Um dos rostos mais conhecidos de Hollywood, o ator e dublador Hugh Jackman faz 53 anos nesse dia 12 de outubro (sim, ele nasceu no dia das crianças!).  Caçula de cinco irmãos, viveu na Austrália nos primeiros anos de vida, e já na adolescência se formou em Artes Dramáticas na prestigiada Western Australia Academy of Performing Arts.

Hugh estreou nos cinemas no ano de 1999, no filme Erskineville Kings, de Allan White, que tem Joel Edgerton no elenco. Em 2000 sua carreira decola com o lançamento de X-Men: O Filme onde interpreta o icônico personagem Wolverine. Depois disso uma chuva de oportunidades chega para abrilhantar sua já gloriosa carreira se tornando um dos atores mais bem pagos da maior indústria do cinema mundial.

Ele ainda não ganhou seu Oscar (inclusive em 2009 foi o apresentador da cerimônia) mas já tem na prateleira um prêmio Tony (Oscar do Teatro Americano) por seu papel na peça The Boy from Oz.

Para comemorarmos o aniversário desse carismático artista, que já fora durante anos Professor de Educação Física na Austrália, segue abaixo 10 ótimos filmes dele:



 

Logan

Aproveite para assistir:

A adversidade é um trampolim para a maturidade. Dirigido pelo cineasta nova iorquino James Mangold (Johnny & June, Garota, Interrompida), mostra como um desfecho de um icônico personagem, antes dos quadrinhos e agora das telonas, pode ser muito marcante. Logan é o capítulo final da surpreendente saga de Wolverine – incrível ser rabugento mutante oriundo dos X-Men – e sua eterna busca por redenção. Hugh Jackman, encarando pela sétima vez o mesmo personagem nos cinemas, faz de tudo para deixar sua marca, usando e abusando de sua versátil habilidade como ator. Grande atuação.



 

O Rei do Show

O espetáculo de um sonhador que nunca desiste. Tentando sair do papel a cerca de dez anos, o musical The Greatest Showman, no original, finalmente ganhou sua oportunidade. Contemplando a estreia na direção de um longa-metragem do agora cineasta Michael Gracey, O Rei do Show é um musical empolgante, que narra uma história de uma época pelas entrelinhas de um sonhador e sua busca constante em surpreender seu público. No papel principal, um dos maiores atores showman do circuito hollywoodiano/Broadway, o australiano, eterno Wolverine, Hugh Jackman, que mais uma vez mostra que consegue emocionar numa tela grande.

 

Má Educação



Li essa frase em algum lugar recentemente: ‘A ganância insaciável é um dos tristes fenômenos que apressam a autodestruição do homem.’, não sei de quem é mas ela ilustra muito bem o que assistimos no ótimo longa-metragem produzido pela HBO, Bad Education. O projeto busca recriar um dos maiores escândalo envolvendo roubos quando falamos na ajuda que o governo norte-americano oferece as escolas públicas. Reunindo uma série de situações que mostram toda a ganância e princípios evidentes de sociopatia dos envolvidos, o filme além de bombástico do ponto de vista humano é um espetáculo de boas atuações do ponto de vista cinematográfico. Hugh Jackman, na pele do protagonista, mostra que como herói ele foi muito bom ator mas como vilão é muito melhor.

 

Os Suspeitos

Quais são os limites na busca de um parente desaparecido? Brilhantemente dirigido pelo cineasta canadense Denis Villeneuve (Incêndios), Os Suspeitos é um dos melhores suspenses e mais surpreendente projeto da carreira de Jackman. Todo o quebra-cabeça que somos testemunhas é engenhoso, brilhante e eletrizante. O espectador não sabe o que vai acontecer na cena seguinte. Como a grande graça desse trabalho é o seu desfecho, o texto não tem nenhum spoiler, podem ficar tranquilos.


 

Gigante de Aço

O filme tenta criar, num futuro próximo (mais precisamente 2020) a eminência da evolução dos games. Lá, o virtual e o real estão próximos e muitas modalidades serão substituídas pelas máquinas. O trabalho de Shawn Levy (que dirigiu a trilogia Uma Noite no Museu), o movimento dos robôs é para elogios, faltando apenas caírem joysticks nas poltronas do cinema para cada um controlar um personagem.

 

Flor da Neve e o Leque Secreto

Entre castigos, compromissos, leques mensageiros e gratidão, o diretor chinês radicado nos Estados Unidos Wayne Wang (O Clube da Felicidade e da Sorte) conta a história de Sophia e Nina, duas jovens que possuem uma amizade muito forte que acaba sendo o tema central da trama. Flor de Neve e o Leque Secreto tem o roteiro picotado em várias épocas mostrando ao espectador simbolismos em prol da benevolência. A trilha é muito interessante e se encaixa bem nas sequências.

 

Os Miseráveis

Poderoso musical que teve todo tipo de recepção no ano de seu lançamento, 2013, no projeto dirigido por Tom Hooper voltamos para a França no século XIX para conhecer a saga de Jean Valjean (Hugh Jackman). No elenco, nomes como: Russel Crowe, Anne Hathaway, Eddie Redmayne, Amanda Seyfried, Sacha Baron Cohen e Helena Bonham Carter. Com quase três horas de duração, o filme é uma adaptação da famosa obra homônima de Victor Hugo.

 

Alguém como Você

Há 20 anos atrás chegava aos cinemas de todo o planeta a comédia romântica Alguém como Você. Protagonizado pela atriz Ashley Judd, o filme conta a história de uma mulher que consegue criar uma grande investigação sobre o par perfeito após perder o namorado. Baseado no romance de Laura Zigman, o filme é dirigido por Tony Goldwyn.

 

O Grande Truque

Dirigido pelo badalado cineasta Christopher Nolan, O Grande Truque nos leva até a Inglaterra no século XIX para um mundo do ilusionismo, onde dois mágicos brigam pelas atenções e nos surpreendem com as inconsequências dos melhores truques. O elenco é fantástico, além de Jackman, nomes como: Christian Bale, David Bowie, Scarlett Johansson, Michael Caine, Rebecca Hall e Andy Serkis.

 

Fonte da Vida

Indicado ao leão de Ouro em Veneza e dirigido pelo brilhante cineasta Darren Aronofsky somos testemunhas da saga de um homem entre os temas da imortalidade, os amores além da vida, em linhas temporais distantes. Com um orçamento de 35 milhões de dólares, esse complexo e bastante reflexivo filme tem no elenco também as ótimas Ellen Burstyn e Rachel Weisz.

Comentários

Não deixe de assistir: