‘Homem-Aranha 3′: Tom Holland pode deixar de viver o herói nos cinemas

‘Homem-Aranha 3′: Tom Holland pode deixar de viver o herói nos cinemas



De acordo com o The Hollywood Reporter, Tom Holland pode deixar de viver o ‘Homem-Aranha‘ nos cinemas.

O ator só tem contrato para mais um filme como Peter Parker e seu retorno é opcional. Ou seja, ele pode romper o contrato se desejar e não voltar a viver o herói em ‘Homem-Aranha 3‘.

Tom Holland não está feliz com a decisão da Sony em romper a parceria com a Marvel Studios, que pediu uma porcentagem maior nos lucros dos próximos filmes do ‘Homem-Aranha‘.

Caso o ator decida não retornar, a Sony está com um grande problema nas mãos: teria que reescalar o protagonista mais uma vez, o que certamente deixaria o público furioso.

Com o término da parceria com a Marvel, a Sony terá que fazer um filme sem citar nenhum personagem do MCU, isso inclui Tony Stark – que serviu como mentor do aracnídeo nos últimos filmes.

Holland demonstrou seu descontentamento ao deixar de seguir a Sony Pictures no Instagram, mas continua seguindo as contas da Marvel e da Disney.

Além disso, o ator respondeu com ironia um post sobre qual título o terceiro filme da franquia ‘Homem-Aranha‘ deveria receber:

“Homem-Aranha: Sem Lar”, postou.

Confira:

O conflito se deu após a Marvel pedir 50% do lucro dos filmes do aracnídeo e controle de outros personagens, como o Venom e a Gata Negra. Antes, o estúdio recebia apenas 5% de comissão das bilheterias.

A Sony publicou uma carta afirmando estar “desapontada” pelo fato de Kevin Feige, presidente da Marvel Studios, não estar mais envolvido na produção do próximo capítulo do ‘Homem-Aranha’.

Confira:

“Muitas das notícias de hoje sobre o Homem-Aranha descaracterizaram as recentes discussões sobre o envolvimento de Kevin Feige na franquia. Nós estamos desapontados, mas respeitamos a decisão da Disney de não querer que ele continue como o produtor líder do nosso próximo live-action do Homem-Aranha. Nós esperamos que isso mude no futuro, mas entendemos que muitas das responsabilidades que a Disney o deu – incluindo todas as novas propriedades adquiridas pela Marvel – não permitem que ele tenha tempo o bastante para trabalhar em um projeto que o estúdio não detém os direitos. Kevin é incrível e somos gratos por sua ajuda e orientação e apreciamos o caminho que ele nos ajudou a traçar, no qual continuaremos”.

De qualquer forma, resta torcer para que a Sony dê continuidade as aventuras do Cabeça de Teia agora que o personagem finalmente se encontrou nas telonas.

Assista nossa crítica sobre ‘Homem-Aranha: Longe de Casa‘.

COMENTÁRIOS