As Falhas da Cronologia Oficial da MARVEL!

As Falhas da Cronologia Oficial da MARVEL!


Capitã Marvel teve seu trailer lançado nesta madrugada e Vingadores 4 está batendo à porta. Com tudo isso em jogo, a Marvel decidiu divulgar uma linha do tempo oficial dos filmes participantes do seu Universo Cinematográfico. Porém, mesmo sendo oficial, há alguns erros cronológicos nesse “calendário”, que vão desde a Fase Um até aqui. Confiram:

Essa é a Cronologia oficial:

A princípio, os fãs pensavam que a linha do tempo acompanhava a nossa. Ou seja, se o filme era lançado em 2008, seus acontecimentos também se passavam em 2008. Mas as coisas começaram a fugir disso com Guardiões da Galáxia Vol.2 (2017). Antes do lançamento, James Gunn anunciou que a continuação era ambientada apenas seis meses após o primeiro Guardiões, que se passava em 2014. Ok, dentro dessa cronologia espacial, tudo corre bem. O problema mesmo veio com Homem Aranha: De Volta ao Lar (2017). Logo no começo do filme, vemos um flashback da Batalha de Nova York para a apresentação do Abutre (Michael Keaton), como grande vilão da vez. Só que eles usam um card escrito “Oito anos atrás” para situar o espectador.



Vamos aos cálculos: se Homem-Aranha acontece 8 anos depois de Vingadores, então é uma história ambientada em 2020, certo? Errado. Então ficou o questionamento no ar. Quando exatamente aconteceram os eventos da Fase Um da Marvel. A galera começou a especular que o primeiro Vingadores tinha acontecido em 2010, que o filme do Aranha era no futuro… enfim, bagunçou tudo. E mesmo com a Linha do Tempo Oficial, continua errado. Porque se os eventos da Batalha de Nova York rolaram oito anos antes de 2016, então Os Vingadores deveria se passar em 2008… Vish!

Além disso, em Capitão América: Guerra Civil, o Visão (Paul Bettany) diz que Tony Stark (Robert Downey Jr.) revelou ser o Homem de Ferro há oito anos. É uma declaração condizente à teoria de tempo equivalente ao nosso, pois casaria com o lançamento de Homem de Ferro, em 2008. Com a Cronologia Oficial, essa frase vira um erro. Porque se o mundo descobriu quem era o Homem de Ferro há oito anos e o primeiro filme do Latinha se passa em 2010… A conta não bate.

E em O Incrível Hulk (2008), vemos Bruce Banner (Edward Norton) fugindo pelo mundo. A abertura original mostraria Banner tentando suicídio no Ártico, mas foi excluída. Mais tarde, em Os Vingadores (2012), Mark Ruffalo faz uma menção a esse momento, mostrando que ele aconteceu mesmo. Ou seja, ele teria que ter ido do Ártico para o Rio de Janeiro de forma clandestina, ter ficado no Rio tempo o suficiente para ter uma vida na Rocinha, trabalhado numa fábrica de refrigerantes, virado queridinho do dono, ter fugido clandestinamente para os EUA, onde ele encontra membros do seu passado, destrói a faculdade de Culver e metade do Harlem, se muda para uma região pacata – similar ao Canadá, onde vive por pelo menos 31 dias, foge para Calcutá  e vive o bastante para trabalhar como médico conceituado da região. Tudo isso em 1 ano. Será que dá pra fazer isso?

Sobre Homem de Ferro 3, tudo se encaixaria bem. O problema do tempo nesse caso remete a uma estratégia de marketing. Esse filme marcou o retorno da parceria Marvel + Audi. No final do filme, Tony Stark aparece com um Audi R-8 V10 Plus, modelo 2013. As vendas desse carro foram iniciadas no primeiro trimestre de 2013. Então, não faz sentido o Bilionário andar por aí com um protótipo recém-apresentado no Salão de Paris. Esse é o erro mais bobo de todos, mas é algo a se observar.

Por fim, um dos erros mais grosseiros remete ao Guardião da Joia do Tempo, Stephen Strange (Benedict Cumberbatch). Ele é citado em Capitão América: O Soldado Invernal, 2014, como uma das ameaças que o Projeto Insight mapeou e pretendia eliminar. SÓ QUE, de acordo com a Linha do Tempo, os eventos de seu filme solo acontecem apenas em 2016. Então por que diabos a SHIELD o considerava uma ameaça? Por fazer uma angioplastia como ninguém? E mais, soa meio forçado supor que Strange se tornou o Mago Supremo em apenas um ano, não? Quer dizer, a primeira versão do roteiro situava o começo do filme ainda na Fase Um. E como as cenas de treinamento não indicam uma delimitação de tempo, estava tudo se encaixando direito. Dava para aceitar tranquilamente que ele treinou por anos ali.

Como a cronologia oficial não inclui Homem-Formiga e a Vespa, supomos que o filme se ambiente paralelamente a Guerra Infinita, em 2017. Já sabemos também que a Capitã Marvel se passa nos anos 90. A dúvida agora é sobre Vingadores 4. Teremos correções? O filme vai se passar em 2018 ou teremos um salto temporal? Só resta aguardar.





Inscreva-se em nosso canal e receba conteúdo exclusivo » http://goo.gl/mPcJ5c