'Star Wars': James Gunn sugere terapia para fãs após revelações de ator que viveu Jar Jar Binks

'Star Wars': James Gunn sugere terapia para fãs após revelações de ator que viveu Jar Jar Binks


Após as trágicas revelações do ator Ahmed Best - intérprete do caricato personagem de 'Star Wars', Jar Jar Binks -, sobre seus pensamentos suicidas, o cineasta James Gunn se posicionou no Twitter.

Em uma publicação feita em sua conta oficial, o diretor de 'Guardiões da Galáxia' sugeriu terapia para os fãs da saga e de qualquer outro filme que projetam suas expectativas de felicidade nas produções que admira.

Confira seu desabafo:




"'Star Wars' ou qualquer outro filme pode ser importante para você, mas ele não pertence a você. Se sua auto-estima depende de quão bom você acha que o atual 'Star Wars' é ou se sua infância está arruinada porque você não gosta de algo em um filme, vá para a terapia".

 

Entenda

Através de seu Twitter, o ator Ahmed Best revelou que considerou suicídio, afirmando que o filme quase acabou com sua carreira. Ele não menciona o personagem Jar Jar Binks diretamente, mas a data revelada bate com o lançamento de 'Star Wars - Episódio 1: A Ameaça Fantasma', que ocorreu em 1999.

"Fará 20 anos no próximo ano que eu enfrentei uma reação da mídia que quase acabou com a minha carreira. Esse foi o lugar que eu quase acabei com a minha vida. Ainda é difícil falar sobre isso. Eu sobrevivi e agora este pequeno garoto é o presente da minha sobrevivência."

Jar Jar Binks permanece sendo um dos personagens não só mais odiados da franquia, como também de toda a história do cinema. Reações negativas continuam a repercutir até mesmo nos dias atuais.





Inscreva-se em nosso canal e receba conteúdo exclusivo » http://goo.gl/mPcJ5c