11 Celebridades que Mudaram de Nome

11 Celebridades que Mudaram de Nome



Nesta última semana, a atriz Isabela Moner, que ganhou notoriedade por seu papel no longa live-action Dora e a Cidade Perdida, resolveu mudar seu nome para Isabela Merced em homenagem ao legado de sua avó e de sua mãe. Segundo ela, a decisão em trocar o sobrenome veio como início de um novo capítulo em sua vida e na vida da família, que vinha passando por muitas dificuldades.

Mas Isabela não foi a única a resolver trocar de nome profissional: na verdade, esse costume ocorre há bastante tempo na indústria do entretenimento, seja para encontrar fama de modo mais rápido, seja para deixar uma marca impressa nas esferas do entretenimento – na música, no cinema, no teatro e em tantos outros âmbitos.

Por isso, resolvemos fazer uma breve pesquisa acerca de celebridades que tomaram essa decisão e tornaram-se extremamente bem-sucedidas em suas respectivas áreas. Entretanto, excluímos os famosos que adotaram chamamentos únicos ou derivados de seus nomes originais – como Madonna, Cher e Beyoncé.

Confira abaixo nossas escolhas e, caso você conheça a história de mais alguém, deixe seu comentário no final da matéria!

ELTON JOHN

O vencedor do Oscar e do Grammy é um dos músicos mais influentes da história e responsável por algumas das canções mais icônicas da indústria – tendo ficado responsável por trilhas sonoras como O Rei Leão e O Caminho para El Dorado.

Aproveite para assistir:


Seu nome artístico sem sombra de dúvida é muito mais acessível que o de batismo, Reginald Kenneth Dwight – um tanto britânico demais. E sem sombra de dúvida a decisão de mudá-lo contribuiu para sua extensa e memorável carreira.

EMMA STONE

Emma Stone é conhecida por uma variedade de papéis, seja em comédias românticas como A Mentira, seja por musicais como ‘La La Land: Cantando Estações’, performance pela qual levou o Oscar de Melhor Atriz. Mas Emma não nasceu exatamente com esse nome: ela, na verdade, era conhecida até os quinze anos por Emily Jean Stone, mudando de ares quando se mudou para Los Angeles com a mãe aos quinze anos.

XUXA

A Rainha dos baixinhos é uma das artistas brasileiras mais conhecidas internacionalmente, tendo inclusive colocado vários álbuns e singles na lista da Billboard. Xuxa, que até hoje permanece na ativa e mantém-se como um dos grandes ícones da cultura pop nacional, nasceu como Maria da Graça Meneghel – e percebeu que seu nome era comum demais caso quisesse seguir a carreira como modelo e atriz.

A troca funcionou bastante e, em 2019, Xuxa entrou para a lista da Forbes como a 11ª artista feminina mais rica do mundo. Entre filmes produzidos e estrelados por ela própria e mais de vinte álbuns de estúdio, é impressionante notar como uma latino-americana conquistou um espaço gigantesco no cenário estrangeiro.

JAMIE FOXX

Jamie Foxx levou o Oscar de Melhor Ator em 2005 por sua incrível performance no musical Ray e, hoje, é muito difícil encontrar alguém que nunca tenha ouvido falar de sua carreira como ator, roteirista, produtor, comediante e músico.

Conhecido por seu papel-titular no filme Django Livre, Foxx encontrou um território fértil ao se apresentar desta forma para o mundo – mas, quando nasceu, foi batizado como Eric Marlon Bishop.

WHOOPI GOLDBERG

A eterna Irmã Mary Clarence de Mudança de Hábito é extremamente versátil e uma das seletas escolhidas para integrar o grupo de vencedores EGOT – tendo levado para casa um Emmy, um Grammy, um Oscar e um Tony (os maiores prêmios da indústria do entretenimento).

De A Cor Púrpura até ‘Ghost – Do Outro Lado da Vida’, Goldberg deixou sua marca no cinema, na televisão e nos palcos – e, tendo nascido como Caryn Elaine Johnson, até mesmo seu nome artístico revela sua veia cômica, visto que faz referência a whoopee cushion (almofadas de brinquedo que imitam sons de flatulência).

