domingo, junho 16, 2024

Cannes 2024 | “Um LÍDER único”, declara Oliver Stone sobre o presidente LULA

No último domingo, dia 19 de maio, o renomado diretor Oliver Stone esteve na 77ª edição do Festival de Cannes para apresentar o seu novo documentário Lula. Lançado na seção Cannes Specials, o projeto nasceu a partir de viagens do cineasta pela América Latina e o encontro com diversos líderes políticos da região. Para ele, a trajetória de Luiz Inácio Lula da Silva é fascinante. 

Este filme é sobre uma pessoa muito especial no mundo. Ele é um líder único. Um homem da classe trabalhadora que veio de baixo. (…) Ele lutou muito para chegar onde ele está. Por favor, eu admiro profundamente este homem e sei que muitas pessoas das classes mais ricas o odeiam. Não sei se essas pessoas estão aqui hoje à noite, mas, por favor, não o odeie tanto. Ele tem uma alma tão maravilhosa. Eu estive com vários líderes políticos e eu realmente senti seu coração.”, declarou Oliver Stone antes do início da sessão na sala Agnès Varda. 

Ganhador do Oscar três vezes — O Expresso da Meia-Noite (1978), por roteiro; Platoon (1987) e Nascido em 4 de Julho (1990), por direção —, Oliver Stone é conhecido por seus filmes com temáticas políticas e críticas às guerras. O documentário sobre o atual presidente do Brasil faz parte do seu projeto sobre líderes da América Latina, iniciado em 2003 com a obra Comandante, focada no cubano Fidel Castro

Lula
Lula no documentário de Oliver Stone.

Entretanto, o cineasta conheceu Lula enquanto gravava o documentário Ao Sul da Fronteira (2009) sobre os líderes políticos e populares da América do Sul, lançado no Festival de Veneza 15 anos atrás. Desde então, Oliver Stone também lançou Mi Amigo Hugo (2014), sobre Hugo Chávez;e a minissérie Entrevistas com Putin (2017), sobre a relação de animosidade entre os Estados Unidos e a Rússia. 

Antes de começar a projeção, Thierry Frémaux, diretor do Festival de Cannes, e Oliver Stone fizeram uma brincadeira sobre os sentimentos aflorados a favor e contra Lula. O primeiro disse que acreditava que as pessoas presentes gostavam do atual presidente do Brasil, ao passo que o cineasta norte-americano chegou a pedir que levantasse a mão quem não gostava, mas Thierry o interrompeu antes de qualquer manifestação. 

Assista ao vídeo, com legendas, na íntegra da declaração de Oliver Stone sobre o Lula:

 

Voir cette publication sur Instagram

 

Une publication partagée par CinePOP.com.br (@sitecinepop)

Mais notícias...

Letícia Alassë
Crítica de Cinema desde 2012, jornalista e pesquisadora sobre comunicação, cultura e psicanálise. Mestre em Cultura e Comunicação pela Universidade Paris VIII, na França e membro da Associação Brasileira de Críticos de Cinema (Abraccine). Nascida no Rio de Janeiro e apaixonada por explorar o mundo tanto geograficamente quanto diante da tela.

Siga-nos!

2,000,000FãsCurtir
370,000SeguidoresSeguir
1,500,000SeguidoresSeguir
183,000SeguidoresSeguir
158,000InscritosInscrever

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MATÉRIAS

CRÍTICAS