Relembre as mortes mais trágicas e chocantes dos astros de Hollywood

Relembre as mortes mais trágicas e chocantes dos astros de Hollywood


Esperamos sempre que a vida siga seu curso natural, e que percamos pessoas próximas ou ídolos somente para a velhice. Mas nem sempre é assim. Além das inevitáveis doenças graves, muitas vezes somos surpreendidos por mortes trágicas, algumas verdadeiramente bizarras. Pensando nisso, nossa nova lista toca justamente neste assunto delicado e triste, envolvendo mortes súbitas de astros, ídolos e queridos atores. Vamos conhecer.

Paul Walker

Muito conhecido da geração atual pela franquia Velozes e Furiosos, o jovem Walker se foi cedo, aos 40 anos, falecido em um acidente ironicamente trágico. Depois de ter escapado de pilotagens para lá de mirabolantes ao volante dos carros que comandou na franquia, Walker pereceu justamente num acidente automobilístico, do qual sequer estava na cadeira do motorista. A tragédia ocorreu em 2013.

Robin Williams



Um dos maiores ícones do cinema quando o assunto é comédia, Williams faleceu em 2014, aos 63 anos. Embora tenha-se tentado esconder de início, a morte do ator vencedor do Oscar (Gênio Indomável, 1997) foi mesmo creditada ao suicídio por enforcamento. Boatos afirmam que Williams estava falido, e devido a sua depressão (certamente afetada por seus últimos projetos não estarem dando certo, vide a série The Crazy Ones – cancelada após a primeira temporada) o astro resolveu tirar a própria vida. Por ironia do destino, um de seus últimos trabalhos (O Melhor Pai do Mundo), traz o ator no papel do pai de um rapaz que se mata acidentalmente enforcado.

Sharon Tate

Tate era considerada uma das atrizes mais belas a pisar em Hollywood. Antes de estourar na carreira, a jovem esposa do diretor Roman Polanski foi assassinada por membros de uma seita fanática, comandada por Charles Manson, quando estava grávida, em sua mansão. O crime foi em 1969, e Tate tinha 26 anos. Quentin Tarantino fará um filme sobre o tema, com Jennifer Lawrence e Margot Robbie.

Natasha Richardson

Casada com o veterano Liam Neeson, de 1994 até sua morte em 2009, a britânica Richardson vinha de uma família de atores, filha de Vanessa Redgrave, irmã de Joely Richardson e sobrinha de Lynn Redgrave. Sua morte, aos 45 anos, se deu após um acidente esquiando de férias, quando ela caiu e bateu a cabeça. Depois da ida ao hospital, onde tudo parecia bem, Richardson voltou para a casa, somente para vir a falecer no dia seguinte, devido a uma hemorragia cerebral não diagnosticada no dia anterior.

James Dean

Antes de Walker, porém, outro grande astro promissor sofria um acidente similar. James Dean tinha apenas 3 trabalhos marcantes no cinema creditados a seu nome (sem contar as diversas pequenas participações em séries de TV), nos filmes Vidas Amargas (1955), Juventude Transviada (1955) e Assim Caminha a Humanidade (1956). Apesar da curtíssima duração da carreira, foi o suficiente para garantir-lhe o posto de um dos maiores astros da história, isto porque dos três filmes, Dean foi indicado ao Oscar postumamente pelo primeiro e o último. Dean faleceu aos 24 anos, em 1955, num acidente de carro.

Aaliyah

Assim como James Dean, Aaliyah foi outra jovem bastante promissora que perdeu a vida e teve sua carreira interrompida. Cantora de hip hop que explodia na época, Aaliyah estava realizando uma boa transição para o cinema, e seu primeiro trabalho na área foi o filme de ação Romeo tem que Morrer (2000), com o astro asiático do gênero, Jet Li. Antes do lançamento do terror A Rainha dos Condenados (2002), continuação derivada de Entrevista com o Vampiro (1994), Aaliyah faleceu em um acidente de avião, aos 22 anos, em 2001. Sua voz precisou ser dublada pelo irmão em alguns trechos do longa.

River Phoenix

Outro jovem pra lá de promissor, River Phoenix era inclusive muito comparado a James Dean. Irmão mais velho do ator Joaquin Phoenix, River teve alguns trabalhos de sucesso na carreira, que durou exatamente dez anos até sua morte e por volta de 25 trabalhos como ator – os mais famosos sendo Conta Comigo (1985), Garotos de Programa (1991) e Indiana Jones e a Última Cruzada (1989), no qual viveu o jovem Indiana Jones. O ator morreu de overdose em 1993, aos 23 anos, enquanto estava na boate do ator e amigo Johnny Depp. Sua namorada na época, que estava presente na noite fatídica, era a também atriz Samantha Mathis, a princesa Daisy da “obra-prima” Super Mario Bros (1993).

