O diretor Sam Mendes levou para casa o prêmio máximo da 72ª edição do Directors Guild of America (DGA) por seu incrível trabalho em 1917 – tornando-se o favorito para levar para casa a estatueta do Oscar 2020.

“Tive sorte o bastante para levar para casa esse prêmio duas décadas atrás”, ele disse durante seu discurso, fazendo referência à estatueta que levou por Beleza Americana em 1999. “E acho que, sendo honesto comigo mesmo, não sentia realmente como se soubesse o que estava fazendo. Me sinto um pouco mais ciente agora”.

Mendes também levou o prêmio de Melhor Diretor no Globo de Ouro e no Critics’ Choice Awards.

Confira nossa crítica:

O longa é dirigido por Sam Mendes (‘007 – Operação Skyfall‘), que coescreveu o roteiro ao lado de Krysty Wilson-Cairns.

Em um dos momentos críticos da Primeira Guerra Mundial, dois soldados britânicos Schofield (MacKay) e Blake (Chapman) recebem uma missão aparentemente impossível. Em uma corrida contra o tempo, os soldados devem cruzar território inimigo e entregar uma mensagem que cessará o ataque brutal de milhares – entre eles, o irmão de Blake.

O elenco inclui George MacKay, Dean-Charles Chapmann, Mark Strong, Andrew Scott, Richard Madden, Claire Duburcq, Colin Firth e Benedict Cumberbatch.

Aproveite para assistir:

Comentários

Não deixe de assistir:

SE INSCREVA NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE