quarta-feira, abril 17, 2024

‘Footloose – Ritmo Louco’ na Netflix! Saiba Quais Atores e Atrizes Quase Protagonizaram o Clássico que Completa 40 anos em 2024!

“… so now I gotta cut Loose, footloose, kick off the Sunday shoes, please, Louise, pull me off of my knees, Jack, get back, come on before we crack, lose your blues, everybody cut footloose…”

Quem não conhece a canção Footloose, de Kenny Loggins? Mesmo os mais novos, que nunca assistiram a este verdadeiro clássico dançante da sétima arte, certamente já ouviram as melodias dessa música, mesmo que tenha sido em alguma festa de um parente mais velho. Essa é uma destas canções que precedem o filme para os quais foram criadas.

Os que nunca assistiram ao clássico e também os fãs irremediáveis deste verdadeiro ícone da década de 80 podem festejar dançando loucamente como o protagonista Ren McCormack (vivido por Kevin Bacon), pois a “dona” Netflix acaba de disponibilizar ‘Footloose’ em sua plataforma – dando início às comemorações de aniversário do longa, que completa 40 anos de seu lançamento em 2024.

Aqui, no entanto, ao invés de comentarmos essa querida obra inesquecível, iremos trazer uma matéria diferente, com curiosidades de bastidores. A proposta aqui é apresentar para você os atores que quase estiveram no lugar de Kevin Bacon no papel principal do filme. Já imaginou como seria com qualquer outro? E além disso, também as atrizes que fizeram teste e quase foram contratadas para viver a mocinha Ariel Moore, que terminou nas belas formas de Lori Singer. Confira abaixo.

Tom Cruise

Os produtores da Paramount Pictures que estavam fazendo ‘Footloose’ estavam de olho em Tom Cruise como a primeira opção para viver o protagonista Ren em seu filme. Isso porque o jovem ator os havia impressionado no ano anterior na comédia adolescente ‘Negócio Arriscado’, em especial pela cena em que dança só de cueca na sala de sua casa (cena icônica da época). No entanto, Cruise recusou a oferta e optou por estrelar o drama de esporte ‘A Chance’. Podemos dizer que não foi uma boa escolha para ele, pois você já ouviu falar de ‘A Chance’? Bem, Cruise abriu caminho para Bacon, mas não tem do que reclamar. Os dois dividiriam a cena em ‘Questão de Honra’ (1992).

Madonna

Já imaginou a “Material GirlMadonna em ‘Footloose’? Talvez o filme fosse ainda mais icônico hoje. Pois saiba que isso chegou muito perto de acontecer. Madonna chegou a testar para o papel de Ariel, a protagonista feminina do longa, que é filha do Pastor da cidade, mas não gosta de ouvir ordens de seus pais, sendo uma adolescente rebelde e independente. Essa atitude tem tudo a ver com Madonna, mas por alguma razão os produtores não a acharam certa para o papel. Vale lembrar que na época, Madonna não era a Madonna que conhecemos hoje, já que sua explosão com a música ‘Like a Virgin’ ocorreria no mesmo ano do lançamento de ‘Footloose’.

Daryl Hannah

Não deixe de assistir:

Daryl Hannah era uma das loiras mais belas de Hollywood nos anos 80 e 90. Assim, é claro que a moça esteve na mira dos produtores de ‘Footloose’ para o papel de Ariel. Ao contrário de Madonna, que fez teste e não passou, Hannah gerava grande interesse dos produtores. Mas a atriz pôde se dar ao luxo de recusar a oferta. Porém, ao contrário de Tom Cruise, seria por uma boa causa. Acontece que Hannah disse não para ‘Footloose’ para ir protagonizar ‘Splash – Uma Sereia em Minha Vida’ ao lado de Tom Hanks, que seria lançado no mesmo ano, e igualmente se tornaria uma produção querida nos anos 80.

John Travolta

Acredite se quiser, mas o papel de Ren chegou a ser oferecido até mesmo para John Travolta, embora o ator fosse um pouco mais velho na época para viver um colegial – será que colaria? Precisamos levar em conta que Travolta é apenas 4 anos mais velho que Kevin Bacon, que ficou com o papel. É claro que o interesse em Travolta se deu porque o ator era conhecido por filmes dançantes na época, vide ‘Os Embalos de Sábado à Noite’ (1977) e ‘Grease’ (1978) – no qual viveu um colegial. Mas no lançamento de ‘Footloose’, Travolta já interpretava papeis mais adultos e não teria cabimento voltar a interpretar um adolescente. Para termos uma ideia, no ano seguinte a ‘Footloose’, ele viveu um jornalista cobrindo uma matéria em ‘Perfeição’ (1985), com Jamie Lee Curtis.

