'Game of Thrones': 7ª temporada terá ritmo mais acelerado, revela elenco


Os fãs de ‘Game of Thrones’ devem ficar atentos e aproveitar cada segundo que lhes resta da maior sensação da televisão do momento.

Em uma entrevista concedida ao site da publicação Entertainment Weekly, parte do elenco e da equipe de produção revelou que a sétima temporada acontecerá em ritmo acelerado, completamente diferente daquilo que a audiência já estava acostumada.

Surpreendente até mesmo para os atores, o compasso do novo ciclo vai permitir que mais acontecimentos aconteçam em uma fração de tempo menor.

Segundo Nikolaj Coster-Waldau, o intérprete de Jamie Lannister:



“Eu sinto como estivesse imerso em um ritmo diferente. Tudo aconteceu mais rápido que o de costume...muitas coisas que normalmente demoram uma temporada inteira, acontecem em um episódio”.

Kit Harrington (Jon Snow) também concorda, afirmando que:

“Esta temporada é realmente diferente de qualquer outra, porque está se acelerando em direção ao final. Muitas coisas se colidem e acontecem muito, muito mais rápido que estamos acostumados a ver em ‘Thrones’...é tão diferente daquilo que todos se acostumaram. É bem empolgante”.

Mas ao contrário do que muitos fãs devem estar pensando, o ritmo acelerado não se deu pelo fato do novo ciclo ser mais curto, com três episódios a menos.

Para um dos criadores e roteiristas da série, D.B. Weiss, tudo se trata da tão falado inverno que está chegando. Em outras palavras, a guerra que se anuncia há seis anos:

“As coisas estão se movimentando rapidamente porque no mundo destes personagens, a guerra pela qual eles têm aguardando está diante deles. Os conflitos que eles construíram ao longo dos seis anos estão diante deles e estes fatos os garantem a sensação de urgência que os faz agir com maior velocidade”.

David Benioff, co-criador e roteirista de GOT, completou o raciocínio do parceiro:

“Por muito tempo temos falando sobre ‘a guerra que está por vir’. Bem, aquela guerra está bem aqui. Então é realmente sobre tentar encontrar um jeito de fazer a narrativa funcionar sem parecer que estamos acelerando ela - você ainda quer dar aos personagens seu espaço apropriado e basicamente todos estes que permaneceram na trama são importantes. Até mesmo aqueles que começaram como personagens relativamente pequenos se tornaram significante à sua maneira”.

O co-produtor executivo, Bryan Cogman, acrescentou, finalizando a premissa do ritmo aplicado na nova temporada:

“Existem White Walkers e dragões e assim que eles começarem a se colidir, a história deve caminhar para onde deve ir”.

 

 

 





Inscreva-se em nosso canal e receba conteúdo exclusivo » http://goo.gl/mPcJ5c