LADY GAGA

Lady Gaga é uma das artistas mais aclamadas e conhecidas no mundo inteiro. Sendo a segunda cantora viva mais premiada e carregando o título de canção mais laureada da história (“Shallow”), Gaga começou sua carreira em 2008 com o lançamento de seu primeiro álbum de estúdio, The Fame. Entretanto, poucos sabem que ela já trabalhava na área musical bem antes disso.

Nascida Stefani Joanne Angelita Germanotta, a artista escolheu seu nome profissional de uma forma um tanto quanto engraçada: suas habilidades vocais eram comparadas as do icônico Freddie Mercury e, em uma conversa por mensagem de texto com o produtor Rob Fusari, o texto “Radio Ga Ga” (música da banda Queen) foi mudado para “Lady Gaga” e, desta forma, ela anunciou que gostaria de ser chamada desse jeito.

SUSANA VIEIRA

O expoente nome das novelas brasileiras Susana Vieira trilhou um caminho de grande sucesso no entretenimento brasileiro, passando pelo teatro e até mesmo pela música.

Porém, Vieira nasceu como Sônia Maria Vieira Gonçalves e, encarando a irmã brasileira nascida na Argentina como um modelo de vida a ser seguido, ela resolveu adotar “Susana” para seguir sua carreira como performer. A decisão deu muito certo e, até hoje, a atriz encanta o público com suas rendições artísticas.

VIN DIESEL

O ator, produtor e roteirista estadunidense Vin Diesel é mais conhecido por seus trabalhos em diversas franquias de ação – principalmente na expansiva saga Velozes e Furiosos, que retorna para seu nono capítulo no ano que vem, e nos aventurescos filmes Guardiões da Galáxia.

Envolvido com teatro durante sua adolescência e começando a escrever roteiros ainda muito jovem, Mark Sinclair Vincent adotou um novo nome artístico que seria forte, memorável e reconhecido por basicamente qualquer pessoa.

ANITTA

Larissa de Macedo Machado nasceu em Honório Gurgel e desde os oito anos de idade mostrava suas tendências para ser uma artista e conquistar fama. Começando sua carreira com trabalhos na gravadora independente Furacão 2000, a artista resolveu mudar seu nome para Anitta em homenagem à icônica minissérie Presença de Anita, da Rede Globo, dizendo que se inspirava na personalidade sensual e independente da protagonista.

O resultado deu muito certo: hoje, Anitta é conhecida mundialmente e já fez colaborações com diversos nomes lendários da indústria musical, incluindo will.i.am e a Rainha do pop, Madonna.

KATY PERRY

Katy Perry tem uma crescente legião de fãs pelo planeta e, sem sombra de dúvida, é uma das pessoas mais fofas de todos os tempos – inclusive, ela é apaixonada pela cidade de São Paulo e já veio de apresentar no Brasil duas vezes.

Dona de diversos hits e a única artista viva a ter levado o prêmio Spotlight para casa, Katy na verdade vinha de uma família evangélica e lançou seu primeiro álbum sob o nome de batismo, Katy Hudson. Porém, quando mudou o estilo gospel para o pop-rock, a cantora percebeu que precisava de uma mudança completa – e, por isso, escolheu o sobrenome Perry para acompanhá-la

MARILYN MONROE

Uma das bombshells originais, Marilyn Monroe tornou-se um ícone da beleza e um dos maiores símbolos sexuais do século XX, imortalizada por seus cabelos loiros e por sua cândida personalidade.

Até hoje servindo de inspiração para diversos nomes do entretenimento, Monroe é um ícone atemporal e imortal, tendo trabalhado como atriz, modelo e cantora desde o começo de sua carreira até sua inesperada morte com apenas 36 anos de idade. Dentre seus filmes mais famosos, temos Os Homens Preferem as Loiras, que rendeu a sequência “Diamonds Are a Girl’s Best Friends”, O Príncipe Encantado e Quanto Mais Quente Melhor, que lhe rendeu um Globo de Ouro de Melhor Atriz em 1960.

Porém, assim como tantos outros artistas, Marilyn Monroe não foi apenas um nome ocasional, e sim uma escolha muito bem pensada para garantir seu sucesso: “Marilyn” foi escolhido para homenagear Marilyn Miller, uma das estrelas da Broadway da década de 1920; Monroe foi retirado do sobrenome de solteira de sua mãe, Gladys. A artista, na verdade, nasceu sob o nome de Norma Jeane Mortenson.



COMENTÁRIOS