As Melhores Adaptações de Stephen King - incluindo 'Cemitério Maldito'

As Melhores Adaptações de Stephen King - incluindo 'Cemitério Maldito'


Stephen King voltou a virar moda em Hollywood com vários filmes e séries do ator sendo adaptados, vide os recentes ‘A Torre Negra’, ‘It - A Coisa’ e o novo 'Cemitério Maldito' - que chegou aos cinemas neste final de semana. No entanto, todo cinéfilo sabe que a adaptação de suas obras para o cinema não é nenhuma novidade e já nos presenteou com grandes clássicos da sétima arte. Em honra a isto, decidimos fazer uma lista com as 10 melhores adaptações de Stephen King para o cinema.

A vasta e produtiva carreira de Stephen King já rendeu mais de 50 livros e 350 milhões de cópias vendidas, algo simplesmente impressionante. Desde o começo, seus livros foram alvo de adaptações para Hollywood e desde então já tivemos inúmeros filmes baseados em seus livros e histórias. Portanto, a tarefa de escolher apenas 5 é quase impossível e certamente teremos que excluir nomes que estariam em outras listas de melhores filmes. Independentemente disto, é uma ótima chance para homenagear e celebrar a obra deste gênio que tanto já fez e ainda faz pela literatura de ficção e, consequentemente, pelo cinema.

Desta forma, fique à vontade para comentar nossas escolhas e sugerir outras adaptações que estariam na sua lista.

 

10. Cemitério Maldito (2019)

Aproveite para assistir:



Considerado um dos livros mais assustadores de King, 'Cemitério Maldito' (Pet Sematary) já havia sido adaptado aos cinemas pela diretora Mary Lambert em 1989, em um filme de baixo orçamento que se tornou um cult no imaginário dos fãs - e traz uma das cenas mais chocantes do cinema (muitas pessoas têm pesadelos até hoje com a cena do bebê sendo atropelado pelo caminhão, inclusive esse que vos escreve).

Com mais recursos e aproveitando o revival de King e do gênero terror, a Paramount Pictures deu sinal verde para uma nova adaptação, que tem uma história bastante diferente do filme original e se distancia de alguns eventos do livro, entregando um final inovador e cheio de surpresas que vai polarizar opiniões. 'Cemitério Maldito' é um filme de terror brutal e assustador, que ao mesmo tempo tem o benefício de ser rápido e eficiente, com um roteiro redondinho que não traz excessos ou aquela famosa enrolação.

 

9. O Nevoeiro (2007)

O maior acerto de 'O Nevoeiro' está no roteiro. Frank Darabont adaptou o livro de King e adicionou pontos cruciais que funcionariam no cinema: deu ao toque sobrenatural uma explicação lógica e inteligente e criou um perturbador final (que o livro não possui). Thomas Jane ('O Justiceiro'), o protagonista, também consegue passar o seu melhor para as telonas, e finalmente se demonstra um astro de primeira linha. O ator, que já havia trabalhado em 'O Apanhador de Sonhos', parece ter feito as pazes com os livros de King e segura o filme com seu enigmático personagem. O livro recentemente foi adaptado em forma de série de TV, exibida no Brasil pela Netflix.

 

8. It -Uma Obra Prima do Medo (1990) 

Uma viagem à fria e oscura mente de King. Feito para a TV norte-americana, 'IT' mostra uma pacata cidade que foi aterrorizada 30 anos atrás por um ser conhecido como 'A Coisa'. Suas vítimas eram crianças, sendo que se apresentava na maioria das vezes como o palhaço Pennywise. Com esta forma ele reaparece, 27 anos depois. Sete jovens que viram 'A Coisa' voltam para combatê-la. Porém, esta batalha pode custar suas vidas. A nova adaptação de 'It - A Coisa' chega aos cinemas exatos 27 anos desde o lançamento do último filme. E o mais sinistro? No livro, Pennywise retorna a cada 27 anos.

 

7. It - A Coisa (2017)

Após uma série de adaptações medianas, Stephen King havia caído novamente no ostracismo. Mas eis que surge o sensacional 'It - A Coisa', uma das adaptações mais fieis de um livro do autor. Melhor que a minissérie de 1990, esse novo filme mostra apenas o Capítulo 1 da história, quando os protagonistas precisam enfrentar o monstruoso Pennywise enquanto ainda são crianças. Puxando mais para o drama do que para o terror, o filme apresenta personagens profundos e interessantes, que enfrentam seus próprios demônios enquanto precisam lutar contra algo ainda mais maligno. O filme traz casos de pedofilia, racismo, preconceito... Tudo envolto com um visual oitentista que lembra muito 'Conta Comigo'. Certamente, uma das melhores adaptações de King e um dos filmes mais icônicos dos últimos anos.