Phil Hartman

Mais conhecido pela série de TV NewsRadio (1995-1998), Hartman também passou pelo humorístico icônico Saturday Night Live. No cinema esteve em filmes como Pequenos Guerreiros (1998), e Um Herói de Brinquedo (1996), como o vizinho chato para o qual Schwarzenegger grita a frase cult: “Put that Cookie Down”. Hartman faleceu aos 49 anos, em 1998, quando sua esposa Brynn Hartman o assassinou e depois tirou a própria vida.

Amanda Peterson

Imortalizada para a geração que cresceu na década de 1980 como Cindy Mancini, a garota mais popular do colégio, paga pelo nerd Ronald Miller (Patrick Dempsey) para fingir ser sua namorada, em Namorada de Aluguel (Can´t Buy Me Love, 1987), Peterson faleceu aos 43 anos em 2015, devido a overdose acidental de morfina.

Steve Irwin

O australiano Irwin não era exatamente um ator, embora tenha feito um filme sobre suas peripécias, intitulado O Caçador de Crocodilos: Rota de Colisão (2002), baseado em seu programa homônimo no Animal Planet. Irwin era um especialista em animais, alguns bem perigosos, e vivia arriscando sua vida de encontro a eles. Em 2006, aos 44 anos, um destes encontros se mostrou fatal, quando ao mergulhar com arraias, levou de um destes animais uma ferroada bem no coração.

Carrie Fisher

A mais que amada Carrie Fisher será para sempre a Princesa Leia de Star Wars em nossos corações. A atriz lutava contra dependências químicas e do álcool. Depois de ser resgatada novamente para a franquia com O Despertar da Força, Fisher faleceu no final de 2016, aos 60 anos, sem ver lançado o recente Os Últimos Jedi. A atriz passou mal num voo e faleceu logo após. A causa é atrelada a apneia no sono e outros fatores não determinados.

Debbie Reynolds

Num dos casos mais tristes da história, Debbie Reynolds, mãe idosa de Carrie Fisher, pode muito bem ter falecido de coração partido. A veterana de filmes como Cantando na Chuva (1952), faleceu aos 84 anos, exatamente no dia seguinte de sua filha, devido a um derrame. A notícia da morte da filha pode ter sido demais para Reynolds suportar.

Anton Yelchin

Nenhuma morte da lista talvez seja tão bizarra quanto a do jovem talentoso russo Anton Yelchin. Ator desde muito novinho, Yelchin era um dos rostos mais conhecidos de sua geração, transitando entre obras cult, vide Amantes Eternos (2013) e superproduções como o reboot da franquia Star Trek (2009, 2013 e 2016). Yelchin faleceu aos 27 anos em 2016, quando acidentalmente não puxou o freio de mão do seu carro enquanto foi verificar a caixa de correio. O carro desceu, pegou velocidade, e esmagou o ator contra o muro da casa.

John Belushi

Uma figura verdadeiramente icônica, Belushi, irmão mais velho do ator James Belushi, é outro que se foi cedo demais, deixando um verdadeiro legado. Na TV, Belushi ficou famoso pelo humorístico Saturday Night Live. No cinema, marcou em filmes como O Clube dos Cafajestes (1978) e Os Irmãos Cara de Pau (1980) – seu maior sucesso. Foram um total de 7 filmes para o cinema e 3 para a TV. Chegado a loucuras, comportamento errático e excessos, Belushi faleceu aos 33 anos, em 1982, devido a intoxicação severa por cocaína e heroína.

Michael Clarke Duncan

Descoberto por olheiros por acidente, o gigante Michael Clarke Duncan brilhou no fim da década de 1990, em filmes como Armageddon e À Espera de um Milagre (pelo qual foi indicado ao Oscar), e no início da década passada, com Demolidor e Sin City. Duncan faleceu em 2012, aos 54 anos, devido a deficiência respiratória.

