Depois de interpretar Anakin Skywalker em ‘Star Wars: A Ameça Fantasma’ (1999), Jake Lloyd passou a infância sendo assediado e sofrendo bullyng por parte dos fãs, o que afetou sua carreira e sua saúde mental.

Diagnosticado com esquizofrenia paranoide, o astro abandonou o cinema e viveu inúmeras polêmicas ao longo da adolescência, principalmente quando foi preso por dirigir alcoolizado em 2015.

E, de acordo com o Movie Web, a mãe de Lloyd divulgou uma declaração informando que o estado de saúde dele piorou após a morte de sua irmã mais nova.

“Gostaríamos de agradecer a todos pelo apoio e por suas adoráveis ​​palavras. Jake foi diagnosticado com esquizofrenia paranoide há alguns anos, mas infelizmente ele também adquiriu sintomas de anosognosia, que causa falta de consciência sobre sua condição. Isso só aumenta a luta que ele enfrenta, que tem sido muito difícil após a trágica perda de sua irmã mais nova, Madison.”

Mesmo assim, ela disse que não perdeu as esperanças e acredita que seu filho vai se recuperar e viver uma vida normal.

“Ele se aproximou da família novamente e estamos trabalhando duro para ajudá-lo com a recuperação. Ele ainda é uma pessoa gentil e carinhosa, e esperamos que ele volte a ser aquele rapaz divertido que conhecemos. Jake vai progredir recebendo todo esse amor e carinho que vocês continuam demonstrando.”

Lloyd não foi o único a sofrer por causa de fãs tóxicos, já que Ahmed Best, intérprete de Jar Jar Binks, revelou que quase se suicidou depois de passar anos enfrentando o preconceito por causa de sua participação na saga.

Em 2017, Kelly Marie Tran abandonou as redes sociais depois de sofrer sofreu inúmeros ataques por conta de seu peso e sua ascendência asiática.

A intérprete de Rose Tico em ‘Star Wars: Os Últimos Jedi‘ revelou ao Good Morning America que precisou passar por intensas terapias para tentar se recuperar do trauma.

10 filmes de terror no Amazon Prime Video para fugir dos problemas…

Aproveite para assistir:

10 Séries de Comédia para Maratonar nas Próximas Semanas

“Eu me sinto ótima agora. Passei por algumas sessões de terapia intensa e recomendo muito. Antes de tudo isso, eu trabalhava o dia todo e estava tentando alcançar o sonho de ser atriz, e de repente eu estava em ‘Star Wars‘. Essa transição exige um emocional forte e agora eu já sei disso. Estou me sentindo muito mais segura e empolgada com o novo filme. Trabalhar com J.J. Abrams foi incrível.”

Confira:

15 Séries da Netflix Para Maratonar

15 Séries da Globoplay Para Você Maratonar

15 Séries da Amazon Prime Para Maratonar neste mês

10 reality shows insanos pra você que amou The Circle e Casamento às Cegas

Não deixe de assistir:

SE INSCREVA NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE