Autor de 'Percy Jackson' avisou produtores que roteiro era 'péssimo'

Autor de 'Percy Jackson' avisou produtores que roteiro era 'péssimo'


Após o sucesso incrível da saga 'Harry Potter', Hollywood estava desesperada para conseguir alguma franquia que conseguisse se tornar um fenômeno similar. Buscando a inspiração na literatura, havia um prato cheio de potencial com a saga de 'Percy Jackson e os Olímpianos' escrita por Rick Riordan

Misturando com eficácia a tradicional jornada do herói e o rico universo da mitologia grega, a jornada de Percy Jackson tinha tudo para dar certo em uma adaptação cinematográfica, não fosse a qualidade bastante medíocre do roteiro.

Agora com a saga totalmente enterrada e esquecida, Rick Riordan aproveitou para revelar quantas vezes avisou sobre os produtores que o roteiro estava longe de ser ideal, pedindo que o longa se mantivesse fiel à obra original:

"Primeiro, isso matou toda a possibilidade de uma franquia. A série é fixada na premissa que Percy cresça entre as idades de doze até dezesseis anos, de acordo com uma profecia de que ele fará uma decisão que pode tanto salvar quando destruir o mundo. Eu acreditava que a Fox queria deixar a possibilidade de sequências aberta. Começando a franquia justo com Percy já com 17 anos, isso se torna impossível.



Os leitores da saga tem de 9 a 12 anos de idade. Há milhões de crianças nessa faixa etária, além de suas famílias que estão ansiosas para ver esse filme, pois querem ver as imagens criadas em suas imaginações se tornando realidade. Eles já imaginaram Percy com doze anos. Deixá-lo com 17 resultará na perda desse público assim que virem o trailer."

Riordan foi além e ainda comentou sobre a qualidade do roteiro:

"Não quero apenas dizer que desvia do livro, pois certamente está quase irreconhecível apenas contando a mesma história. Fãs do livro ficarão bravos e desapontados. Vão sair dos cinemas e começar um boca a boca nada favorável. O maior problema é que você fingem que o livro não existe. O roteiro não funciona como uma história original. Não há nada original nos diálogos ao colocar palavras como 'vadia, bunda e merda'. Esse linguajar já foi usado em excesso a tal ponto que não angaria uma simples risada.

Estou conversando com crianças bastante jovens a todo tempo sobre o filme. Estaria horrorizado em vê-los irem ao cinema para ver esse tipo de conteúdo. Eu não veria. Não deixaria meus filhos verem isso. Não recomendaria para ninguém ver e certamente não queria estar associado a isso. Não sexualizem minha história infantil."

Certamente uma situação bastante tensa para Riordan durante a produção do filme. O autor revelou o conteúdo dos e-mails que escreveu para a Fox e os produtores do filme durante a produção do primeiro longa. Ainda assim, 'Percy Jackson e o Ladrão de Raios' ganhou uma sequência que foi tão mal recebida que enterrou a franquia de vez.





Inscreva-se em nosso canal e receba conteúdo exclusivo » http://goo.gl/mPcJ5c