Anna Nicole Smith

Notória coelhinha da Playboy, Smith tinha como marca registrada seus dotes físicos, e participou em um papel marcante na conclusão da série cômica Corra que a Polícia vem Aí – 33 e 1/3: O Insulto Final (1994). A maior polêmica de sua vida, no entanto, viria com o casamento controverso com o milionário J. Howard Marshall II, de 89 anos, que faleceu menos de um ano após o casamento. Anna Nicole Smith tinha 26 anos na época, mas negava que o casamento tivessse sido por dinheiro. O fato não a impediu de lutar nos tribunais com o filho do milionário por sua herança. Smith faleceu aos 39 anos, em 2007, devido a overdose acidental de remédios.

Dominique Dunne

Agora entramos na seção Poltergeist da lista. O filme Poltergesit – O Fenômeno (1982) se tornou um enorme sucesso e até hoje é cultuado como uma das produções de terror mais celebradas do cinema. Seus bastidores, no entanto, são tidos como amaldiçoados. Não é para menos. Primeiro, foi Dominique Dunne, que no primeiro filme interpreta a filha mais velha da família Freeling, Dana. No mesmo ano do lançamento do que viria a ser o ápice de sua curta carreira, Dunne, irmã do ator Griffin Dunne, foi assassinada pelo então namorado John Thomas Sweeney. Durante uma briga na calçada da frente da casa da jovem, o sujeito a estrangulou, e ela perdeu a consciência, entrando em coma. Ela nunca sairia desse estado, vindo a falecer cinco dias depois, em 1982, aos 22 anos. Sweeney serviu três anos e meio na prisão.

Heather O´Rourke

A franquia Poltergeist continuou mesmo após a morte de Dunne, e assim Dana precisou ser “jogada” para a universidade, saindo da trama da família Freeling. A pequena Heather O´Rourke, intérprete da caçula Carol Anne, aquela que vai parar dentro da TV no primeiro filme, ainda participaria do segundo e terceiro filmes, respectivamente de 1986 e 1988. Antes do lançamento do terceiro filme em junho, no entanto, a pequena O´Rourke viria a falecer aos 12 anos de idade, devido a problemas intestinais e uma misteriosa parada cardíaca.

John Candy

Um dos rostos mais conhecidos de comédias das décadas de 1980 e início de 1990, Candy tinha jeito de ser bonachão e um bom camarada. Entre seus sucessos mais marcantes estão Antes Só do que Mal Acompanhado (1987), SOS – Tem um Louco Solto no Espaço (1987) e Jamaica Abaixo de Zero (1993). O ator canadense faleceu de ataque cardíaco, provavelmente vinculado a seu excesso de peso, aos 43 anos, em 1994.

Philip Seymour Hoffman

Se não tivesse falecido de forma inesperada, Hoffman certamente estaria sentado no trono dos grandes atores desta e das próximas décadas. Depois de sua vitória no Oscar por Capote (2005), foram mais três indicações, a última em 2013, pouco tempo antes de sua morte no início de 2014, aos 46 anos. A lista de trabalhos memoráveis estava a toda e prometia não parar. Hoffman faleceu devido a severa intoxicação por medicamentos misturados.

Marilyn Monroe

Uma das maiores estrelas a pisar em Hollywood, Monroe sofria de depressão por não se achar uma boa atriz e sofrer críticas por isso. Sua morte, no entanto, até hoje é misteriosa e envolta em teorias conspiratórias, já que boatos apontam seu caso com o presidente Kennedy, e que talvez tenha sido assassinada pela máfia ou pelo próprio governo americano. Um tempo depois, o próprio Kennedy era assassinado. Oficialmente, sua morte aos 36 anos, em 1962, é creditada a overdose de medicamentos.

Natalie Wood

Outra atriz da era de ouro de Hollywood, Natalie Wood possui uma das mortes mais intrigantes da lista. Mais que Monroe, existem fortes suspeitas de que talvez Wood tenha sido assassinada, e pior, pelo próprio marido, o também ator Robert Wagner, mais conhecido pela série Casal 20, hoje aos 88 anos. Além disso, o veterano Christopher Walken, pode ser cúmplice, já que estava no barco junto com o casal, no fatídico dia em que Wood misteriosamente caiu no mar e morreu afogada. A tragédia ocorreu em 1981, Wood tinha 43 anos. A atriz, obviamente, ficou imortalizada pelo filme Amor, Sublime Amor (Westside Story, 1961), que será refilmado por Steven Spielberg. O caso envolvendo sua morte foi recentemente reaberto.

Brittany Murphy

As Patricinhas de Beverly Hills (1995), Garota, Interrompida (1999), 8 Mile (2002) e Sin City (2005) estão entre alguns dos mais lembrados da carreira da jovem Brittany Murphy, falecida em 2009, aos 32 anos. A causa: pneumonia e anemia. Algum tempo depois, Simon Monjack, seu marido na época, viria a falecer de causas similares.  O fato trouxe especulações de que a casa do casal talvez tivesse algo que os fez adoecer.

Bernie Mac

Por falar em pneumonia e complicações da doença, outro ator que faleceu por esta causa foi o humorista Bernie Mac, mais conhecido por suas participações nas franquias Onze Homens e um Segredo e As Panteras Detonando. Mac tinha 50 anos e morreu em 2008.

Bill Paxton

Bill Paxton era um veterano, mas no cinema nunca teve muita oportunidade de protagonizar. Suas participações em muitas obras das décadas de 1980 e 1990, no entanto, serão para sempre lembradas, vide Aliens – O Resgate (1986). Paxton faleceu aos 61 anos, em fevereiro de 2017, devido a um derrame causado por delicados procedimentos cardíacos.

Brad Renfro

Brad Renfro era apenas um menino quando chamou atenção em O Cliente (1994), de Joel Schumacher, baseado no livro de John Grisham, no qual protagonizou ao lado de pesos pesados como Susan Sarandon e Tommy Lee Jones. Já na adolescência, deu vida ao livro de outra lenda da área, O Aprendiz, baseado em Stephen King, dirigido por Bryan Singer, e com Ian McKellen. Renfro morreu aos 25 anos, em 2008, de overdose de heroína.

Corey Haim

Outro jovem ator famoso na adolescência, este nos anos 1980, Corey Haim ficou imortalizado por trabalhos como Os Garotos Perdidos (1987) e Sem Licença para Dirigir (1988).  O ator faleceu aos 38 anos, em 2010, devido a uma pneumonia.

Chris Farley

Farley ganhou destaque em sua época no humorístico Saturday Night Live, por sua comédia física e intensa. No cinema, seus maiores sucessos foram as parcerias com David Spade, e Um Ninja da Pesada (1997). O ator faleceu aos 33 anos, em 1997, por complicações associadas ao uso de cocaína.

Bruce Lee

O lendário rei das artes marciais e ator dispensa apresentações, e já foi alvo de diversas biografias, assim como seu mestre. Apesar de certo misticismo rondar sua morte, como lendas e premonições, como mostrado em Dragão: A História de Bruce Lee (1993), o motivo oficial da morte de Lee, aos 32 anos, em 1973, foi um edema cerebral. Sua morte ocorreu antes da estreia de seu maior sucesso, Operação Dragão, nos cinemas dos EUA.

Brandon Lee

Exatamente vinte anos depois da misteriosa morte de seu pai, Brandon Lee, filho do lendário Bruce Lee, cuja carreira no cinema igualmente decolava, faleceu num acidente bizarro durante as filmagens do que viria a ser seu filme mais famoso, O Corvo (1994), lançado nos cinemas de forma póstuma. De fato, Brandon Lee sequer conseguiu terminar as filmagens do longa, que precisou usar dublês e efeitos digitais para preencher as partes que faltavam do ator. No set, uma carga letal foi disparada, de muito perto, no ator, ocasionando sua morte, numa das tragédias mais estranhas a ocorrerem nos bastidores de um filme. Detalhe, se tratava de uma produção de um grande estúdio, a Warner. Lee faleceu aos 28 anos, em 1993.

Cory Monteith

Desconhecido do grande público, o jovem Cory Monteith ficou marcado pelo papel de Finn Hudson na série musical jovem Glee. O jovem foi encontrado morto aos 31 anos, após overdose de álcool e heroína, em 2013.

Farrah Fawcett

Outra atriz eternizada pelo papel em uma série de TV, Farrah Fawcett ficaria marcada para sempre como a pantera Jill Monroe, do programa Charlie´s Angels (As Panteras no Brasil). Na década de 1970, Fawcett virou febre e se tornou o sonho de todos os homens e também mulheres. O sucesso rendeu para a atriz diversas participações em filmes da década de 1970 e 1980. Fawcett sempre lutou contra o alcoolismo e dependência química, mas faleceu foi de câncer aos 62 anos, em 2009.

Vanity

Por falar em mulheres belas que viraram sensação, Vanity foi uma modelo transformada em atriz que emplacou em filmes da década de 1980, como O Último Dragão (1985), Nenhum Passo em Falso (1986) e Action Jackson (1988). Vanity faleceu aos 57 anos, em 2016, devido a deficiência nos rins.

