Crítica | Pokémon: Detetive Pikachu - Diversão para os Pequenos e para Adultos

Crítica | Pokémon: Detetive Pikachu - Diversão para os Pequenos e para Adultos

Nota:


A franquia Pokémon é uma das maiores do mundo. Extremamente popular entre crianças e jovens adultos, ela enfim chegou aos cinemas no formato de Live Action. Seja como videogame, jogo de cartas ou animação, o mundo dos Monstrinhos de Bolso fascina gerações há mais de vinte anos e se depender deste longa, deve continuar assim por mais tempo ainda.

Se você é um jovem que cresceu com a franquia, aviso que pode ficar decepcionado em partes com Detetive Pikachu. Isso porque o filme tem como público alvo as crianças e não procura ir além. Então, é uma aventura sobre amizade com foco no público infantil. E isso ele faz muito bem. Mesmo assim, os adultos também vão se divertir com algumas piadinhas mais sacanas que passarão batido pelos pequenos.

90% das sessões nacionais de Pikachu serão dubladas. Ou seja, assistir a Detetive Pikachu legendado será uma missão comparável a capturar um Pokémon Lendário. Acredito que valha o esforço.

Como a cabine de imprensa também foi dublada, fica difícil de analisar a principal atuação do filme: Ryan Reynolds, que dá voz ao ratinho elétrico de CGI. Mas como vocês provavelmente só vão conseguir ver em cópias dubladas, vamos analisar esta versão mesmo. A Warner Brasil realmente se esforçou para fazer um trabalho bastante competente na versão dublada. Recorreram a DELART, um dos melhores estúdios do país, e os dubladores oficiais de cada ator foram chamados  para dar uma maior segurança de qualidade aos papéis. Philippe Maia conseguiu alcançar uma ótima sincronia com o Pikachu e deu um ar “fofo” a ele, enquanto Fred Mascarenhas volta a dublar Justice Smith. Justice é meio limitado como ator, mas o papel não exige muito dele, então se sai bem.


Aproveite para assistir:


O grande mérito do filme, que vai encantar a todas as idades, é mostrar um mundo em que pessoas e Pokémon compartilham suas vidas de forma harmoniosa. Acho que todo fã sonhou em ver isso nos cinemas e agora é realidade. Outra diversão é procurar as centenas de Pokémon espalhados pela telona. Se o lema da franquia é “Temos que pegar [todos]!”, isso fica muito mais legal no cinema. É como se vários easter eggs estivessem perambulando em cena e cada novo monstrinho encontrado é um sorriso que se abre.

Isso sem falar no visual dos Pokémon. Se Sonic sofreu retaliação pela aparência bizarra do Ouriço, os monstrinhos de Detetive Pikachu são incríveis. A equipe não buscou o realismo, mas deu personalidade às criaturinhas, que ficaram lindas! Quase como um cartoon animado em 3D.

Enfim, é um clássico de Sessão da Tarde que vai encantar aos pequetuchos. E por ser meio bobinho, pode acabar chateando um pouco os pais ou parentes que levarem os miudinhos ao cinema, mas ainda assim é uma diversão rápida e inocente, perfeita para os pais que se preocupam com o que os filhos assistem. Aos fãs mais antigos, vale lembrar que se rolar uma bilheteria boa, é certeza de franquia. Com o lendário MewTwo apenas esperando para ganhar um filme solo. E seria bem legal ver outras facetas do Universo Pokémon nas telonas. Ah, alguns cinemas estão distribuindo as saudosas cartas de brinde, são colecionáveis e lindas.

 

Pokémon: Detetive Pikachu estreia em 9 de Maio de 2019


COMENTÁRIOS