 

6. Louca Obsessão (1986)

Baseado no conto “Angústia”,  'Louca Obsessão' é um filme perturbador. A atriz Kathy Bates foi indicada ao Oscar pela sua fantástica atuação no papel da psicopata que prende um escritor – de quem se diz fã número 1 – depois que ele sofre um acidente de carro. Chocante o momento em que a personagem de Bates quebra os pés do escritor com uma pá.

 

5. Conta Comigo (1986)

Mudando para uma temática um pouco mais leve, este belíssimo filme que transpira a mágica do cinema dos anos 80 nos encantou com sua história de amadurecimento e amizade ao mostrar um grupo de garotos que parte em uma aventura para encontrar o corpo de um menino desaparecido. Contando com um elenco talentoso e carismático, este longa se transformou em um dos grandes clássicos do gênero. Se você gostou da “vibe” de Stranger Things não perca a oportunidade de ver este filme que sem dúvidas inspirou seus criadores e marcou uma geração.

 

4. Carrie - A Estranha (1976)

Dirigido pelo mestre Brian De Palma e estrelado por Sissy Spacek inspiradíssima, esta obra-prima do terror assombrou o cinema na década de 70 com a história de uma adolescente portadora de poderes sobrenaturais e que explode em fúria diante do abuso de seus colegas. O curioso é pensar que este foi o primeiro livro de Stephen King e já possibilitou que ele tivesse seu talento reconhecido e desejado pelo cinema. Um “remake” foi feito em 2013, mas ao meu ver não chegou nem aos pés deste clássico, apesar do esforço da jovem e talentosa Chloë Grace Moretz e da performance assustadora de Julianne Moore como sua mãe fanática. Se você ainda não assistiu o longa de 1976, não perca a chance de experimentar um dos melhores filmes de terror do cinema.

 

3. À Espera de Um Milagre (1999)

No final da década de 90 fomos agraciados com esta joia do cinema na qual o diretor Frank Darabont adaptou mais uma vez uma obra de Stephen King e nos presenteou com a tocante história de um corredor da morte que é transformado por um detento que possui uma habilidade muito especial. Além de um Tom Hanks em seu auge, temos também o saudoso e carismático Michael Clarke Duncan nos entregando a melhor atuação de sua carreira e criando um personagem inesquecível. Um filme ao mesmo tempo leve e carregado de emoção que irá ao menos marejar os olhos dos mais durões.

 

2. O Iluminado (1980)

Já pensou o resultado de juntar o material criativo e único de Stephen King com a genialidade artística da lenda Stanley Kubrick? Pois é, em 1980 tivemos uma amostra dessa mistura através de um filme que arrebatou a crítica e o público e é considerado por muitos o melhor filme de terror de todos os tempos. A atuação completamente surtada de Jack Nicholson é um marco do gênero e um dos pontos altos de sua brilhante carreira. Porém, nem todos sabem que Stephen King simplesmente odeia este filme por achar que a transformação do protagonista para o lado do mal foi muito apressada e sem motivação, diferentemente do seu livro. Tanto que ele bancou e roteirizou uma minissérie de três episódios em 1997 visando fazer justiça à sua obra. No entanto, apesar da “birra” de Stephen King, este filme continua como um clássico do gênero e do cinema como um todo e por isso é completamente merecedor deste lugar de destaque na lista.

 

1. Um Sonho de Liberdade (1994)

Mesmo que esta escolha não seja nenhuma surpresa, ao meu ver não poderia ser diferente. Esta obra-prima da sétima arte é um clássico absoluto e já há algum tempo detém a “coroa” como o melhor filme no IMDb. Apesar de sua reputação atual, o curioso é que este filme de Frank Darabont teve recepção morna de crítica e público na época de seu lançamento e sequer ganhou um Oscar, perdendo o de melhor filme para ‘Forrest Gump’. Tudo bem que a concorrência era pesada (inclusive com Pulp Fiction na parada), mas isto prova que a justiça pode tardar, mas não falha. Os bons filmes conseguem superar o preconceito ou a visão turva de uma época e transcender o tempo para receberem seu devido mérito. Foi o caso deste filme que é muito mais do que a melhor adaptação de uma obra de Stephen King para o cinema, é um filme que deveria fazer parte dos pré-requisitos de qualquer pessoa que se considera amante da sétima arte.


Inscreva-se em nosso canal e receba conteúdo exclusivo » http://goo.gl/mPcJ5c