quarta-feira, junho 12, 2024

84 anos de Ian McKellen: um ator que influenciou a cultura pop com personagens inesquecíveis

Filho de um engenheiro civil e uma dona de casa Ian McKellen nasceu no final da década de 30 na cidade de Burnley, na Inglaterra. Ele começou a carreira cedo, na Bolton Little Theatre, uma paixão que se iniciou quando seus pais o levaram para assistir uma montagem de Peter Pan na Ópera de Manchester. Na maioridade, antes de ingressar com toda força na arte de atuar, entrou para a faculdade, a St Catharine’s College, onde estudou literatura inglesa.

Após concluir os estudos, Ian iniciou sua carreira, logo no início da década de 60, em uma montagem teatral de O Homem Que Não Vendeu Sua Alma baseada na obra de Robert Bolt. Anos mais tarde ele enfim chegou na prestigiada West End, que é uma rua famosa de teatros na Inglaterra (a Broadway de lá), com uma adaptação de A Scent of Flowers de James Saunders. O teatro sempre foi uma enorme paixão de sua vida!

Oito anos mais tarde Ian chegaria ao mundo mágico do cinema em A Touch of Love de Waris Hussein. Entre uma peça de teatro e outra, o hoje veterano ator nunca mais largaria a sétima arte onde foi indicado para dois Oscars, o primeiro deles na década de 90 por seu primoroso trabalho em Deuses e Monstros filme onde acompanhamos a fase final da vida do britânico James Whale, cineasta homossexual diretor de filmes de horror bastante populares na década de 30 e sua amizade com um jardineiro. Três anos depois, sua segunda e até então última indicação por sua interpretação de Gandalf no estrondoso sucesso O Senhor dos Anéis: A Sociedade do Anel de Peter Jackson.

A partir dos anos 2000, ele chegaria com enorme impacto na cultura pop com dois personagens muito conhecidos de jovens de todo o planeta. Em X-Men: O filme vimos pela primeira vez o brilhantismo de Ian entregue ao papel do vilão Magneto, que repetiria em mais três futuros filmes. Um ano depois, Ian foi chamado para ser o emblemático Gandalf no primeiro filme de uma das mais impactantes trilogias da história do cinema, o já mencionado O Senhor dos Anéis: A Sociedade do Anel. Em 2015, o ator interpretou ainda o mais famoso dos detetives, Sherlock Holmes, em Mr. Holmes de Bill Condon.

Vencedor do Tony (o Oscar do teatro norte-americano), do Olivier (o maior prêmio do teatro britânico), do Globo de Ouro, do BAFTA e do Emmy, Ian McKellen se declarou gay publicamente perto dos anos 90 e desde então é um defensor de movimentos sociais e pautas LGBT não só na Inglaterra mas em vários lugares do planeta. Ele também foi nomeado cavaleiro pela Rainha Elizabeth II na década de 90. De Shakeaspeare à J. R. R. Tolkien, passando por Stan Lee e Jack Kirby, Ian deu vida a personagens inesquecíveis criados por esses e outros geniais ao longo de toda sua gloriosa carreira.

 

Mais notícias...

Siga-nos!

2,000,000FãsCurtir
370,000SeguidoresSeguir
1,500,000SeguidoresSeguir
183,000SeguidoresSeguir
158,000InscritosInscrever

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MATÉRIAS

CRÍTICAS