‘Bond 25’: Rami Malek não queria interpretar vilão com problemas religiosos

‘Bond 25’: Rami Malek não queria interpretar vilão com problemas religiosos




Rami Malek é um dos atores que está em alta no momento, principalmente por sua brilhante caracterização de Freddie Mercury em ‘Bohemian Rhapsody‘.

De origem egípcia, o ator foi escolhido para viver o vilão de ‘Bond 25‘, sequência da saga de 007 – o que poderia também sugerir (considerando o histórico da região) que ele daria vida a uma figura aos moldes de um terrorista religioso.

Mas em uma entrevista ao The Daily Mirror, ele garantiu que a personificação de seu antagonista não possui tais motivações, condição que até mesmo fora colocada pelo ator para que ele pudesse aceitar a proposta.

Disse:


Aproveite para assistir:


“Ele é um ótimo personagem, estou muito empolgado. Mas isso foi um assunto que conversei com Cary. Eu disse, ‘não podemos identificá-lo com nenhum ato terrorista, refletindo uma ideologia ou uma religião. Isso não é algo que eu gostaria de fazer e se foi por esse motivo que fui escolhido, pode me tirar do projeto’. Mas claramente essa não era sua visão. Ele é um terrorista bem diferente. Este é mais um roteiro muito perspicaz, feito por gente que entendeu exatamente o que as pessoas querem com esses filmes. Mas eu sinto um peso substancial nos meus ombros. Quer dizer, todos crescemos assistindo Bond”.

 

Bond 25’ será o último filme de Craig como James Bond. O ator vive o personagem desde 2006, com a estreia de ‘Casino Royale’.

Na trama, Bond deixou o serviço secreto e está desfrutando de uma vida tranquila na Jamaica. Sua paz dura pouco quando seu velho amigo Felix Leiter, da CIA, aparece pedindo ajuda. A missão de resgatar um cientista raptado acaba sendo muito mais traiçoeira do que o esperado, levando Bond para o rastro de um misterioso vilão armado com uma tecnologia mortal.

Dirigido por Cary Joji Fukunaga e com roteiro de Neal Purvis e Robert Wade, o 25º quinto da franquia estrela Daniel Craig, Ralph Fiennes, Naomie Harris, Rory Kinnear, Léa Seydoux, Rory Kinnear, Ben Whishaw, Jeffrey Wright, Ana de Armas, Dali Benssalah, David Dencik, Lashana Lynch, Billy Magnussen e Rami Malek.

Reportagens recentes do site oficial de James Bond indicam que o subtítulo do novo filme pode ser A Reason to Die (‘Uma Razão Para Morrer’, em tradução livre); porém, não houve declaração oficial da Warner Bros. sobre os rumores.

Apesar dos atrasos e do acidente com o ator principal, ‘Bond 25’ não será adiado e segue com estreia marcada para o dia 8 de abril de 2020. Confira o trailer:


COMENTÁRIOS