Grammy Awards 2024 | As MELHORES apresentações da maior noite da música

A 66ª edição do Grammy Awards aconteceu ontem (04) e, como sempre, veio acompanhada de performances incríveis que encheram a noite de vozes icônicas e uma celebração do significado de boa música.

Desde a abertura do evento com um medley memorável de Dua Lipa até uma homenagem impecável de Fantasia Barrino para a saudosa Tina Turner, foram vários os momentos que nos chamaram a atenção.

Pensando nisso, preparamos uma breve lista com as cinco melhores apresentações do Grammy 2024.

Confira abaixo as nossas escolhas:

5. MILEY CYRUS

Após anos sendo esnobada pela Academia, Miley Cyrus finalmente conquistou suas primeiras estatuetas do Grammy – vencendo nas categorias de Melhor Performance Pop Solo e Gravação do Ano pela estrondosa “Flowers”, lead single do álbum ‘Endless Summer Vacation’. E, afastando-se de uma produção gigantesca e de uma espetacularização comum das apresentações da premiação, ela subiu aos palcos sozinha, acompanhada de um belíssimo look emulando Tina Turner e até mesmo pegando as incursões do soul e do rock para remodelar a música.

4. BILLY JOEL

Dezessete anos depois de sua última música original e três décadas depois de sua última performance ao vivo, o lendário Billy Joel arrancou aplausos em pé dos membros da audiência do Grammy ao aparecer à frente de um piano e soltar a voz na inédita “Turn the Lights Back On” (uma das melhores tracks do ano). Com sua apresentação, Joel nos relembrou do impacto significativo que causou e que continua causando no cenário do entretenimento – tornando impossível não se emocionar com sua potência artística.

3. BILLIE EILISH & FINNEAS O’CONNELL

Não deixe de assistir:

Em pouco tempo de carreira, Billie Eilish se tornou uma das artistas mais aclamadas e respeitadas do cenário fonográfico contemporâneo – e é claro que sua investida no filme ‘Barbie’, “What Was I Made For?”, não ficaria de fora da lista de indicados. Vencedora na categoria de Música do Ano, a faixa foi performada por Eilish e seu irmão, Finneas O’Connell, em uma cândida e simples rendição, rememorando a apresentação que fizera no Grammy 2020 em que sentou-se ao lado do piano e deixou as emoções fluírem em uma pungente performance.

2. DUA LIPA

Se a vencedora do Grammy de Artista Revelação sofria críticas em seus primeiros anos como artista musical, ela realmente investiu esforços em suas performances – e, neste ano, Dua Lipa dominou os palcos do evento com um medley soberbo, do começo ao fim. Além de ter estreado um trecho de seu vindouro single, “Training Season”, ela aproveitou para soltar a voz na aclamada faixa “Dance the Night”, do filme ‘Barbie’, e finalizou sua apresentação com a envolvente “Houdini”.

1. FANTASIA BARRINO

Depois de ter ficado às escondidas dos holofotes, Fantasia Barrino retornou aos holofotes com a adaptação musical de ‘A Cor Púrpura’ – conquistando indicações às principais premiações e reiterando sua incrível versatilidade performática. E, durante o Grammy 2024, Barrino deu as caras na seção In Memoriam, sendo apresentada por ninguém menos que Oprah Winfrey para realizar uma irretocável homenagem à Tina Turner, a eterna rainha do rock, e entregar-se de corpo e alma a uma rendição memorável de “Proud Mary” – encarnando todos os trejeitos de Turner enquanto incendiava os palcos do evento.

Mais notícias...

Thiago Nollahttps://www.editoraviseu.com.br/a-pedra-negra-prod.html
Em contato com as artes em geral desde muito cedo, Thiago Nolla é jornalista, escritor e drag queen nas horas vagas. Trabalha com cultura pop desde 2015 e é uma enciclopédia ambulante sobre divas pop (principalmente sobre suas musas, Lady Gaga e Beyoncé). Ele também é apaixonado por vinho, literatura e jogar conversa fora.

Siga-nos!

2,000,000FãsCurtir
370,000SeguidoresSeguir
1,500,000SeguidoresSeguir
183,000SeguidoresSeguir
158,000InscritosInscrever

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MATÉRIAS

CRÍTICAS