10 Filmes baseados em quadrinhos que Você não Sabia

A maioria dos projetos audiovisuais que vemos chegando aos cinemas de todo mundo a cada semana são baseadas em obras que ganharam as páginas de livros ou até mesmo histórias em quadrinhos. Nesse último ponto, quando pensamos em HQ’s, já chega logo no nosso pensar os logos da Marvel ou da DC Comics mas muitas outras obras que não são dessas empresas poderosas existem por aí e são bem legais. Buscando trazer para vocês alguns interessantes filmes baseados em HQ’s de sucesso, segue abaixo uma lista bem legal (que você vai se surpreender), com 10 filmes baseados em quadrinhos que você não sabia:

 

O Assassino

As fraquezas e as certezas. Bem distante de qualquer conflito de valores morais, caminhando numa reta sem volta longe de algum sentido sobre vida, O Assassino tem um protagonista intrigante que numa espécie de monólogo onde somos testemunhas de uma série de expressões de pensamentos, caminhamos num recorte da sua vida dominado pela sua psicopatia, o niilismo e flertando com o descontrole. Com roteiro assinado por Andrew Kevin Walker (roteirista de Seven – Os Sete Crimes Capitais), baseado em uma história em quadrinhos francesa homônima, escrita por Alexis Nolent e com ilustrações de Luc Jacamon, o filme tem a direção de um exímio contador de histórias: David Fincher.

 

Kingsman – Serviço Secreto

Na trama, baseada numa série de quadrinhos de Dave Gibbons e Mark Millar, conhecemos a história de Harry Hart (Colin Firth) um homem elegante que faz parte da organização de espionagem secreta denominada Kingsman. Anos atrás, durante uma rotina de treinamentos, um de seus homens morre salvando sua vida. Anos se passam e o filho desse homem que falecera é escolhido por Harry para adentrar ao Kingsman, só que para isso precisará completar um treinamento insamente difícil ao lado de outros concorrentes. Em paralelo a isso, Harry e toda Kingsman começam a investigar um milionário do ramo da tecnologia que pretende dominar o mundo.

Não deixe de assistir:

 

Marcas da Violência

As verdades de um desconstrução. Baseado em uma história em quadrinhos homônima da DC Comics, assinada pela dupla John Wagner e Vince Locke, Marcas da Violência explora vários sentidos para o que podemos entender como violência. Na figura de um pai de família, super querido pela comunidade onde mora, o roteiro nos leva em direção a uma desconstrução, um lado sombrio que a mente humana é capaz de esconder. Dirigido pelo experiente cineasta canadense David Cronenberg, o filme esteve na competição pela Palma de Ouro no ano de seu lançamento mundial.

 

Nós Somos as Melhores

A rebeldia do jovem nasce e cresce na explosão dos sentimentos, na simples e vital inquietação de não poder fazer tudo. Baseado em um quadrinho, situado na década de 80, de Coco Moodysson, o longa-metragem sueco Nós Somos as Melhores fez um grande sucesso em muitos festivais Indie que participou nesses últimos meses. Dirigido pelo cineasta Lukas Moodysson, o filme é um grito da juventude, em plena época do nuggets de torradeira, guiada por uma trilha sonora ligada nos altos decibéis do punk rock europeu. É um filme que deve agradar a todos os públicos, possui ritmo e uma genuinidade transparente que transborda na telona.

 

No Limite do Amanhã

Na trama, baseada na obra All You Need Is Kill, de Hiroshi Sakurazaka, ambientada em um futuro apocalíptico, acompanhamos um soldado norte-americano da área de publicidade do exército, chamado Cage (Tom Cruise), que nunca lutou em uma guerra. Depois de uma reunião surpreendente, é mandado forçadamente para a linha de frente da maior guerra da história mundial. Só que quando ele falece no campo de batalha, milagrosamente consegue despertar exatamente na manhã do ocorrido, rotina que se instaura a cada nova morte, deixando Cage com a obrigação de vencer a guerra contra os alienígenas contando com a ajuda da soldado modelo Rita (Emily Blunt).

 

Oldboy

Dirigido por Park Chan-wook, baseado na obra-prima japonesa homônima escrita pela dupla Nobuaki Minegishi e Garon Tsuchiya, o projeto faz arte da chamada ‘Trilogia da Vingança’ do aclamado diretor. Passando pelo forte drama do protagonista, o roteiro caminha com brilhantismo para suas verdades impressionantes que mostram até a última gota de sangue caminhos que levam ao sofrimento.

 

Estrada para Perdição

Disponível no catálogo da Star Plus, e dirigido pelo premiado cineasta Sam Mendes, o filme nos leva para o início da década de 30, durante os tempos de depressão (desaceleração econômica histórica que aconteceu na maior potência do mundo) onde conhecemos um homem que trabalha para um gângster e vê seu destino mudar após uma situação trágica. O roteiro é baseado numa graphic novel assinada pela dupla Max Allan Collins e Richard Piers Rayner.

 

Bloodshot

Na trama, baseada na HQ homônima de Kevin VanHook, Don Perlin e Bob Layton da Valiant Comics, conhecemos um experiente soldado chamado Ray Garrison (Vin Diesel) que é morto por um bandido que também mata sua esposa. Final do filme? Nada disso. O soldado é ‘ressuscitado’ por uma nova tecnologia criada pelo egocêntrico Dr. Emil Harting (Guy Pearce) que transforma seu corpo em uma indestrutível máquina de matar. Assim que acorda, Ray só tem um objetivo: caçar o assassino da sua esposa (e o dele também, no caso). Mas, nada é o que parece nesse filme repleto de adrenalina.

 

Azul é a cor mais Quente

Nesse polêmico filme, baseado na obra Le bleu est une couleur chaude de Julie Maroh, somos apresentados a Adèle (Adèle Exarchopoulos), uma jovem que está passando por uma época de descobertas em sua vida pessoal. Um dia, acaba conhecendo Emma (Léa Seydoux), uma jovem artista que possui chamativos cabelos azuis. As duas logo se apaixonam e enfrentam todos os dramas de um relacionamento conturbado.

 

O Expresso do Amanhã

Com um elenco estelar, que tem nomes como: Tilda Swinton, Ed Harris, Chris Evans e Jamie Bell, no ano de 2014 chegava aos cinemas de todo o mundo (aqui no Brasil o filme passou que nem uma flecha pelas salas de cinema) O Expresso do Amanhã, uma distopia que mostra sobreviventes em um trem, que após um fracasso com experimentos de ações sobre mudanças climáticas, se tornam os únicos sobreviventes do planeta e precisam conviver com uma novo arranjo de classes sociais. O longa é baseado na HQ de ficção científica assinada por Jacques Lob, Jean-Marc Rochette e Benjamin Legrand. Disponível no Looke.

 

 

 

 

 

 

 

 

Mais notícias...

Siga-nos!

2,000,000FãsCurtir
370,000SeguidoresSeguir
1,500,000SeguidoresSeguir
183,000SeguidoresSeguir
158,000InscritosInscrever

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MATÉRIAS

CRÍTICAS