domingo, maio 26, 2024

Crítica | Terra dos Sonhos – Jason Momoa Faz a Gente Sonhar… em Filme Infantil da Netflix

Jason Momoa é um homão tudo de bom. Unanimidade nas enquetes, o ator havaiano fez a temperatura subir quando surgiu como o cabeludo Drogo, em ‘Game of Thrones’, como par da então inocente Daenerys Targeryen (Emilia Clarke), e, em seguida, com o colã verde apertadinho em ‘Aquaman’, fazendo o público sonhar e suspirar por causa da trama. Agora o ator está de volta aos filmes, estrelando o filme infantil ‘Terra dos Sonhos’, aposta da Netflix para as férias de fim de ano.

Nemo (Marlow Barkley) tem onze anos e sua vida no farol é incrível! Ela mora com o pai (Kyle Chandler, de ‘King Kong’), e a vida dos dois é uma grande aventura, pois enquanto o pai cuida do farol e dos barcos que por ali passam, Nemo estuda dentro de casa e tem a imaginação estimulada pelas incríveis histórias que o pai conta sobre as peripécias que vive com seu amigo Flip em altomar. Quando um acidente acontece e Nemo é obrigada a morar com seu distante tio, Philip (Chris O’Dowd, de ‘O Lar das Crianças Peculiares’), a jovem decide que é hora de realizar o seu maior desejo, mas, para isso, terá que atravessar a ‘Terra dos Sonhos’, onde conhece o esquisito fora da lei Flip (Jason Momoa).

Claramente voltado para o público infantil, ‘Terra dos Sonhos’ traz uma história que resgata o prazer do lúdico na criançada, com mensagens importantes transmitidas a esse público: a necessidade de uma boa noite de sono, de corrermos atrás dos nossos sonhos, de entender que há coisas que são irreversíveis na vida mas que a própria vida dá um jeito de nos conduzir adiante, etc. Entretanto, as duas horas de duração podem ser um pouco demais para uma galerinha que já anda com dificuldade de ter a atenção fixada sem se distrair com celulares e afins.

Graças ao roteiro de David Guion e Michael HandelmanTerra dos Sonhos’ é uma bela produção, pois bebe em fontes surrealistas para compor cenas absurdamente belas, impossíveis e de encher os olhos da garotada. O espectador adulto poderá encontrar referências a muitos quadros famosos, como os de Salvador Dalí, René Magritte, Escher e Van Gogh, além de referências cinematográficas a filmes timburtianos como ‘A Fantástica Fábrica de Chocolate’ e ‘Edward Mãos de Tesoura’ e outros adorados pela cultura pop, tais como ‘Labirinto: A Magia do Tempo’, ‘Peter Pan’ e ‘A História Sem Fim’.

Ao criar um antagonista meio Willy Wonka, meio Jack Sparrow e dar esse papel a Jason Momoa, o diretor Francis Lawrence (de ‘Jogos Vorazes’) desperta o imediato interesse do público, entretanto, não dá nenhum close no rosto do personagem. De quê adianta divulgar fotos de Momoa com chifres, orelhas pontudas e um ar divertido se, no filme, não podemos olhar de perto como ele ficou? As poucas cenas em que o breve close acontece são tão rápidas, que não dá para ver os detalhes do figurino do ator. Uma pena.

Terra dos Sonhos’ é uma aventura lúdica que salpica fantasia ao imaginário infantil encabeçado por um Jason Momoa que faz cada um de nós sonhar – por motivos diferentes. Ficou faltando um pouquinho de profundidade nas relações entre personagens, mas ainda assim entrega uma boa história para toda a família nesse fim de ano.

Mais notícias...

Siga-nos!

2,000,000FãsCurtir
370,000SeguidoresSeguir
1,500,000SeguidoresSeguir
183,000SeguidoresSeguir
158,000InscritosInscrever

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MATÉRIAS

CRÍTICAS

Jason Momoa é um homão tudo de bom. Unanimidade nas enquetes, o ator havaiano fez a temperatura subir quando surgiu como o cabeludo Drogo, em ‘Game of Thrones’, como par da então inocente Daenerys Targeryen (Emilia Clarke), e, em seguida, com o colã verde...Crítica | Terra dos Sonhos – Jason Momoa Faz a Gente Sonhar… em Filme Infantil da Netflix