The Gifted - Episódio 2x10 - 'eneMy of My eneMy'

The Gifted - Episódio 2x10 - 'eneMy of My eneMy'

Nota:

Após um curto hiato, a série criada por Matt Nix (Burn Notice) retorna sua segunda temporada exatamente de onde parou: com o Thunderbird (Blair Redford) capturado pelos Purificadores liderados por Jace Turner (Coby Bell). Não é difícil de se imaginar que a partir deste momento os mutantes underground estariam buscando formas de recuperá-lo.

A dinâmica de ‘eneMy of My eneMy’ é interessante, porque traz o sentimento nostálgico de ver Marcos (Sean Teale), Clarice (Jamie Chung), Lorna (Emma Dumont), Lauren (Natalie Alyn Lind), Andy (Percy Hynes White), Caitlin (Amy Acker) e Reed (Stephen Moyer) atuando lado a lado novamente. Com a captura de John, a resistência não consegue ver outra solução sem ser pedir a ajuda dos ex-integrantes (Polaris e Andy) para salvar o ex-militar das mãos do grupo de ódio aos mutantes.

Além de cada personagem estar enfrentando problemas particulares, ainda precisam lidar com toda tensão criada a partir desse reencontro. De um lado, a filha do Magneto e Eclipse possuem sentimentos românticos um pelo outro, assim como toda a questão de estarem longe da filha devido aos conflitos ocorrendo contra os portadores do gene X. As ideologias diferentes escolhidas por cada um e o evidente sentimento nostálgico que permeia ambos quando trabalham juntos para salvar Thunderbird.

Enquanto isso, Andy ainda aparenta estar lidando com a morte de Rebecca (Anjelica Bette Fellini), ao mesmo tempo que o fato parece ter endurecido ainda mais o coração do mais novo da família Strucker. A cena do sonho com Lauren é a prova de que seus sentimentos ainda estão confusos e que parte dele sente falta da família. A ira invocada pelo mesmo no momento em que um dos purificadores tenta atingir a irmã por trás é um misto da influência do Círculo Interno, especialmente da personagem de Fellini com o amor que tem por Lauren.




Por outro ângulo, o reencontro de Caitlin e Reed com o filho renova a esperança dentro deles de que podem convencê-lo a voltar para o lado dos mutantes underground, entretanto, tudo isso é colocado a perder ao ver no que o mesmo está se tornando. A cena em que a personagem de Acker afirma que a única forma de tê-lo novamente é destruindo o grupo liderado por Reeva (Grace Byers) demonstra que o público poderá ver uma mudança na dinâmica entre os dois grupos de portadores do gene X.

Aparentemente, Jace Turner agora se tornará um total membro do grupo de purificadores, ainda mais após acreditar que Thunderbird estava mentindo sobre o Círculo Interno. Inclusive, por falar em John, o líder da resistência aparenta estar cada vez mais em conflito devido ao fato de sentir como se estivesse falhado com seu grupo, o que pode levar, cada vez mais à ruína dos underground. Do outro lado fica o questionamento se Blink começará a sentir culpa pelo que aconteceu ao mesmo (John).

Para finalizar, é preciso falar sobre a última cena do episódio, com Andy e Lauren treinando e deixando a leve impressão de que esta temporada pode encerrar com um conflito entre os irmãos Strucker. ‘eneMy of My eneMy’ entra para a lista de um dos melhores episódios da segunda temporada até o momento.


Inscreva-se em nosso canal e receba conteúdo exclusivo » http://goo.gl/mPcJ5c