terça-feira, junho 25, 2024

Rolly Crump, animador e designer dos parques da Disney, morre aos 93 anos

De acordo com o Comic Book, Rolly Crump, uma lenda da Disney conhecida por seu trabalho em vários filmes e atrações de parques temáticos da Disneylândia, faleceu aos 93 anos.

A notícia foi divulgada originalmente na página do Facebook de Crump, revelando que ele faleceu pacificamente no último domingo, 12 de março, em Carlsbad, na Califórnia, EUA.

As contribuições de Crump para a Disney incluíram o design de várias atrações icônicas da Disneylândia, como a Mansão Mal-Assombrada e o EPCOT Center.

Nascido em 1930 em Alhambra, Califórnia, Crump começou a trabalhar na Disney em 1952 como um “intermediário” e depois se tornou assistente de animação em ‘Peter Pan’, ‘A Dama e o Vagabundo’, ‘A Bela Adormecida’ e ‘101 Dálmatas‘.

Em 1959, ele ingressou na empresa que se tornaria a Walt Disney Imagineering, onde começou a projetar as atrações da Disneylândia.

Enquanto trabalhava na Disney em meados da década de 1960, ele também desenhou vários cartazes e logotipos para os filmes.

Já na década de 1970, ele deixou a Disney para trabalhar em estúdios menores, até que retornou à companhia em 1992 e tornou-se designer executivo na Imagineering, aposentando-se dois anos mais tarde.

Em 2004, ele foi coroado uma lenda da Disney.

“Um indivíduo verdadeiramente único, dono de um trabalho caprichoso que foi apresentado em todo o mundo”, diz o post no Facebook. “Seja por suas inúmeras contribuições para os filmes e parques temáticos da Walt Disney ou por sua própria arte pessoal, o estilo incrível de Rolly era exclusivo e instantaneamente reconhecido por muitos. O trabalho mais notável de Rolly para a Disney foi seu profundo impacto na indústria de parques temáticos ao longo dos anos. Seus designs contribuíram para as atrações mais famosas da empresa, como The Enchanted Tiki Room, a Haunted Mansion, it’s a small world e muito mais. O trabalho também foi muito além da Disney, pois ele passou a criar obras icônicas para Knott’s Berry Farm, Busch Gardens, o Sultão de Omã e muitos outros. Ele deixa para trás um legado que nunca pode ser igualado, e a magia que criou para inúmeras pessoas em todo o mundo nunca serão esquecidas. Rolly e sua família gostariam de agradecer aos fãs por apoiarem seu trabalho ao longo dos anos. Sua vida inteira foi preenchida com uma ‘história meio fofa’ após a outra, e ele será lembrado com muito amor.”

Mais notícias...

Siga-nos!

2,000,000FãsCurtir
370,000SeguidoresSeguir
1,500,000SeguidoresSeguir
183,000SeguidoresSeguir
158,000InscritosInscrever

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MATÉRIAS

CRÍTICAS