Thuy Trang

Você provavelmente não irá reconhecer esta atriz asiática, do Vietnã, mas Thuy Trang foi a primeira intérprete da Ranger Amarela no programa de TV infantil Power Rangers.  A atriz também teve participação em O Corvo: Cidade dos Anjos (1996), continuação direta do sucesso com Brandon Lee. A atriz faleceu aos 27 anos, em 2001, num acidente de carro.

David Carradine

Poucos (ou nenhum) acidentes da lista foram tão bizarros quanto o que causou a morte do veterano David Carradine, o Caine da série Kung Fu (1972-1975), papel que seria de Bruce Lee. Para o público mais jovem, Carradine ficou imortalizado como o Bill, dos filmes Kill Bill, de Quentin Tarantino – papel que seria de Warren Beatty. Em 2009, aos 72 anos, Carradine foi encontrado asfixiado com uma corda que ligava o pescoço às suas partes íntimas, em um acidente sexual – isso que era vitalidade.

James Gandolfini

O eterno Tony Soprano, da série Família Soprano, James Gandolfini teve uma satisfatória migração para o cinema, onde emplacou bons filmes e era visto como ator acima da média. Gandolfini estava desenvolvendo um projeto com a HBO, quando em férias na Itália, em 2013, aos 51 anos, faleceu de ataque cardíaco. O projeto seguiu em frente e se tornou a minissérie The Night Of, com Gandolfini ainda creditado como produtor e John Torturro assumindo seu papel.

Jonathan Brandis

Outro que talvez muitos não lembrem, pelo menos os mais novos, mas Brandis foi o protagonista na continuação A História Sem Fim 2 (1990) e viveu Bill, o líder da turma do clube dos perdedores na primeira versão de It (1990), intitulado no Brasil: Uma Obra Prima do Medo. Depois disso, o ator ficou marcado pela série de ficção científica Seaquest (1993-1996), exibida no Brasil pela Globo. O jovem ator faleceu aos 27 anos, em 2003, cometendo suicídio por enforcamento.

Misty Upham

Descendente de nativos-americanos, a atriz Misty Upham ficou marcada por seus papéis em dramas independentes, sempre ao lado de grandes estrelas, pelos quais recebeu tantos elogios que alguns especialistas acreditavam que merecia ser indicada ao Oscar. Ela esteve em Rio Congelado (2008), ao lado de Melissa Leo, Álbum de Família (2013), ao lado de Meryl Streep e Julia Roberts, e Cake: Uma Razão para Viver (2014), ao lado de Jennifer Aniston. A atriz, que tinha histórico de problemas e instabilidade mental, já havia desaparecido outras vezes, sendo encontrada logo após sua família dar queixa de seu sumiço na polícia. Em 2014, após ficar sumida por uma semana, o mesmo ocorreu. Desta vez, no entanto, a família organizou uma busca e encontrou o corpo da jovem de 32 anos caído na parte de baixo de um penhasco. Acredita-se que tenha sido um acidente, e que ela tenha caído no escuro.

Whitney Houston

Uma das maiores perdas recentes para o mundo do entretenimento, Whitney Houston consagrou-se como cantora, e em 1992 conquistou o mundo como atriz em O Guarda-Costas, seu maior sucesso no cinema. A batalha contra o vício em álcool, drogas e o abuso no casamento foi árdua, e Houston vivia entrando e saindo de clínicas. Em 2012, antes do lançamento do longa Sparkle: O Brilho de uma Estrela, Houston faleceu aos 48 anos, devido a um afogamento causado por uma doença do coração e o uso de cocaína.

Heath Ledger

Talvez a morte mais lembrada e mais marcante dos últimos anos, Heath Ledger, assim como diversos outros jovens da lista, era um promissor ator com uma bela carreira pela frente. Sucessor de James Dean e River Phoenix, Ledger deixou um legado de 23 créditos como ator e duas indicações ao Oscar, a segunda póstuma e seguida de vitória. O maior papel de sua vida, foi justamente o que iria custá-la. Ao viver o maior vilão da sétima arte, o palhaço Coringa, em O Cavaleiro das Trevas (2008), Ledger se tornou dependente químico, e o desgaste que o papel lhe causou, somado à depressão que tinha pela separação da esposa Michelle Williams, com quem teve uma filha, fez o jovem mergulhar de cabeça nos medicamentos. Em 2008, antes do lançamento de seu maior filme, Ledger faleceu aos 28 anos de overdose.





Inscreva-se em nosso canal e receba conteúdo exclusivo » http://goo.gl/mPcJ5c