero de terror e Abigail leva isso para o próximo nível”, disse Rosie Fletcher do Den of Geek.

“Um festival de diversão absolutamente insano, sangrento, cheio de gore. Provavelmente o melhor momento do cinema este ano inteiro. Vejo em um teatro lotado!”, disse Tessa Smith da Mama’s Geeky.

“Abigail trouxe tudo o que eu quero em um filme de vampiros: grandes personagens, grandes risadas e galões de sangue. Alisha Weir é uma explosão para assistir enquanto brinca com sua comida no melhor e mais divertido filme de Radio Silence até agora”, disse Cody Leach do canal Cody Leach no YouTube.

Na trama, uma quadrilha sequestra a menina de apenas 12 anos na tentativa de receber uma quantia milionária pelo resgate, mas eles logo descobrem o erro e precisam lutar por suas próprias vidas quando percebem que ela é uma vampira.

Relembre o trailer e siga o CinePOP no Youtube:

Abigail‘ marca a reunião entre a atriz Melissa Barrera e os diretores Matt Bettinelli-Olpin e Tyler Gillett, após ‘Pânico 5 e 6‘.

Da Radio Silence – a equipe de direção de Matt Bettinelli-Olpin e Tyler Gillett por trás dos terríveis sucessos de terror moderno ‘Casamento Sangrento‘ e ‘Pânico‘  – vem uma nova visão ousada e sedenta de sangue do filme de vampiros, escrita por Stephen Shields (‘The Hole in the Ground’) e Guy Busick (‘Pânico’).

A Universal afirma que o projeto se encaixa no mesmo estilo de filmes como ‘O Homem Invisível‘, de Leigh Whannell, e ‘Renfield – Dando Sangue Pelo Chefe‘, filmes que oferecem “uma abordagem única para a lenda dos monstros lendários e representam uma direção nova e fresca para celebrar esses personagens clássicos”.

Mais notícias...

Siga-nos!

2,000,000FãsCurtir
370,000SeguidoresSeguir
1,500,000SeguidoresSeguir
183,000SeguidoresSeguir
158,000InscritosInscrever

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MATÉRIAS

CRÍTICAS