Rob Lowe

Outro que poderia ter sido o Ren de ‘Footloose’ foi o ator Rob Lowe, conhecido como parte do “brat pack”, dos jovens promissores dos anos 80. Lowe participou de ‘Vidas Sem Rumo’ (1983) ao lado de Tom Cruise, e foi dirigido por Francis Ford Coppola. Nos anos 80, estrelou diversos filmes badalados do período, com destaque para ‘O Primeiro Ano do Resto de Nossas Vidas’ (1985). Porém, ao fazer o teste para ‘Footloose’, os produtores chegaram à conclusão de que precisariam de um rapaz que soubesse dançar bem, e esse não era o caso com Lowe, que viu o papel cair diretamente no colo de Kevin Bacon.

Elizabeth McGovern

Mais conhecida como a “clone hollywoodiana de Ana Paula Arósio”, Elizabeth McGovern começou em sua carreira bem jovenzinha, em filmes como ‘Gente como a Gente’ – ganhador do Oscar em 1981. Na fase adulta, ficaria mais conhecida como Cora Crawley, a Condessa de Grantham, na elogiadíssima série de época ‘Downton Abbey’ (2010-2015) e nos dois filmes derivados dela (2019 e 2022). McGovern foi outra que esteve na mira dos produtores para o papel de Ariel Moore em ‘Footloose’. Mas assim como Daryl Hannah, a atriz recusou a oferta na época em prol de outra produção. Falamos do épico de crime ‘Era uma Vez na América’, de Sergio Leone, lançado no mesmo ano.

Michelle Pfeiffer

Uma das maiores estrelas de Hollywood, a loiríssima Michelle Pfeiffer ficará para sempre eternizada em nossos corações como a melhor Mulher-Gato do cinema. Pfeiffer é uma atriz 3 vezes indicada ao Oscar, mas no início dos anos 80 não possuía a fama que viria a gozar no fim da mesma década. Pfeiffer foi uma das atrizes consideradas para o papel feminino principal de Ariel Moore, em especial graças ao desempenho da atriz no musical ‘Grease 2’, em 1982, que nem de perto fez o sucesso do original, mas se tornou um cult. No filme, Pfeiffer precisou cantar e dançar. A atriz seguiria para filmes maiores depois, como ‘Scarface’ e ‘O Feitiço de Áquila’.

Jamie Lee Curtis

Vencedora recente do Oscar, Jamie Lee Curtis é uma veterana de Hollywood, filha da realeza do cinema – seus pais são os lendários Tony Curtis e Janet Leigh. A atriz começou e fez fama no terror ‘Halloween’, ao qual ainda retorna até hoje. Mas nos anos 80 conseguiu destaque em filmes como ‘Trocando as Bolas’. Justamente por isso, Curtis foi considerada para o papel de Ariel em ‘Footloose’, que terminou nas mãos de Lori Singer. Por outro lado, Jamie Lee seguiu para estrelar ‘A Volta por Cima’, com Patrick Swayze e C. Thomas Howell, lançado no mesmo ano, e ‘Perfeição’, com John Travolta, no qual interpretou uma professora de ginástica, precisando dançar freneticamente em suas aulas.

Christopher Atkins / Brooke Shields

A Lagoa Azul’ foi um dos maiores sucessos do início dos anos 80, e entre outras coisas apresentou ao mundo uma dupla jovem muito promissora. Perdidos em uma ilha paradisíaca ainda na infância, um menino e uma menina crescem juntos e se tornam belos adolescentes nas formas de Christopher Atkins e Brooke Shields, descobrindo o despertar sexual. O filme virou sinônimo de Sessão da Tarde aqui no Brasil. Foi esse sucesso que chamou atenção dos produtores de ‘Footloose’.

Já imaginou se o casal das telas repetisse a dobradinha em mais um filme cult? Atkins era visado para o protagonista Ren, e Shields para Ariel. A atriz seguiu para a aventura da Cannon Films ‘Sahara’ e para o filme feito para a TV ‘Ouro e Cobiça’; enquanto Atkins foi estrelar o dançante ‘Uma Noite no Paraíso’, o filme para a TV ‘A Arma Secreta’ e 27 episódios da série ‘Dallas’, no papel de Peter Richards.

Jodie Foster

Finalizando a lista com os atores que quase estiveram no clássico atemporal ‘Footloose’, temos a atriz duas vezes vencedora do Oscar Jodie Foster. Recém-saída da quarta temporada da série de sucesso ‘True Detective’, que chegou ao final recentemente, e brindada com mais uma indicação ao Oscar este ano pelo drama ‘Nyad’, da Netflix, na época Foster não era o nome quentíssimo que é hoje. Na verdade, era uma jovem atriz não muito badalada ou conhecida, apesar de já carregar consigo uma indicação ao Oscar (pelo filme ‘Taxi Driver’). Foster foi considerada para o papel de Ariel, mas terminou estrelando a comédia ‘Um Hotel Muito Louco’ e o filme para a TV ‘Domínio Cruel’, de Claude Chabrol, ambos lançados no mesmo ano.

Mais notícias...

Siga-nos!

2,000,000FãsCurtir
370,000SeguidoresSeguir
1,500,000SeguidoresSeguir
183,000SeguidoresSeguir
158,000InscritosInscrever

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MATÉRIAS

CRÍTICAS