Diretores de ‘Divertida Mente’ e ‘Frozen’ assumem comando da Pixar e Disney Animation respectivamente

Diretores de ‘Divertida Mente’ e ‘Frozen’ assumem comando da Pixar e Disney Animation respectivamente


Com o anúncio da saída de John Lasseter do comando da Pixar e da Disney Animation, uma nova dupla criativa vai assumir o comando das divisões.

Em um comunicado oficial emitido pela Casa do Mickey, Pete Docter - diretor de ‘Divertida Mente’ - e Jennifer Lee - diretora de ‘Frozen - Uma Aventura Congelante’ - foram anunciados como os respectivos presidentes da Pixar e da Disney Animation.

Ambos atuarão como supervisores das produções das divisões, além de projetos associados dos estúdios que coordenam. Os novos CCOs também se reportarão ao presidente da Disney, Alan Horn.

Em resposta às promoções, Lee e Docter agradeceram publicamente o convite feito:




Lee: “Sou profundamente grata a todos da Walt Disney Animation Studios e da The Walt Disney Company por essa oportunidade. A animação é a forma de arte mais colaborativa do mundo e é com a parceria de meus colegas cineastas, artistas e inovadores que olhamos para o futuro. Minha esperança é apoiar o incrível talento que temos, encontrar novas vozes e trabalhar juntos para contar histórias originais. Os grandes filmes da Disney Animation - os filmes que eu amava quando criança e minha filha cresceu amando - são mágicos, eternos e cheios de coração, e nosso objetivo é criar filmes que continuem e cresçam esse legado de 95 anos, para as futuras gerações. ”

Docter: “Estou animado e honrado ao ser convidado para assumir esse papel. Não é algo que eu aceite sem responsabilidade. Fazer filmes na Pixar tem sido minha obsessão crônica desde que comecei aqui há 28 anos. Tenho a sorte de trabalhar ao lado de algumas das pessoas mais talentosas do planeta e, juntos, continuaremos impulsionando a animação em novas direções, usando a mais recente tecnologia para contar histórias que esperamos que possam surpreender e encantar o público em todo o mundo ”.

 

O presidente da Pixar, John Lasseter, anunciou que deixará o estúdio ao final deste ano. A revelação vem após o período de seis meses de licença que o animador havia tirado, em virtude das acusações de assédio sexual envolvendo seu nome, reveladas pelo site The Hollywood Reporter.

Em um comunicado oficial, Lasseter compartilhou os motivos de sua saída:

"Os últimos seis meses me proporcionaram uma oportunidade para refletir sobre minha vida, carreira e prioridades pessoais. Enquanto continuo dedicado à arte da animação e inspirado pelo talento criativo da Pixar e da Disney, decidi que o final deste ano é o momento certo para começar a focar em novos desafios criativos. Estou extremamente orgulhoso do que os dois dos mais importantes e prolíficos estúdios de animação conseguiram sob minha liderança e agradeço todas as oportunidades de seguir minha paixão criativa na Disney".

Mediante o bombástico anúncio, o CEO da Disney, Bog Iger, também refletiu sobre este momento, agradecendo a Lasseter por sua dedicação ao estúdio.

Em um comunicado, ele disse:

"John teve um trabalho notável na Pixar e na Disney Animation, reinventando o ramo de animação, assumindo riscos de tirar o fôlego e contando histórias originais de alta qualidade que durarão para sempre. Estamos profundamente gratos por suas contribuições, que incluíram uma reviravolta magistral e notável do The Walt Disney Animation Studios. Uma das maiores realizações de John é montar uma equipe de grandes contadores de histórias e inovadores com a visão e o talento para definir o padrão em animação para as gerações futuras".

 

 





Inscreva-se em nosso canal e receba conteúdo exclusivo » http://goo.gl/mPcJ5c