terça-feira, abril 23, 2024

“É como se nem existissem”: Tarantino tira sarro dos filmes de Ryan Reynolds para a Netflix

Famoso por dirigir diversos filmes aclamados, como ‘Pulp Fiction’, ‘Kill Bill’ e ‘Bastardos Inglórios’, Quentin Tarantino é um dos cineastas mais respeitados da indústria.

Infelizmente, ele já disse quet deve encerrar a carreira depois que lançar seu 10º filme, o vindouro ‘The Movie Critic‘.

De qualquer forma, ele disse ao Deadline que tomou a decisão certa porque acredita que as plataformas de streaming estão ofuscando o cinema.

“Está na hora. É hora de sair. Eu gosto da ideia de sair por cima. Gosto da ideia de dar tudo de mim por 30 anos e depois dizer: ‘O, já chega’. E não gosto de trabalhar com retornos decrescentes. Quero dizer, agora é um bom momento porque, o que ainda é um filme? São coisas que eles mostram na Apple? Seriam retornos decrescentes, para mim.”

Tarantino argumentou que o cinema é uma arte que necessita da experiência da tela grande para gerar boas memórias e que o conteúdo transmitido em streaming é algo que cai no esquecimento.

“Provavelmente farei o filme com a Sony porque eles são os últimos da cidade que são absolutamente, totalmente comprometidos com a experiência cinematográfica. Não se trata de alimentar sua rede de streaming. Eles estão comprometidos com a experiência em tela grande. Eles julgam o sucesso pelas bundas nos assentos. E eles julgam o sucesso pelos filmes que entram no imaginário popular, não fazem filmes apenas para ser mais um em um catálogo de streaming.”

Por fim, o diretor fez comentários negativos às produções estrelar por Ryan Reynolds na Netflix, como ‘Alerta Vermelho’ e ‘O Projeto Adam‘.

“Não quero implicar com ninguém, mas, aparentemente, para a Netflix, Ryan Reynolds ganhou US$ 50 milhões neste filme, US$ 50 milhões naquele outro e mais US$ 50 milhões num próximo filme deles. Não sei o que são esses filmes. Eu nunca os vi. Você já? Eu nunca conversei com o agente de Ryan Reynolds, mas o agente dele disse isso em entrevistas. Bom para ele estar ganhando tanto dinheiro. Mas esses filmes não estão no imaginário popular. É quase como se eles nem existissem.”

E aí, qual é a sua opinião sobre o assunto?

Não deixe de assistir:

A história acompanha um piloto que viaja no tempo se une a seu eu mais jovem e seu falecido pai para aceitar seu passado enquanto salva o futuro.

Mark Ruffalo, Jennifer Garner, Rosario Dawson, Zoë Saldaña e Catherine Keener também fazem parte do elenco.

O longa é dirigido por Shawn Levy (‘Free Guy – Assumindo o Controle’) e roteirizado por Jonathan Tropper.

Mais notícias...

Siga-nos!

2,000,000FãsCurtir
370,000SeguidoresSeguir
1,500,000SeguidoresSeguir
183,000SeguidoresSeguir
158,000InscritosInscrever

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MATÉRIAS

CRÍTICAS